Pular para o conteúdo principal

Sarto comenta 100 primeiros dias na PMF

À véspera de completar 100 dias de gestão, o prefeito de Fortaleza, José Sarto (PDT), detalha os desafios de governar em meio à pandemia do novo coronavírus. Conter o avanço dos casos e o consequente impacto na área social e econômica tem norteado as ações do Município, relata o médico de 62 anos que encara, no comando da quinta capital do País, uma Crise Sanitária sem precedentes.

- Começamos a vacinar no dia 18 de janeiro e, de lá até agora, a gente está priorizando, com muita razão, o combate direto à pandemia. Eu acordo e termino o dia pensando em salvar vidas”, revelou Sarto (foto Marcos Moura), em conversa com a Equipe de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de Fortaleza (PMF), no Gabinete do Paço Municipal.

Este sábado (10 de abril) marca 100 dias de Sarto à frente da PMF. Na entrevista a seguir, o gestor elenca as principais ações de combate à covid-19 na área da saúde, incluindo a vacinação, que já ultrapassou a marca de 400 mil doses aplicadas, e a estratégia de expansão de leitos na rede hospitalar. Enaltece a atuação das equipes de saúde, a quem agradece pela dedicação e empenho para salvar vidas.

O prefeito destaca o trabalho para mitigar os efeitos da crise sobre os fortalezenses. Entre as iniciativas, estão o pacote de proteção social, que promove renda mínima e segurança alimentar para a população mais vulnerável, além do pacote de socorro fiscal e das iniciativas na área da Educação.

De acordo o gestor, há obras de médio e grande porte sendo realizadas em Fortaleza e também em planejamento, incluindo Escolas de Tempo Integral, drenagem e pavimentação, por exemplo. Diante da aproximação do aniversário de Fortaleza, na próxima terça-feira (13 de abril), Sarto manifestou o desejo de trazer de volta a esperança da população.

