Pular para o conteúdo principal

Inflação 2020 no Brasil é de 4,52%. Em Fortaleza fica em 5,74%

A Inflação fechou 2020 com alta de 4,52%, a maior desde 2016 (6,29%), segundo o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), divulgado nesta terça-feira (12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A alta dos preços foi generalizada em todas as 16 localidades pesquisadas pelo IBGE em 2020. Campo Grande (6,85%) teve a maior variação do ano, por conta das Carnes e da Gasolina. Em seguida:
  • Rio Branco (6,12%).
  • Fortaleza (5,74%).
  • São Luís (5,71%).
  • Recife (5,66%).
  • Vitória (5,15%).
  • Belo Horizonte (4,99%).
  • Belém (4,63%), todas acima da média nacional (4,52%).
Já o menor índice ficou com Brasília (3,40%), onde pesaram as quedas nos preços das Passagens Aéreas (-20,01%), dos Transportes por aplicativo (-18,71%), dos itens de Mobiliário (-7,82%) e de Hospedagem (-6,26%).
Dezembro - O indicador de dezembro, que foi divulgado junto com o acumulado do ano, acelerou para 1,35%, a variação mais intensa desde fevereiro de 2003 (1,57%) e a maior para um mês de dezembro desde 2002 (2,10%).


Com o resultado, o índice do ano ficou acima do centro meta, definido pelo Conselho Monetário Nacional, que era de 4,0%, mas dentro da margem de tolerância de 1,5 ponto percentual para baixo (2,5%) ou para cima (5,5%). Em 2019, a inflação foi de 4,31%.

No ano passado, a alta de 14,09% nos preços de alimentos e bebidas pesou no bolso dos brasileiros.

O gerente da Pesquisa, Pedro Kislanov, explica que esse crescimento, o maior desde 2002 (19,47%), foi provocado, entre outros fatores, pela demanda por esses produtos, a alta do dólar e dos preços das commodities no mercado internacional. Foi um movimento global de alta nos preços dos alimentos, num ano marcado pela pandemia de Covid-19.

Os preços do Óleo de Soja (103,79%) e do Arroz (76,01%) dispararam no acumulado do ano passado. Outros itens importantes na cesta das famílias também tiveram altas expressivas, como o Leite Longa Vida (26,93%), as Frutas (25,40%), as Carnes (17,97%), a Batata-Inglesa (67,27%) e o Tomate (52,76%).

Segundo Kislanov, a Inflação também foi puxada pela Habitação (5,25%), cuja alta foi influenciada pelo aumento da Energia Elétrica (9,14%). Os artigos de Residência também pesaram mais, por conta do efeito dólar sobre os preços dos Eletrodomésticos, Equipamentos e Artigos de TV, Som e Informática. Em conjunto, Alimentação e Bebidas, Habitação e Artigos de Residência responderam por quase 84% da inflação de 2020.

IPCA - Variação acumulada no ano (%)

Clique e arraste para zoom

Brasildezembro 2010dezembro 2011dezembro 2012dezembro 2013dezembro 2014dezembro 2015dezembro 2016dezembro 2017dezembro 2018dezembro 2019dezembro 2020102,557,512,5dezembro 20183,75 %

Fonte: IBGE - Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo


Já os Transportes, segundo maior peso na composição do indicador, fecharam o ano com alta de 1,03%. 
- Tivemos quedas fortes, em abril e maio, por conta do preço da Gasolina, que fechou o ano em queda (-0,19%), apesar das seis altas consecutivas de junho e dezembro. As passagens aéreas tiveram uma queda de 17,15% no acumulado ano, ajudando a puxar o resultado para baixo”, diz  Pedro Kislanov.
O único grupo a apresentar variação negativa, observa o gerente do IPCA, foi Vestuário (-1,13%). 
- Por conta do Isolamento Social, as pessoas ficaram mais em casa, o que pode ter diminuído a demanda por roupas. Tivemos quedas em Roupas Femininas (-4,09%) e masculinas (-0,25%) e infantis (-0,13%), calçados e acessórios (-2,14%). A única exceção foram joias e bijuterias (15,48%), por causa da alta do ouro”, explica  Pedro Kislanov.
Inflação de dezembro é a maior desde 2003 - Em dezembro, a inflação acelerou para 1,35%, acima da registrada em novembro (0,89%). É a maior variação mensal desde fevereiro de 2003, quando o indicador foi de 1,57%, e o maior índice para um mês de dezembro desde 2002 (2,10%). Em dezembro de 2019, a variação havia ficado em 1,15%.

