Pular para o conteúdo principal

Universitários do Ceará e da Paraíba produzem carros de corrida elétricos

Quatro carros de corrida movidos a energia elétrica foram desenvolvidos por um grupo formado por pesquisadores, docentes e estudantes de quatro universidades cearenses (Unifor, UFC, IFCE e Unilab) e uma da Paraíba (UFPB). A produção ocorreu através do projeto Fórmula Elétrica Ceará, que une esporte, educação e produção de conhecimento numa ação única no País para ampliar os espaços de ensino e pesquisa sobre mobilidade elétrica. 


Os veículos foram produzidos em regime de colaboração e transferência de tecnologia que compreendeu cursos, palestras, seminários e demais ações de formação e difusão de conhecimento. Além da criação dos veículos e da realização de uma competição entre eles, o projeto resultou em uma websérie de quatro capítulos, que será exibida de 03 a 06 de fevereiro no canal da Quitanda Soluções Criativas, no Youtube.

A websérie intitulada com o nome do projeto “Fórmula Elétrica - CE” apresenta todo o trabalho realizado para desenvolver os carros sustentáveis e de que forma ele deve impactar no dia-a-dia das pessoas. O idealizador do projeto e diretor da Quitanda Soluções Criativas, Mardônio Barros, sinaliza que, de acordo com a Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE), o Ceará é pioneiro na eletromobilidade no país. Em 2016, a Prefeitura de Fortaleza implantou o primeiro sistema público de compartilhamento de carros 100% elétricos no Brasil, que atualmente conta com 15 veículos. A iniciativa diminuiu a propagação de CO² em até 12,5 toneladas, nos últimos quatro anos.

Mardônio conta ainda que o projeto foi pensado na mobilidade elétrica aplicada ao esporte, por isso a Secretaria de Esporte está apoiando a ação e as universidades, pensando nesse processo de troca de conhecimentos e produção de produto: os carros elétricos.

 “A produção de conhecimento em rede foi um dos marcos importantes do projeto. Trouxe uma visão aberta de P&D para o desenvolvimento de soluções tecnológicas e sustentáveis aplicadas ao esporte automotivo. O projeto proporcionou um rico aprendizado em mecânica e elétrica que servem para aplicações industriais e estimulou a criação de duas empresas por parte de estudantes da UFPB e da UFC, que atuaram no projeto e que decidiram empreender, são elas: A ELMO - ELECTRIC MOTORS e a "Eletrofit: soluções do futuro em caros atuais", comenta.

Para o secretário Executivo do Esporte do Ceará, Will Almeida, o projeto é fantástico, pois trabalha muito bem a sustentabilidade. “Isso fomenta bastante o momento que estamos vivendo, momento em que a sustentabilidade é o ponto alto. Ganha as empresas por que estão fazendo um trabalho social, ganha o Governo do Estado, ganha toda a população cearense”, afirma.



EM QUATRO EPISÓDIOS

A websérie que trata sobre a revolução dos carros elétricos foi produzida ao longo de um ano e meio, período em que os integrantes do projeto realizaram atividades formativas para alunos dentro das universidades, compartilharam as tecnologias utilizadas para o desenvolvimento dos protótipos automotivos e promoveram uma competição: a Fórmula Elétrica Ceará, evento criado com todos os padrões e normas da Fórmula SAE, maior competição estudantil de engenharia organizado pela Society of Automotive Engineers.

Todo o processo da construção dos veículos, da montagem as pistas, estão retratados em quatros episódios de 25 minutos, que estarão disponíveis no Youtube. “Mecânica” é o nome do primeiro episódio, que aborda sobre como a mecânica desses carros é pensada e desenvolvida. O segundo “Elétrica” trata sobre como trocar o combustível por energia elétrica. No terceiro, “Esporte” será apresentado como os carros elétricos são utilizados no mundo do esporte. Aqui o público vai conferir imagens dos carros do projeto durante a competição cearense. E em “Sustentabilidade”, o quarto e último episódio da websérie, o público vai conferir sobre como essa iniciativa pode impactar, em um futuro bem próximo, a mobilidade urbana e a sustentabilidade.

