Pular para o conteúdo principal

Sistema da UFC indica estabilização da curva de óbitos em julho

Estudos recentes de pesquisadores da Universidade Federal do Ceará (UFC) têm acompanhado de perto a conjuntura de saúde pública diante da pandemia do Novo Coronavírus. Análises sugerem que, por ora, há motivos para celebrar vitórias parciais nessa batalha.


Segundo o professor André de Almeida, do Departamento de Engenharia de Teleinformática da UFC, projeções atualizadas para a Covid-19 em Fortaleza confirmam que o platô de contaminações foi alcançado no final de maio. Isso significa que o número diário de casos diagnosticados da doença tem se mantido estável, dando margem para uma resposta mais efetiva do sistema de saúde. 

"Acreditamos que a velocidade de novos casos tem apresentado uma redução, o que indica que a curva de infectados deve cair na Capital cearense neste mês", afirma. O pesquisador desenvolveu o Sistema de Monitoramento Preditivo (SIMOP), modelo matemático inovador que acompanha a evolução da Covid-19 na Capital cearense. Almeida integra um grupo de trabalho composto por docentes do Centro de Tecnologia da UFC e pelo Observatório da Indústria, da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec).

O SIMOP considera os impactos de casos assintomáticos, de subnotificações, da taxa de testagem, da saturação de leitos de enfermaria e de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e a evolução das hospitalizações. O sistema condensa dados da plataforma IntegraSUS, da Secretaria Estadual de Saúde, e se propõe a compilar uma série de informações complexas, para embasar tecnicamente a tomada de decisão dos gestores públicos.


PANDEMIA – Outro indicador da Covid-19 apontado diz respeito ao quantitativo de vítimas fatais pelo novo coronavírus. Desde meados de março, época do início da pandemia no Ceará, a curva de óbitos diários vinha subindo rapidamente, demonstrando o elevado registro de mortes no período e o grau de letalidade da doença. Para o próximo mês, entretanto, o SIMOP prevê que a maior parte dos óbitos em Fortaleza provavelmente já terá acontecido.

"A curva mostra que estamos atualmente em uma fase de redução na velocidade de óbitos, e as projeções apontam para uma redução ainda maior desse número a partir de julho. Em torno do dia 15 de julho, aproximadamente 90% dos óbitos previstos deverão ter ocorrido, o que indica uma estabilização da pandemia na Capital", explica.

TESTAGEM – Para acompanhar a trajetória da Covid-19 e definir estratégias de combate à pandemia, especialistas do mundo inteiro têm recomendado ampliar a oferta de testes de diagnóstico. Dessa maneira, é possível identificar os casos, mapear os possíveis contatos com pessoas infectadas e conter o avanço da doença. Entre a metade de março e a metade de abril, André Almeida destaca que houve um alto índice de subnotificação de casos em Fortaleza, com um número de infectados de 20 a 25 vezes maior, se comparado à estatística oficial.

"Com o passar do tempo, o aumento na quantidade dos testes realizados na população, sobretudo nos casos sintomáticos, fez com que o desvio entre as projeções do SIMOP e os números oficiais caísse para patamares bem baixos, indicando, portanto, que a subnotificação de sintomáticos caiu bastante", define.


DEMANDA HOSPITALAR – Um resultado importante da pesquisa avalia também a pressão causada sobre o sistema de saúde por conta do fluxo de pacientes infectados com o coronavírus. Pelos cálculos do SIMOP, entre 30 de maio e 24 de junho, a taxa de ocupação de leitos específicos para a Covid-19 em Fortaleza poderá cair dos atuais 90% para 65%. O Prof. André reforça que os dados se referem apenas à Capital, e não avaliam possíveis situações de colapso no atendimento hospitalar em municípios do Interior do Estado.

O pesquisador alerta que as futuras previsões do sistema podem se modificar, dependendo da adesão ao isolamento social, do aumento na quantidade de testes e da flutuação na disponibilidade de leitos. Nas próximas etapas da pesquisa, serão incluídos simulações de contato social, junto com o monitoramento da flexibilização da Quarentena e da Retomada Gradual da Economia.

