Pular para o conteúdo principal

11 grupos de pesquisa são credenciados como unidades de inovação pelo MEC

Com o apoio do Ministério da Educação (MEC), 11 novos grupos de pesquisa de universidades federais, incluindo a Universidade Federal do Ceará (UFC), foram selecionados e serão credenciados pela Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (EMBRAPII). Os grupos terão disponíveis cerca de R$ 30 milhões para investir em projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) com vistas a atender a demandas do Setor Industrial.


No caso da UFC (foto Viktor Braga), a nova unidade reúne pesquisadores do Laboratório de Engenharia de Sistemas de Computação (LESC), vinculado ao Departamento de Engenharia de Teleinformática (DETI). O grupo de pesquisa tem sólida atuação em projetos de sistemas computacionais.

Segundo o secretário de Educação Superior do MEC, Wagner Vilas Boas, o credenciamento das novas unidades pela EMBRAPII mostra o comprometimento do ministério em incentivar a inovação nas universidades federais. "A EMBRAPII é referência no setor de inovação e tecnologia industrial. Nós queremos trazer essa experiência para dentro das universidades", afirmou.

Os projetos serão desenvolvidos nas áreas de energias renováveis, fibras florestais, sistemas embarcados, geotecnologia e agronegócio, inteligência artificial, computação industrial, materiais avançados/nanomateriais, computação industrial, robótica inteligente, sistemas veiculares e tecnologia da informação e comunicação (TIC).

A EMBRAPII financiará um terço do valor dos projetos das novas unidades com recursos não reembolsáveis. Potencializada pelo modelo de financiamento, a parceria tem o objetivo de atrair empresas pelo conhecimento existente e pela capacidade de geração de soluções tecnológicas das novas unidades.

A meta é gerar 175 projetos e R$ 100 milhões em investimentos de inovação, à medida que se somarem ao valor aportado pela EMBRAPII a contrapartida financeira de empresas e os recursos não financeiros da unidade (mão de obra, equipamentos de ponta etc.). Espera-se que as empresas invistam cerca de R$ 50 milhões nos projetos.

"Para cada unidade credenciada, a EMBRAPII assegura à indústria que aquele centro de pesquisa possa atuar como seu centro de P&D ou completar as atividades do centro que a empresa já possua", destaca o diretor-presidente da EMBRAPII, Jorge Guimarães.

As 11 novas unidades da EMBRAPII foram selecionadas entre 37 propostas. Elas se juntam a seis unidades já credenciadas e vinculadas às universidades federais (UFRGS, UFSC, UFRJ, UFMG, UFU, UFCG). Assim, passa para 17 o número de unidades da EMBRAPII em instituições federais de educação superior credenciadas para desenvolvimento de projetos de inovação. Ao todo, a rede conta com 55 unidades.


CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL – Além estimular a interação entre o setor produtivo e a academia, o credenciamento também visa capacitar profissionais para atuar em projetos de PD&I na indústria. O programa prevê a participação de estudantes de graduação e pós-graduação em projetos EMBRAPII, permitindo o aprendizado a partir da experiência real, por meio da pesquisa aplicada.

Além disso, o programa de Formação de Recursos Humanos da EMBRAPII facilita o desenvolvimento de habilidades que ultrapassam a dimensão técnica, como as de persuasão e negociação; gerenciamento de projetos; comunicação e liderança. Cerca de 530 estudantes terão a oportunidade de participar da iniciativa.

SOBRE A EMBRAPII – A organização social é uma instituição privada sem fins lucrativos que tem como principal missão contribuir para o desenvolvimento da inovação e da competitividade da indústria brasileira com o atendimento às demandas de inovação do setor produtivo. Além do MEC, os ministérios da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC) e da Saúde são responsáveis, predominantemente, pelos recursos da EMBRAPII, provenientes de contratos de gestão.