COMPETIÇÃO PADRÃO FÓRMULA SAE

Os carros foram testados durante a competição cearense, Fórmula Elétrica Ceará, realizada entre os dias 19 e 20 de dezembro no Kart Mônaco, no bairro Jangurussu, em Fortaleza. Durante a competição, os veículos passaram por inspeção elétrica e mecânica, visando garantir todos os critérios de segurança exigidos pela competição. Teve prova de validação de powertrain (Exame que define velocidade e autonomia do veículo), Prova de validação de sensoriamento (recurso que permite verificar a velocidade, aceleração, nível de carga da bateria para otimizar a performance do carro), prova de análise do Marketing (análise do entendimento da equipe sobre oportunidades de negócio) e prova dinâmica para testar a aceleração do carro num percurso de 200m.

A disputa visa mostrar como as universidades preparam seus carros para serem mais velozes, seguros e eficientes. A Universidade Federal do Ceará (UFC) liderou a competição com melhorias que tornaram o seu veículo mais rápido e leve, conferindo maior agilidade e autonomia por conta da redução de peso e outros incrementos realizados pela instituição. O Instituto Federal de Educação do Ceará (IFCE) foi o segundo veículo com melhor desempenho. Participaram do evento estudantes, professores e pesquisadores.




CARROS ELÉTRICOS

Os quatro veículos movidos a energia elétrica foram desenvolvidos com tecnologia nacional pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), em colaboração com quatro universidades cearenses. O motor, o sistema de bateria e as peças foram manufaturadas no Brasil. Os protótipos possuem estrutura de fibra de carbono, mesmo material utilizado na fabricação de pás de rotor para turbinas eólicas. Eles possuem baixo custo, tração 100% elétrica, pesam em torno de 300 kg e tem arranque de 0 km/ hora a 100 km/ hora em 3 segundos.

De acordo com o engenheiro mecânico, Caio Torres, os carros de corrida elétricos possuem parâmetros de aceleração altíssimos, com um comportamento dinâmico de veículos muito elaborados, se comparamos com os carros utilizados no cotidiano. Para o diretor de inovação da Enel Brasil, Filippo Alberganti, essas tecnologias nos permitem experimentar formas de inovação, que no futuro podem se tornar um uso diário. “Tenho certeza que o projeto pode ser uma grande oportunidade para encontrar novas soluções de eletro mobilidade ainda mais atentas a eficiência e sustentabilidade”, conclui.

PROJETO

O projeto Fórmula Elétrica Ceará tem como objetivo utilizar o esporte automobilístico como meio para ampliar os espaços de ensino e pesquisa sobre mobilidade elétrica, segurança, sistemas de suspensão, freio, e sistemas elétricos aplicados ao automobilismo, como pesquisa sobre bateria e geração de energia de maneira mais eficiente. Com essa iniciativa, o Ceará toma a dianteira de outras capitais e pode se tornar o estado com maior número de veículos desse perfil e figura com a Paraíba como os únicos estados do Norte e Nordeste a desenvolver esse tipo de veículo.

Participam da iniciativa pioneira no Nordeste a Universidade de Fortaleza (Unifor), a Universidade Federal do Ceará (UFC), o Instituto Federal de Educação do Ceará (IFCE) e a Universidade Internacional de Integração da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab). A parceria se estende também à Universidade Federal da Paraíba (UFPB), responsável pela coordenação da construção dos protótipos. Além das instituições educativas, apoiam a Enel, o Governo do Estado do Ceará por meio da Secretaria do Esporte e Juventude do Estado do Ceará (Sejuv). Realização: Quitanda Soluções Criativas, Instituto BR Arte e Cinco Elementos Produções.