"Acredita-se que a fase mais crítica de sobrecarga no sistema de saúde tenha passado. Não se pode descartar completamente uma segunda onda de contaminações, por isso, ainda precisamos manter o distanciamento social. A reabertura de atividades econômicas precisa ser feita com muita cautela, priorizando setores com menor risco, ou seja, aqueles que não acarretem aglomerações. É fundamental que a sociedade e o setor produtivo cumpram com rigor diretrizes e protocolos estabelecidos, procurando reduzir ao máximo situações de contato social", conclui.

Fonte: Professor André de Almeida, do Departamento de Engenharia de Teleinformática (DETI) da UFC – e-mail: andre@gtel.ufc.br

Comentários

Entre em contato conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Notícias mais acessadas do mês

Morre atleta cearense Bernadete Lins

O organizador de corridas, Fernando Elpídio informa a morte neste domingo (28) aos 43 anos de idade, da atleta cearense Bernadete Lins (foto):

- Uma notícia de partir o coração. Bernadete Lins, atleta cearense profissional, faleceu hoje. Tenho um carinho especial por essa batalhadora, pessoa simples, humana, que dedicou a vida ao esporte. Não lembro de quantas vezes entreguei troféus nas suas mãos no pódio. QUE PERDA! :(".
Antônia Bernadete Lins da Silva era ipuense e cursava Educação Física na Universidade Vale do Acaraú (Uva), em Sobral. Disputou as mais diversas corridas no Ceará, no Brasil e no Mundo. Era a cearense da elite do Atletismo Feminino Brasileiro. Morreu na manhã deste domingo (28), em Maranguape, quando estava treinado. Ainda foi levada para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Maranguape, mas chegou sem vida.
Confira a repercussão da morte de Bernadete Lins:
Marcos Prado - "Nota de pesar. Bernadete Lins nos deixa hoje, e o seu ultimo suspiro foi fazendo aquilo…

Morre o sonoplasta Diocrim

Morreu neste domingo (14), o radialista Carlos Alberto de Oliveira, o Diocrim. Ele foi operador de áudio e divulgador de discos. Diocrim que iniciou sua carreira no Maranhão transferiu-se para o Rádio de Fortaleza no final da década de 1960.


Trabalhou nas rádios Dragão do Mar, Ceará Rádio Clube, Verdes Mares, Cidade AM e rádios no Maranhão; alem de ter sido membro da equipe de produção do show do também já falecido comunicador Bezerra de Menezes (Bezerrão). Diocrim foi divulgador da RGE e empresário de muito artistas cearenses. 
Durante muitos anos foi o operador do Clube dos Tetéus comandado pelo comunicador Colombo Sá, que fazia literalmente eco nos rádios espalhados pelos lares, bares e táxis de Fortaleza com o slogan "Não dorme ninguém, Diocrim", por causa do par de óculos (ocrim) que Carlos Alberto usava, enquanto cuidava do roteiro musical e da sonoplastia do programa, na mesa de áudio da Rádio Clube e depois na Verdes Mares.
Diocrim deixa viúva dona Nailde e órfão as fi…

Hoje é o Dia Mundial do Doador de Sangue

O vereador Michel Lins (Cidadania) e integrantes da sua assessoria estiveram no Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce), em Fortaleza, para doar sangue.

Segundo Michel Lins, a ação foi idealizada com objetivo de chamar atenção para a importância de doar e consequentemente salvar vidas.
- Neste domingo (14) é o Dia Mundial do Doador de Sangue", lembra o vereador.

“Um gesto simples! Um ato de amor que precisa ainda ser melhor desmistificado para que mais e mais pessoas possam ser encorajadas a doarem vida! Quem doa sangue, doa vida! Quem puder, procure um local de coleta e concretize esse ato de amor ao próximo. É rápido, fácil e não dói nada”, afirma Michel.

A campanha deste ano enaltece a doação de sangue como estratégia para contribuição na redução da mortalidade materna.