Pedro Kislanov observa que, no mês, todos os grupos pesquisados tiveram alta, mas o destaque ficou com habitação (2,88%), devido ao aumento de 9,34% na energia elétrica. “Em dezembro, passou a vigorar no país a bandeira tarifária vermelha patamar 2, com acréscimo de R$ 6,243 a cada 100 quilowatts-hora consumidos. Além disso, houve reajustes tarifários em Rio Branco e Porto Alegre”, explica.

IPCA - Variação mensal (%)

Clique e arraste para zoom

Índice geral | Brasiljaneiro 2020fevereiro 2020março 2020abril 2020maio 2020junho 2020julho 2020agosto 2020setembro 2020outubro 2020novembro 2020dezembro 2020-0,500,511,5outubro 20200,86 %

Fonte: IBGE - Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo


A segunda maior contribuição veio de alimentação e bebidas (1,74%), apesar da desaceleração frente ao mês anterior (2,54%). Houve queda nos preços do tomate (-13,46%) e altas menos intensas nas carnes (3,58%), no arroz (3,84%) e no óleo de soja (4,99%). Por outro lado, os preços das frutas subiram de 2,20% para 6,73%.

Outro destaque foi o grupo transportes (1,36%), com variação próxima a de novembro (1,33%). Os demais ficaram entre o 0,39% de comunicação e o 1,76% de artigos de residência.

Entre os locais pesquisados, a maior inflação de dezembro foi registrada no município de São Luís (2,18%), puxada pela alta de 11,30% no preço das carnes. Já o menor resultado ficou com o município de Aracaju (0,91%), por conta da queda nas mensalidades dos cursos regulares (-0,78%) e nos preços de alguns produtos alimentícios, como o queijo (-6,33%) e o tomate (-6,04%).

INPC fica acima do IPCA - O IBGE também divulgou que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), que mede a inflação entre as família com menor rendimento, encerrou 2020 com alta de 5,45%, acima dos 4,48% de 2019. Em dezembro, o INPC acelerou para 1,46%, frente a alta de 0,95% registrada em novembro. Foi o maior resultado para o mês de dezembro desde 2002, quando o índice ficou em 2,70%. Em dezembro de 2019, a taxa foi de 1,22%.

Pedro Kislanov observa que INPC ficou acima do IPCA, tanto no acumulado do ano quanto na comparação mensal. “Isso é explicado, em grande medida, pelo peso de alimentação e bebidas na cesta de produtos e serviços das famílias, que é maior no INPC do que no IPCA. Habitação também tem peso maior, especialmente por causa da Energia Elétrica”.

O INPC é calculado com base em famílias com rendimento de um a cinco salários mínimos, sendo o chefe assalariado, em dez regiões metropolitanas do país, além dos municípios de Goiânia, Campo Grande, Rio Branco, São Luís, Aracaju e de Brasília. Já o IPCA abrange famílias que ganham até 40 salários mínimos, qualquer que seja a fonte
Com informações da Agência IBGE de Notícias.

Comentários

Entre em contato conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Notícias mais acessadas do mês

Futricas Cearenses

Fala professora, jornalista, feminista e do Podcast As Cunhãs, K amila Bossato Fernandes: - Me incomoda muito ver uma figura local da TV, conhecido por ser um assediador safado, virar meme queridinho da galera. O sujeito tá sendo premiado pelo mau-caratismo, não é um velhinho gente boa. Enfim, dose... - Dá desgosto ouvir o Debates do Povo... Justamente pela insistência de manter uma certa "neutralidade", levam uma figura como esse bolsonarista do Novo que, além de agressivo, é raso que nem um pires. Desisto de ouvir, infelizmente...