SERVIÇO

Websérie “Fórmula Elétrica – CE” exibe quatro episódios entre os dias 03 e 06 de fevereiro, no canal da Quitanda Soluções Criativas no Youtube (https://www.youtube.com/c/QuitandaSolu%C3%A7%C3%B5esCriativas). Mais informações: (85) 3235-4063 | (85) 9.8960-2949 | (85) 9.8857-8419.



Comentários

Entre em contato conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Notícias mais acessadas do mês

Familiares de Iraguassu Teixeira pedem doação para instituições de caridade no lugar de coroas de flores

Morreu no início da noite desta segunda-feira (22) aos 80 anos, o ex-vereador José Iraguassu Teixeira. Este estava internado há 15 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional Unimed Fortaleza com complicações da Covid-19. A família do Doutor Iraguassu informa que o velório acontece no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino) com missa de corpo presente às dez da manhã e cremação às 11 da manhã desta terça-feira (23). O velório, missa e cremação são restritos aos familiares. A família solicita que ao invés de enviar coroas de flores façam um doação do valor a uma instituição de caridade de Fortaleza. Iraguassu Teixeira Filho - Hoje encerra-se a jornada do meu pai na terra. Façam uma oração por ele. Com profundo pesar informamos a partida do médico e ex-vereador de Fortaleza Doutor Iraguassú Teixeira, aos 80 anos, na noite desta segunda-feira (22), vítima de complicações causadas pela Covid-19. Iraguassu Teixeira estava internado na UTI do Hospital Regional

Jornal Diário do Nordeste deixa de circular Impresso em 28 de fevereiro

- Acabo de receber a notícia de que o DIÁRIO DO NORDESTE encerrou a Era do Jornal Impresso! A informação é de um dos fundadores do Diário do Nordeste, ex-diretor industrial e repórter fotográfico Antônio Capibaribe Neto, que comenta a situação: -  Tudo na vida tem um começo, um meio e um fim. Fui um dos fundadores do Diário do Nordeste. É com profunda tristeza que soube da agonia e do último suspiro desse jornal...!. Jornalista, professor e um dos fundadores do Diário do Nordeste, José Anderson Freire Sandes -  Complicado. Dessa reforma recente, saiu outro jornal. Não aquele que fundamos Antonio Capibaribe Neto . Mas ninguém briga com fatos. O Diário do Nordeste - jornal que ajudei a fundar - não existirá mais na plataforma impressa. Desde a reforma radical de 2018,  pressenti o fim do jornal em papel. Era outro jornal. Ou melhor, uma revista diária. Com uma trajetória rica e vitoriosa, principalmente anos 1980 (o jornal foi fundado em dezembro de 1981 pelo empresário Edson Queiroz) e

Morre cinéfilo Franzé Santos

Morreu nesta terça-feira (9) de parada cardíaca o produtor cultural e cinéfilo Franzé Santos (fotos). O jornalista e publicitário Guto Benevides noticiou a morte de Franzé Santos: - Informa a nossa querida Fernanda Quinderé a morte de Franzé Santos, um apaixonado por Cinema, Arte...amigo desde os tempos da Juventude. Que Deus o receba com uma Sessão de Cinema". Cris Weyne - É  com muita tristeza que comunico a morte do nosso querido Franzé Santos. Ele teve duas paradas cardíacas e não  resistiu...vá  com Deus primo". Fernanda Quinderé - Com muito pesar que recebo agora a informação  que nosso amigo Franze Santos faleceu hoje (9)... Vá em paz meu querido ... siga a luz e nós  aqui ficamos muito  saudosos. Pois é...Ele ficou muitos dias entubado na UTI. Desceu pra enfermaria ha uma semana e hoje teve uma parada cardíaca". Gerardo Jereissati - Que pena! Conheci o Franze Santos quando era o programador do Cinema de Arte da Credimus. Depois nas Salas do Dragão do Mar. Marc