Conheça as 11 unidades EMBRAPII selecionadas:
  1. Unidade EMBRAPII em Sistemas Embarcados da Universidade do Ceará (UFC) - A nova unidade reúne pesquisadores do Laboratório de Engenharia de Sistemas de Computação da UFC (LESC), que integra o Departamento de Engenharia de Teleinformática (DETI) da UFC. O grupo de pesquisa tem sólida atuação em projetos de sistemas computacionais. Na EMBRAPII, atuará na área de sistemas embarcados complexos, com ênfase em conversão de energia, diagnósticos de falhas e automação industrial.
  2. Unidade EMBRAPII em Fibras Florestais da Universidade Federal de Viçosa (UFV) - Atuará na área de fibras florestais, desenvolvendo PD&I, desde a produção até a conversão das fibras em novos materiais e produtos de maior valor. O grupo engloba pesquisadores do Departamento de Engenharia Florestal (DEF), que conta com infraestrutura de excelência e histórico de proximidade com as empresas da área credenciada.
  3. Unidade EMBRAPII em Energias Renováveis da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) - Reúne pesquisadores do Instituto de Redes Inteligentes, órgão suplementar do Centro de Tecnologia (CT) da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), no Rio Grande do Sul. O grupo de pesquisa atua na área de energias renováveis, abrangendo temas como integração de recursos energéticos renováveis em redes elétricas, conversão de energia, eficiência energética e armazenamento de energia e veículos elétricos.
  4. Unidade EMBRAPII em Materiais e Processos Sustentáveis da Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR) - Está apta a desenvolver projetos de PD&I na área de materiais avançados, com foco em processos e produtos inovadores, sustentáveis e funcionais. As pesquisas serão apoiadas pela infraestrutura técnica e laboratorial do Centro de Ciências Exatas e Tecnologia (CCET), que possui importante produção científica no cenário nacional e internacional.
  5. Unidade EMBRAPII em Materiais Poliméricos e Funcionais da Universidade Federal do ABC (UFABC) - Composta por pesquisadores do Grupo de Ciência, Tecnologia e Inovação em Materiais (GTIM), atuará no desenvolvimento de materiais avançados, com ênfase em polímeros funcionais e no aprimoramento de superfícies funcionais para aplicação nas áreas de energia, biotecnologia e transporte. O grupo é constituído por profissionais de diferentes áreas de formação, permitindo uma atuação interdisciplinar.
  6. Unidade EMBRAPII em Materiais Avançados e Nanomateriais da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) - Formada por pesquisadores do Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT), oferecerá ao setor produtivo a expertise na área de materiais avançados, com foco em materiais poliméricos e nanomateriais. O desenvolvimento de projetos de PD&I nessas áreas possibilita importante avanço nos segmentos químico, farmacêutico, aeroespacial, cosmético, automotivo saúde, defesa, construção civil e celulose.
  7. Unidade EMBRAPII em Geotecnologia e Agronegócio da Universidade Federal de Lavras (UFLA) - Desenvolverá sistemas inteligentes em geotecnologia e agronegócio. O grupo integra profissionais de diferentes departamentos da UFLA e possui como principal objetivo potencializar o conhecimento gerado na universidade, transformando-o em produtos inovadores para a sociedade, ultrapassando os limites da pesquisa e promovendo o desenvolvimento sustentável do País.
  8. Unidade EMBRAPII em Inteligência Artificial da Universidade Federal de Goiás (UFG) -  Sediada no Instituto de Informática da UFG e composta por pesquisadores do Centro de Excelência em Inteligência Artificial, a nova unidade tem equipes dedicadas e multidisciplinares para desenvolver soluções tecnológicas em inteligência artificial, com ênfase no aprendizado de máquina (deep learning), a partir de dados e de ambientes.
  9. Unidade EMBRAPII em Robótica Inteligente da Universidade Federal do Rio Grande (FURG) - A nova unidade engloba pesquisadores do Centro de Inovação em Ciência de Dados e Robótica (ITEC) da FURG. Credenciado em robótica inteligente, o grupo de pesquisa desenvolverá projetos na área associados ao ecossistema costeiro e oceânico e toda sua cadeia produtiva.
  10. Unidade EMBRAPII em Computação Industrial da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) - Envolve pesquisadores do Instituto de Computação da UFAL, referência regional na pesquisa e desenvolvimento de projetos de tecnologia da informação e comunicação (TIC). Na EMBRAPII, desenvolverá projetos na área de computação industrial.
  11. Unidade EMBRAPII em Tecnologias e Sistemas Veiculares da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) - É formada por pesquisadores do Centro de Informática (CIN) da UFPE, importante centro do Brasil e da América Latina. Está credenciada para desenvolver PD&I na área de tecnologias e sistemas veiculares, atuando com soluções de software e hardware em sistemas automotivos e toda sua cadeia de valor.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do Ministério da Educação.