Morre o jornalista e palestrante Nelson Gonçalves

O jornalista e palestrante cearense, Nelson Gonçalves, morreu, nesta sexta-feira, no hospital Monte Klinikum, em Fortaleza, onde estava internado por conta de problemas de saúde, após tratamento de um câncer. Nelson Gonçalves foi diretor Comercial da TV Jangadeiro por anos e teve passagem pelo SBT, Band, TV Diário, Rede TV e Folha de S. Paulo. Era  jornalista com pós-graduação em Marketing pela FGV e especialização em Atendimento ao Cliente pela ESPM Ele deixa viúva a também jornalista Cleide Castro, com que teve dois filhos: Joana e João. 

Futricas Cearenses

 Kaio Cézar (foto) deixou a Ceará Rádio Clube e estreia na próxima semana o Portal TorcidaK. - Estreia na próxima semana! Siga as redes sociais da @torcidak  e fique ligado nas novidades. - Dia de despedida. Poder comandar a Equipe de Esportes da Rádio Clube num momento desafiador - retomada do Esporte da emissora no Estado - foi, antes de tudo, motivo de grande honra para mim. - Como tudo passa, hoje comovidamente me despeço carregando grande orgulho do trabalho desenvolvido e dos amigos cultivados para me dedicar a um novo projeto, agora de forma independente. - Quero agradecer ao diretor Márcio Aurélio pela parceria. Aos colegas, pelo companheirismo. Aos patrocinadores, pela confiança. Aos ouvintes, pela audiência. A todos, pela amizade. - Vida longa à Rádio Clube. - Vida longa aos Campeões da Bola!

Futricas Cearenses

Informa pelo Facebook, o cinegrafista José Melo sua saída do Sistema Verdes Mares (SVM): -  Aqui se encerra mais um ciclo da minha Carreira Profissional dentro do Sistema Verdes Mares-SVM. - Foram quinze anos de trabalho, aprendizado, dedicação e empenho. - Sou imensamente grato pela oportunidade e confiança que depositaram em mim e no meu trabalho ao longo desses anos. - Gratidão à Deus por tudo que conquistei. - Ao meu filho minha inspiração de sempre, meu motivo para está sempre de pé. - Minha irmã Mara por acreditar que eu seria capaz, foi ela meu primeiro degrau. - Demais familiares pelo apoio de sempre principalmente minhas mães. - Não poderia também deixar de agradecer: - A cada um que pude ter a grata satisfação de trabalharmos juntos e conviver diariamente como uma segunda família. - Sentirei saudades do companheirismo partilhados, das conquistas em equipe, que enriqueceram minha Carreira Profissional e serviram como aprendizado. - Me despeço aqui. - Mas seguirei buscando me a

Confira o possível Secretariado de José Sarto

Apostem nestes nomes para o Secretariado do prefeito José Sarto (PDT) para o quadriênio 2021-2024: Samuel Dias - Infraestrutura. Ferruccio Feitosa - Urbanismo e Meio Ambiente. Renato Lima - Governo. João Pupo - Serviços Urbanos. Elpídio Moreira - Chefe de Gabinete. Daniel Aderaldo - Comunicação. Elpídio Nogueira - Turismo. Eudoro Santana - Planejamento. Renan Colares - Desenvolvimento Econômico. Cláudia Gomes - a definir. Iraguassu Filho - a definir. Evaldo Lima - a definir. Toinha Rocha - a definir. Esio Feitosa - a definir. Luiz Alberto Saboia - a definir. Gardel Rolim - Líder do prefeito na Câmara de Vereadores.