Em Fortaleza, o principal posto de coleta de sangue é o Hemoce, na Avenida José Bastos, 3390 (Rodolfo Teófilo), que funciona de segunda a sexta-feira, das 7 horas às 18h30; e aos sábados, de 7 horas às…

Conquistas marcam primeiro ano da nova gestão da CDC

O alinhamento com o Governo Federal, além do estreitamento da relação com o Executivo estadual e municipal, fez com que o primeiro ano da nova gestão da Companhia Docas do Ceará fosse marcado por importantes avanços e conquistas. 

Escolhida pelo perfil técnico, a engenheira Mayhara Chaves assumiu a presidência da CDC no dia 24 de junho de 2019, tendo ao seu lado na tomada de decisões os diretores Humberto Castelo Branco (Administração e Finanças), Miguel Andrade (Infraestrutura e Gestão Portuária) e Mário Jorge Cavalcanti (Comercial), além do suporte de todos os colaboradores. Hoje, é possível afirmar que a companhia está saudável financeiramente com base no EBITDA, que apresentou crescimento superior a 180% no período de 12 meses.

Embora adiada temporariamente devido à Pandemia da Covid-19, a concessão do Terminal Marítimo de Passageiros foi considerada como prioridade pelo Governo Federal, o que possibilitará uma nova receita para investimentos no Porto de Fortaleza.
O arrendamento do …

M. Dias Branco destina R$ 5 milhões em ações sociais

A M. Dias Branco, líder em massas e biscoitos no País, doou um total de R$ 5 milhões em recursos financeiros e alimentos em ações sociais durante a Pandemia da Covid-19. Por meio da campanha #vocedoaagentedoa, de incentivo à doação de sangue a hemocentros, foram destinados R$ 1,2 milhão em recursos financeiros a hemocentros de cinco estados e mais R$ 1,2 milhão em alimentos a instituições carentes do Ceará, Rio de Janeiro, São Paulo, Pernambuco, Bahia e Rio Grande do Sul. Desde março, a companhia doou ainda outros R$ 2,6 milhões em massas e biscoitos para dezenas de entidades carentes em todo o País.




A campanha #vocedoaagentedoa foi realizada em parceria com cinco hemocentros: Instituto Pró-Hemoce (CE), Hemorio (RJ), Colsan/ Escola Paulista de Medicina (SP), Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre (RS) e Hemope (PE). Além dos recursos financeiros destinados à manutenção dos hemocentros, compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), instalação de postos de coleta ao ar livre…

Postagens mais visitadas deste blog

Morre atleta cearense Bernadete Lins

O organizador de corridas, Fernando Elpídio informa a morte neste domingo (28) aos 43 anos de idade, da atleta cearense Bernadete Lins (foto):

- Uma notícia de partir o coração. Bernadete Lins, atleta cearense profissional, faleceu hoje. Tenho um carinho especial por essa batalhadora, pessoa simples, humana, que dedicou a vida ao esporte. Não lembro de quantas vezes entreguei troféus nas suas mãos no pódio. QUE PERDA! :(".
Antônia Bernadete Lins da Silva era ipuense e cursava Educação Física na Universidade Vale do Acaraú (Uva), em Sobral. Disputou as mais diversas corridas no Ceará, no Brasil e no Mundo. Era a cearense da elite do Atletismo Feminino Brasileiro. Morreu na manhã deste domingo (28), em Maranguape, quando estava treinado. Ainda foi levada para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Maranguape, mas chegou sem vida.
Confira a repercussão da morte de Bernadete Lins:
Marcos Prado - "Nota de pesar. Bernadete Lins nos deixa hoje, e o seu ultimo suspiro foi fazendo aquilo…

Morre o sonoplasta Diocrim

Morreu neste domingo (14), o radialista Carlos Alberto de Oliveira, o Diocrim. Ele foi operador de áudio e divulgador de discos. Diocrim que iniciou sua carreira no Maranhão transferiu-se para o Rádio de Fortaleza no final da década de 1960.