Comentários

Entre em contato conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Notícias mais acessadas do mês

Morre atleta cearense Bernadete Lins

O organizador de corridas, Fernando Elpídio informa a morte neste domingo (28) aos 43 anos de idade, da atleta cearense Bernadete Lins (foto):

- Uma notícia de partir o coração. Bernadete Lins, atleta cearense profissional, faleceu hoje. Tenho um carinho especial por essa batalhadora, pessoa simples, humana, que dedicou a vida ao esporte. Não lembro de quantas vezes entreguei troféus nas suas mãos no pódio. QUE PERDA! :(".
Antônia Bernadete Lins da Silva era ipuense e cursava Educação Física na Universidade Vale do Acaraú (Uva), em Sobral. Disputou as mais diversas corridas no Ceará, no Brasil e no Mundo. Era a cearense da elite do Atletismo Feminino Brasileiro. Morreu na manhã deste domingo (28), em Maranguape, quando estava treinado. Ainda foi levada para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Maranguape, mas chegou sem vida.
Confira a repercussão da morte de Bernadete Lins:
Marcos Prado - "Nota de pesar. Bernadete Lins nos deixa hoje, e o seu ultimo suspiro foi fazendo aquilo…

Morre Auxiliar de Reportagem Claudinho

O Assistente de Estúdio e Auxiliar de Reportagem da TV Fortaleza, José Cláudio Ferreira da Costa (Claudinho) morreu neste domingo (7), de Covid 19, aos 61 anos.


Repercussão da morte de Claudinho:

Ivelise Maia - "Descanse em paz Claudinho! Sentindo-se triste".

Assis Pereira - "Anos 1970 éramos da mesma classe de Colégio, e agora na CMFor revivemos história da época, futebol, namoradas de colégio, às cachaças, os amigos, professores e tantas lembranças da época agente comentava. Triste notícia. Deus o tenha eternamente e a família enlutada o meu sentimento de muita tristeza".
Edson Cunha - "Triste demais, saudades vai ficar pra sempre amigo Claudinho".

Demóstenes Batalha - "Trabalhamos juntos na TV Fortaleza por anos, assistente de estúdio e auxiliar da reportagem, sempre prestativo, calado, mas observador. Brincávamos muito, pois era assistente quando era repórter do plenário da câmara. E tínhamos uma piada interna, “cadê o Kid”. Infelizmente vítima de Cov…

Morre o sonoplasta Diocrim

Morreu neste domingo (14), o radialista Carlos Alberto de Oliveira, o Diocrim. Ele foi operador de áudio e divulgador de discos. Diocrim que iniciou sua carreira no Maranhão transferiu-se para o Rádio de Fortaleza no final da década de 1960.


Trabalhou nas rádios Dragão do Mar, Ceará Rádio Clube, Verdes Mares, Cidade AM e rádios no Maranhão; alem de ter sido membro da equipe de produção do show do também já falecido comunicador Bezerra de Menezes (Bezerrão). Diocrim foi divulgador da RGE e empresário de muito artistas cearenses. 
Durante muitos anos foi o operador do Clube dos Tetéus comandado pelo comunicador Colombo Sá, que fazia literalmente eco nos rádios espalhados pelos lares, bares e táxis de Fortaleza com o slogan "Não dorme ninguém, Diocrim", por causa do par de óculos (ocrim) que Carlos Alberto usava, enquanto cuidava do roteiro musical e da sonoplastia do programa, na mesa de áudio da Rádio Clube e depois na Verdes Mares.
Diocrim deixa viúva dona Nailde e órfão as fi…

Hoje é o Dia Mundial do Doador de Sangue

O vereador Michel Lins (Cidadania) e integrantes da sua assessoria estiveram no Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce), em Fortaleza, para doar sangue.