Postagens mais visitadas deste blog

Futricas Cearenses

Fala professora, jornalista, feminista e do Podcast As Cunhãs, K amila Bossato Fernandes: - Me incomoda muito ver uma figura local da TV, conhecido por ser um assediador safado, virar meme queridinho da galera. O sujeito tá sendo premiado pelo mau-caratismo, não é um velhinho gente boa. Enfim, dose... - Dá desgosto ouvir o Debates do Povo... Justamente pela insistência de manter uma certa "neutralidade", levam uma figura como esse bolsonarista do Novo que, além de agressivo, é raso que nem um pires. Desisto de ouvir, infelizmente...

Morre o jornalista e palestrante Nelson Gonçalves

O jornalista e palestrante cearense, Nelson Gonçalves, morreu, nesta sexta-feira, no hospital Monte Klinikum, em Fortaleza, onde estava internado por conta de problemas de saúde, após tratamento de um câncer. Nelson Gonçalves foi diretor Comercial da TV Jangadeiro por anos e teve passagem pelo SBT, Band, TV Diário, Rede TV e Folha de S. Paulo. Era  jornalista com pós-graduação em Marketing pela FGV e especialização em Atendimento ao Cliente pela ESPM Ele deixa viúva a também jornalista Cleide Castro, com que teve dois filhos: Joana e João. 

Futricas Cearenses

 Kaio Cézar (foto) deixou a Ceará Rádio Clube e estreia na próxima semana o Portal TorcidaK. - Estreia na próxima semana! Siga as redes sociais da @torcidak  e fique ligado nas novidades. - Dia de despedida. Poder comandar a Equipe de Esportes da Rádio Clube num momento desafiador - retomada do Esporte da emissora no Estado - foi, antes de tudo, motivo de grande honra para mim. - Como tudo passa, hoje comovidamente me despeço carregando grande orgulho do trabalho desenvolvido e dos amigos cultivados para me dedicar a um novo projeto, agora de forma independente. - Quero agradecer ao diretor Márcio Aurélio pela parceria. Aos colegas, pelo companheirismo. Aos patrocinadores, pela confiança. Aos ouvintes, pela audiência. A todos, pela amizade. - Vida longa à Rádio Clube. - Vida longa aos Campeões da Bola!

Futricas Cearenses

Informa pelo Facebook, o cinegrafista José Melo sua saída do Sistema Verdes Mares (SVM): -  Aqui se encerra mais um ciclo da minha Carreira Profissional dentro do Sistema Verdes Mares-SVM. - Foram quinze anos de trabalho, aprendizado, dedicação e empenho. - Sou imensamente grato pela oportunidade e confiança que depositaram em mim e no meu trabalho ao longo desses anos. - Gratidão à Deus por tudo que conquistei. - Ao meu filho minha inspiração de sempre, meu motivo para está sempre de pé. - Minha irmã Mara por acreditar que eu seria capaz, foi ela meu primeiro degrau. - Demais familiares pelo apoio de sempre principalmente minhas mães. - Não poderia também deixar de agradecer: - A cada um que pude ter a grata satisfação de trabalharmos juntos e conviver diariamente como uma segunda família. - Sentirei saudades do companheirismo partilhados, das conquistas em equipe, que enriqueceram minha Carreira Profissional e serviram como aprendizado. - Me despeço aqui. - Mas seguirei buscando me a

Confira o possível Secretariado de José Sarto

Apostem nestes nomes para o Secretariado do prefeito José Sarto (PDT) para o quadriênio 2021-2024: Samuel Dias - Infraestrutura. Ferruccio Feitosa - Urbanismo e Meio Ambiente. Renato Lima - Governo. João Pupo - Serviços Urbanos. Elpídio Moreira - Chefe de Gabinete. Daniel Aderaldo - Comunicação. Elpídio Nogueira - Turismo. Eudoro Santana - Planejamento. Renan Colares - Desenvolvimento Econômico. Cláudia Gomes - a definir. Iraguassu Filho - a definir. Evaldo Lima - a definir. Toinha Rocha - a definir. Esio Feitosa - a definir. Luiz Alberto Saboia - a definir. Gardel Rolim - Líder do prefeito na Câmara de Vereadores.