Trabalhou nas rádios Dragão do Mar, Ceará Rádio Clube, Verdes Mares, Cidade AM e rádios no Maranhão; alem de ter sido membro da equipe de produção do show do também já falecido comunicador Bezerra de Menezes (Bezerrão). Diocrim foi divulgador da RGE e empresário de muito artistas cearenses. 
Durante muitos anos foi o operador do Clube dos Tetéus comandado pelo comunicador Colombo Sá, que fazia literalmente eco nos rádios espalhados pelos lares, bares e táxis de Fortaleza com o slogan "Não dorme ninguém, Diocrim", por causa do par de óculos (ocrim) que Carlos Alberto usava, enquanto cuidava do roteiro musical e da sonoplastia do programa, na mesa de áudio da Rádio Clube e depois na Verdes Mares.
Diocrim deixa viúva dona Nailde e órfão as fi…

Hoje é o Dia Mundial do Doador de Sangue

O vereador Michel Lins (Cidadania) e integrantes da sua assessoria estiveram no Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce), em Fortaleza, para doar sangue.

Segundo Michel Lins, a ação foi idealizada com objetivo de chamar atenção para a importância de doar e consequentemente salvar vidas.
- Neste domingo (14) é o Dia Mundial do Doador de Sangue", lembra o vereador.

“Um gesto simples! Um ato de amor que precisa ainda ser melhor desmistificado para que mais e mais pessoas possam ser encorajadas a doarem vida! Quem doa sangue, doa vida! Quem puder, procure um local de coleta e concretize esse ato de amor ao próximo. É rápido, fácil e não dói nada”, afirma Michel.

A campanha deste ano enaltece a doação de sangue como estratégia para contribuição na redução da mortalidade materna.

Em Fortaleza, o principal posto de coleta de sangue é o Hemoce, na Avenida José Bastos, 3390 (Rodolfo Teófilo), que funciona de segunda a sexta-feira, das 7 horas às 18h30; e aos sábados, de 7 horas às…

Conquistas marcam primeiro ano da nova gestão da CDC

O alinhamento com o Governo Federal, além do estreitamento da relação com o Executivo estadual e municipal, fez com que o primeiro ano da nova gestão da Companhia Docas do Ceará fosse marcado por importantes avanços e conquistas. 

Escolhida pelo perfil técnico, a engenheira Mayhara Chaves assumiu a presidência da CDC no dia 24 de junho de 2019, tendo ao seu lado na tomada de decisões os diretores Humberto Castelo Branco (Administração e Finanças), Miguel Andrade (Infraestrutura e Gestão Portuária) e Mário Jorge Cavalcanti (Comercial), além do suporte de todos os colaboradores. Hoje, é possível afirmar que a companhia está saudável financeiramente com base no EBITDA, que apresentou crescimento superior a 180% no período de 12 meses.

Embora adiada temporariamente devido à Pandemia da Covid-19, a concessão do Terminal Marítimo de Passageiros foi considerada como prioridade pelo Governo Federal, o que possibilitará uma nova receita para investimentos no Porto de Fortaleza.
O arrendamento do …

M. Dias Branco destina R$ 5 milhões em ações sociais

A M. Dias Branco, líder em massas e biscoitos no País, doou um total de R$ 5 milhões em recursos financeiros e alimentos em ações sociais durante a Pandemia da Covid-19. Por meio da campanha #vocedoaagentedoa, de incentivo à doação de sangue a hemocentros, foram destinados R$ 1,2 milhão em recursos financeiros a hemocentros de cinco estados e mais R$ 1,2 milhão em alimentos a instituições carentes do Ceará, Rio de Janeiro, São Paulo, Pernambuco, Bahia e Rio Grande do Sul. Desde março, a companhia doou ainda outros R$ 2,6 milhões em massas e biscoitos para dezenas de entidades carentes em todo o País.




A campanha #vocedoaagentedoa foi realizada em parceria com cinco hemocentros: Instituto Pró-Hemoce (CE), Hemorio (RJ), Colsan/ Escola Paulista de Medicina (SP), Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre (RS) e Hemope (PE). Além dos recursos financeiros destinados à manutenção dos hemocentros, compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), instalação de postos de coleta ao ar livre…