Corpo de Lula Pereira será sepultado às três da tarde no Parque da Paz

Morreu neste domingo (7) Luís Carlos Bezerra Lula Pereira (foto). O velório do Lula Pereira começa às nove da manhã desta segunda-feira (8) no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino, 1688/Aldeot) com missa de corpo presente a uma da tarde. O sepultamento será às três da tarde, no Cemitério Parque da Paz (Avenida Juscelino Kubitschek, 4454-Castelão). Setorista - Quando cobria o Ceará (setorista) para o jornal O Povo, na década de 1980, Lula era zagueiro do alvinegro ao lado às vezes de Argeu dos Santos ou de Djalma Linhares. Lula veio de Pernambuco. Depois seguiu a carreira de treinador chegando a orientar o Flamengo do Rio (foto). Lula vinha sofrendo de problemas cardiorrespiratórios desde, que sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) há um ano e meio; e neste domingo nos deixou aos 64 anos A confirmação da morte de Lula Pereira veio do radialista Carlos Silva: - Futebol cearense de luto. Problemas cardíacos levaram no final de tarde de hoje, Lula Pereira, ex-jogador e ex-t

Economista Roberto Castello Branco é escolhido para presidente da Petrobras

A Petrobras, em relação às notícias veiculadas na imprensa, confirma que seu presidente, Ivan de Souza Monteiro, deixa a companhia a partir de primeiro de janeiro de 2019. O economista Roberto Castello Branco (foto Divulgação-Assessoria de Imprensa da Equipe de Transição do presidente eleito Jair Bolsonaro) deve assumir o comando da Petrobras por indicação de Paulo Guedes, confirmado para o Ministério da Economia (que deve englobar Fazenda, Planejamento, Indústria e Comércio Exterior). A informação foi divulgada nesta segunda-feira (19) pela equipe de Paulo Guedes. Castello Branco é economista, com pós-doutorado pela Universidade de Chicago e “extensa experiência nos setores público e privado”. Já ocupou cargos de direção no Banco Central e na mineradora Vale, fez parte do Conselho de Administração da Petrobras e desenvolveu projetos de pesquisa na área de petróleo e gás. O futuro presidente da Petrobras é diretor do Centro de Estudos em Crescimento e Desenvolviment

Postagens mais visitadas deste blog

Familiares de Iraguassu Teixeira pedem doação para instituições de caridade no lugar de coroas de flores

Morreu no início da noite desta segunda-feira (22) aos 80 anos, o ex-vereador José Iraguassu Teixeira. Este estava internado há 15 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional Unimed Fortaleza com complicações da Covid-19. A família do Doutor Iraguassu informa que o velório acontece no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino) com missa de corpo presente às dez da manhã e cremação às 11 da manhã desta terça-feira (23). O velório, missa e cremação são restritos aos familiares. A família solicita que ao invés de enviar coroas de flores façam um doação do valor a uma instituição de caridade de Fortaleza. Iraguassu Teixeira Filho - Hoje encerra-se a jornada do meu pai na terra. Façam uma oração por ele. Com profundo pesar informamos a partida do médico e ex-vereador de Fortaleza Doutor Iraguassú Teixeira, aos 80 anos, na noite desta segunda-feira (22), vítima de complicações causadas pela Covid-19. Iraguassu Teixeira estava internado na UTI do Hospital Regional

Jornal Diário do Nordeste deixa de circular Impresso em 28 de fevereiro

- Acabo de receber a notícia de que o DIÁRIO DO NORDESTE encerrou a Era do Jornal Impresso! A informação é de um dos fundadores do Diário do Nordeste, ex-diretor industrial e repórter fotográfico Antônio Capibaribe Neto, que comenta a situação: -  Tudo na vida tem um começo, um meio e um fim. Fui um dos fundadores do Diário do Nordeste. É com profunda tristeza que soube da agonia e do último suspiro desse jornal...!. Jornalista, professor e um dos fundadores do Diário do Nordeste, José Anderson Freire Sandes -  Complicado. Dessa reforma recente, saiu outro jornal. Não aquele que fundamos Antonio Capibaribe Neto . Mas ninguém briga com fatos. O Diário do Nordeste - jornal que ajudei a fundar - não existirá mais na plataforma impressa. Desde a reforma radical de 2018,  pressenti o fim do jornal em papel. Era outro jornal. Ou melhor, uma revista diária. Com uma trajetória rica e vitoriosa, principalmente anos 1980 (o jornal foi fundado em dezembro de 1981 pelo empresário Edson Queiroz) e