Segundo Michel Lins, a ação foi idealizada com objetivo de chamar atenção para a importância de doar e consequentemente salvar vidas.
- Neste domingo (14) é o Dia Mundial do Doador de Sangue", lembra o vereador.

“Um gesto simples! Um ato de amor que precisa ainda ser melhor desmistificado para que mais e mais pessoas possam ser encorajadas a doarem vida! Quem doa sangue, doa vida! Quem puder, procure um local de coleta e concretize esse ato de amor ao próximo. É rápido, fácil e não dói nada”, afirma Michel.

A campanha deste ano enaltece a doação de sangue como estratégia para contribuição na redução da mortalidade materna.

Em Fortaleza, o principal posto de coleta de sangue é o Hemoce, na Avenida José Bastos, 3390 (Rodolfo Teófilo), que funciona de segunda a sexta-feira, das 7 horas às 18h30; e aos sábados, de 7 horas às…

Conquistas marcam primeiro ano da nova gestão da CDC

O alinhamento com o Governo Federal, além do estreitamento da relação com o Executivo estadual e municipal, fez com que o primeiro ano da nova gestão da Companhia Docas do Ceará fosse marcado por importantes avanços e conquistas. 

Escolhida pelo perfil técnico, a engenheira Mayhara Chaves assumiu a presidência da CDC no dia 24 de junho de 2019, tendo ao seu lado na tomada de decisões os diretores Humberto Castelo Branco (Administração e Finanças), Miguel Andrade (Infraestrutura e Gestão Portuária) e Mário Jorge Cavalcanti (Comercial), além do suporte de todos os colaboradores. Hoje, é possível afirmar que a companhia está saudável financeiramente com base no EBITDA, que apresentou crescimento superior a 180% no período de 12 meses.

Embora adiada temporariamente devido à Pandemia da Covid-19, a concessão do Terminal Marítimo de Passageiros foi considerada como prioridade pelo Governo Federal, o que possibilitará uma nova receita para investimentos no Porto de Fortaleza.
O arrendamento do …

Postagens mais visitadas deste blog

Morre atleta cearense Bernadete Lins

O organizador de corridas, Fernando Elpídio informa a morte neste domingo (28) aos 43 anos de idade, da atleta cearense Bernadete Lins (foto):

- Uma notícia de partir o coração. Bernadete Lins, atleta cearense profissional, faleceu hoje. Tenho um carinho especial por essa batalhadora, pessoa simples, humana, que dedicou a vida ao esporte. Não lembro de quantas vezes entreguei troféus nas suas mãos no pódio. QUE PERDA! :(".
Antônia Bernadete Lins da Silva era ipuense e cursava Educação Física na Universidade Vale do Acaraú (Uva), em Sobral. Disputou as mais diversas corridas no Ceará, no Brasil e no Mundo. Era a cearense da elite do Atletismo Feminino Brasileiro. Morreu na manhã deste domingo (28), em Maranguape, quando estava treinado. Ainda foi levada para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Maranguape, mas chegou sem vida.
Confira a repercussão da morte de Bernadete Lins:
Marcos Prado - "Nota de pesar. Bernadete Lins nos deixa hoje, e o seu ultimo suspiro foi fazendo aquilo…

Morre Auxiliar de Reportagem Claudinho

O Assistente de Estúdio e Auxiliar de Reportagem da TV Fortaleza, José Cláudio Ferreira da Costa (Claudinho) morreu neste domingo (7), de Covid 19, aos 61 anos.


Repercussão da morte de Claudinho:

Ivelise Maia - "Descanse em paz Claudinho! Sentindo-se triste".