Morre cinéfilo Franzé Santos

Morreu nesta terça-feira (9) de parada cardíaca o produtor cultural e cinéfilo Franzé Santos (fotos). O jornalista e publicitário Guto Benevides noticiou a morte de Franzé Santos: - Informa a nossa querida Fernanda Quinderé a morte de Franzé Santos, um apaixonado por Cinema, Arte...amigo desde os tempos da Juventude. Que Deus o receba com uma Sessão de Cinema". Cris Weyne - É  com muita tristeza que comunico a morte do nosso querido Franzé Santos. Ele teve duas paradas cardíacas e não  resistiu...vá  com Deus primo". Fernanda Quinderé - Com muito pesar que recebo agora a informação  que nosso amigo Franze Santos faleceu hoje (9)... Vá em paz meu querido ... siga a luz e nós  aqui ficamos muito  saudosos. Pois é...Ele ficou muitos dias entubado na UTI. Desceu pra enfermaria ha uma semana e hoje teve uma parada cardíaca". Gerardo Jereissati - Que pena! Conheci o Franze Santos quando era o programador do Cinema de Arte da Credimus. Depois nas Salas do Dragão do Mar. Marc

Corpo de Lula Pereira será sepultado às três da tarde no Parque da Paz

Morreu neste domingo (7) Luís Carlos Bezerra Lula Pereira (foto). O velório do Lula Pereira começa às nove da manhã desta segunda-feira (8) no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino, 1688/Aldeot) com missa de corpo presente a uma da tarde. O sepultamento será às três da tarde, no Cemitério Parque da Paz (Avenida Juscelino Kubitschek, 4454-Castelão). Setorista - Quando cobria o Ceará (setorista) para o jornal O Povo, na década de 1980, Lula era zagueiro do alvinegro ao lado às vezes de Argeu dos Santos ou de Djalma Linhares. Lula veio de Pernambuco. Depois seguiu a carreira de treinador chegando a orientar o Flamengo do Rio (foto). Lula vinha sofrendo de problemas cardiorrespiratórios desde, que sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) há um ano e meio; e neste domingo nos deixou aos 64 anos A confirmação da morte de Lula Pereira veio do radialista Carlos Silva: - Futebol cearense de luto. Problemas cardíacos levaram no final de tarde de hoje, Lula Pereira, ex-jogador e ex-t

Economista Roberto Castello Branco é escolhido para presidente da Petrobras

A Petrobras, em relação às notícias veiculadas na imprensa, confirma que seu presidente, Ivan de Souza Monteiro, deixa a companhia a partir de primeiro de janeiro de 2019. O economista Roberto Castello Branco (foto Divulgação-Assessoria de Imprensa da Equipe de Transição do presidente eleito Jair Bolsonaro) deve assumir o comando da Petrobras por indicação de Paulo Guedes, confirmado para o Ministério da Economia (que deve englobar Fazenda, Planejamento, Indústria e Comércio Exterior). A informação foi divulgada nesta segunda-feira (19) pela equipe de Paulo Guedes. Castello Branco é economista, com pós-doutorado pela Universidade de Chicago e “extensa experiência nos setores público e privado”. Já ocupou cargos de direção no Banco Central e na mineradora Vale, fez parte do Conselho de Administração da Petrobras e desenvolveu projetos de pesquisa na área de petróleo e gás. O futuro presidente da Petrobras é diretor do Centro de Estudos em Crescimento e Desenvolviment