Assis Pereira - "Anos 1970 éramos da mesma classe de Colégio, e agora na CMFor revivemos história da época, futebol, namoradas de colégio, às cachaças, os amigos, professores e tantas lembranças da época agente comentava. Triste notícia. Deus o tenha eternamente e a família enlutada o meu sentimento de muita tristeza".
Edson Cunha - "Triste demais, saudades vai ficar pra sempre amigo Claudinho".

Demóstenes Batalha - "Trabalhamos juntos na TV Fortaleza por anos, assistente de estúdio e auxiliar da reportagem, sempre prestativo, calado, mas observador. Brincávamos muito, pois era assistente quando era repórter do plenário da câmara. E tínhamos uma piada interna, “cadê o Kid”. Infelizmente vítima de Cov…

Morre o sonoplasta Diocrim

Morreu neste domingo (14), o radialista Carlos Alberto de Oliveira, o Diocrim. Ele foi operador de áudio e divulgador de discos. Diocrim que iniciou sua carreira no Maranhão transferiu-se para o Rádio de Fortaleza no final da década de 1960.


Trabalhou nas rádios Dragão do Mar, Ceará Rádio Clube, Verdes Mares, Cidade AM e rádios no Maranhão; alem de ter sido membro da equipe de produção do show do também já falecido comunicador Bezerra de Menezes (Bezerrão). Diocrim foi divulgador da RGE e empresário de muito artistas cearenses. 
Durante muitos anos foi o operador do Clube dos Tetéus comandado pelo comunicador Colombo Sá, que fazia literalmente eco nos rádios espalhados pelos lares, bares e táxis de Fortaleza com o slogan "Não dorme ninguém, Diocrim", por causa do par de óculos (ocrim) que Carlos Alberto usava, enquanto cuidava do roteiro musical e da sonoplastia do programa, na mesa de áudio da Rádio Clube e depois na Verdes Mares.
Diocrim deixa viúva dona Nailde e órfão as fi…

Hoje é o Dia Mundial do Doador de Sangue

O vereador Michel Lins (Cidadania) e integrantes da sua assessoria estiveram no Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce), em Fortaleza, para doar sangue.

Segundo Michel Lins, a ação foi idealizada com objetivo de chamar atenção para a importância de doar e consequentemente salvar vidas.
- Neste domingo (14) é o Dia Mundial do Doador de Sangue", lembra o vereador.

“Um gesto simples! Um ato de amor que precisa ainda ser melhor desmistificado para que mais e mais pessoas possam ser encorajadas a doarem vida! Quem doa sangue, doa vida! Quem puder, procure um local de coleta e concretize esse ato de amor ao próximo. É rápido, fácil e não dói nada”, afirma Michel.

A campanha deste ano enaltece a doação de sangue como estratégia para contribuição na redução da mortalidade materna.

Em Fortaleza, o principal posto de coleta de sangue é o Hemoce, na Avenida José Bastos, 3390 (Rodolfo Teófilo), que funciona de segunda a sexta-feira, das 7 horas às 18h30; e aos sábados, de 7 horas às…

Conquistas marcam primeiro ano da nova gestão da CDC

O alinhamento com o Governo Federal, além do estreitamento da relação com o Executivo estadual e municipal, fez com que o primeiro ano da nova gestão da Companhia Docas do Ceará fosse marcado por importantes avanços e conquistas. 

Escolhida pelo perfil técnico, a engenheira Mayhara Chaves assumiu a presidência da CDC no dia 24 de junho de 2019, tendo ao seu lado na tomada de decisões os diretores Humberto Castelo Branco (Administração e Finanças), Miguel Andrade (Infraestrutura e Gestão Portuária) e Mário Jorge Cavalcanti (Comercial), além do suporte de todos os colaboradores. Hoje, é possível afirmar que a companhia está saudável financeiramente com base no EBITDA, que apresentou crescimento superior a 180% no período de 12 meses.

Embora adiada temporariamente devido à Pandemia da Covid-19, a concessão do Terminal Marítimo de Passageiros foi considerada como prioridade pelo Governo Federal, o que possibilitará uma nova receita para investimentos no Porto de Fortaleza.
O arrendamento do …