  • Como o senhor avalia esses 100 primeiros dias de gestão?
  • Tem sido desafiador. Quando assumi em primeiro de janeiro era uma sexta-feira e, dia quatro, a gente já teve aí um relato de aumento de casos de covid-19. E, junto com isso, a gente evidentemente teve uma impactação na área social e na área econômica. Começamos a vacinar no dia 18 de janeiro e, de lá até agora, a gente está priorizando, com muita razão, o combate direto à pandemia. Eu acordo e termino o dia pensando em salvar vidas.
  • A pandemia se impôs como prioridade. Como o senhor tem encarado isso?
  • Ampliamos a nossa rede de assistência à covid. Hoje, por exemplo, já entregamos 906 leitos. E temos um total de 1.129 para entregar. Só pra gente ter uma comparação, na crise passada, em 2020, a Prefeitura ampliou a sua rede em 791 leitos. Portanto, nós vamos ampliá-la a mais do que o pico do ano passado em 400 leitos. Além dos leitos, eu quero dizer que Fortaleza é recordista em vacinação. E aqui vai meu reconhecimento e meu abraço. Parabéns a toda a equipe de saúde de um modo geral, desde quem carrega o paciente a quem dirige a ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência-Samu, ao médico que atende diretamente, à Fisioterapia, todos, todos. Nós conseguimos vacinar em três dias, quase 90 mil pessoas aqui em Fortaleza. Hoje, quando estamos aqui falando, nós não temos mais a primeira dose. Estamos aguardando a remessa do Ministério da Saúde para nós aqui em Fortaleza. Isso mostra a competência que têm as nossas equipes em, chegando a vacina, celeremente a gente vacinar.
  • A pandemia tem graves efeitos socioeconômicos. Como a Prefeitura tem atuado para combater esses prejuízos?
  • Nós lançamos um Pacote de Proteção Social promovendo renda mínima e segurança alimentar para a população mais vulnerável. São R$ 31 milhões para 392 mil pessoas. Num momento tão grave como esse, temos de lembrar que a saúde da nossa gente depende também de ter comida na mesa. É o mínimo. E também lançamos um pacote de socorro fiscal, que, neste momento, alivia o contribuinte e dá um gás para as empresas se recuperarem.
  • E, nesse cenário de pandemia, como a Prefeitura tem atuado na Educação?
  • A Prefeitura, paralelamente ao isolamento social, ampliou e reformou Unidades Escolares. Nós equipamos com todos os equipamentos de proteção individual, com os totens de higienização, com bebedouros com distanciamento, com aeração na salas, abrir janelas, e, enfim, com a ampliação de espaços para recreação. A Secretaria de Educação foi ampliando e requalificando essas escolas para que, no momento certo, no momento seguro, a gente tenha o retorno às atividades escolares presenciais. E é uma reivindicação da categoria dos professores que a gente imunize os profissionais de Educação.
  • Enquanto isso, os alunos estão em atividades remota. Como estamos nos saindo nessa experiência?
  • É importante lembrar que, mesmo durante o Isolamento Social Rígido, os alunos continuam tendo aulas remotas. Há um calendário e uma supervisão. Eu mesmo estive acompanhando com a professora Dalila (secretária municipal de Educação) conteúdos pedagógicos. Evidentemente que o ensino remoto tem as suas peculiaridades. Tem que ter alguém próximo da criança, para estimular e, eu diria, obedecer aquele horário destinado às aulas. A gente está também providenciando para toda essa rede uma cesta básica por mês para cada aluno matriculado. São quase 238 mil alunos que já receberam. E tem kit pedagógico. É fundamental esse kit para o desenvolvimento das habilidades cognitivas do aluno. Já começamos também a entrega dos primeiros tablets e chips pra rede escolar.
  • Quais os planos para a retomada econômica da Cidade?
  • Aguardando que isso aconteça o mais breve possível com a chegada de vacinas. Nós temos em curso e planejadas obras de médio e grande porte. São escolas de tempo integral, drenagem e pavimentação de zonas extremamente necessitadas, com baixo Índice de Desenvolvimento Humano-IDH. Tão logo a gente possa retomar, Fortaleza certamente voltará em breve a ser um canteiro de grandes obras, obras principalmente para a periferia e nos nossos cartões postais. Nós vamos interligar a Barra à Beira Mar, uma orla belíssima de Fortaleza.
  • Fortaleza está aniversariando. Qual presente o senhor daria pra Cidade?
  • Devolver a esperança e mais uma vez celebrar a resiliência, a capacidade, eu diria, de ver a vida com muita alegria. O fortalezense tem essa generosidade, essa hospitalidade. Esse jeito cearense, fortalezense de ser, ele será recompensado. Eu desejo a Fortaleza que ela permaneça exatamente como é, inquebrantável perante os desafios, uma verdadeira Fortaleza de sentimentos e de união do seu povo, que é um povo extremamente lutador, guerreiro, aguerrido e que não desiste nunca. A minha mensagem é que a gente, passando essa luta, Fortaleza volte a brilhar e volte a ser o que ela sempre foi, uma cidade linda, belíssima, que nós todos amamos.
  • Entrevista concedida à Equipe de Comunicação Social da PMF.

Comentários

Entre em contato conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Notícias mais acessadas do mês

Morre radialista Will Nogueira

Morreu vítima de covid-19, na manhã desta segunda-feira (5), o radialista cearense Will Nogueira ( Francisco de Assis Nogueira Bastos), aos 60 anos . Will Nogueira estava internado, no Hospital São Carlos-Fortaleza, intubado há dez dias e nesta segunda-feira não resistiu as complicações da covid-19. O velório e sepultamento são restritos a familiares, na tarde desta segunda-feira no Cemitério Jardim Metropolitano (4º Anel Viário no Coaçu-Eusébio) Formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Ceará (UFC), Will Nogueira (foto) iniciou no Rádio na década de 1980 pela Rádio Iracema AM 1.300, no Programação Geração 80.  Trabalhou durante 36 anos no Sistema Verdes Mares SVM), dirigindo a Rádio FM 93. Também fez carreira na TV, atuando como apresentador dos programas Terral, na TV Ceará (ex-TV Educativa), e Sábado Alegre, na TV Diário.  Ultimamente depois da aposentadoria da FM 93, em 2015, era consultor em programação de Rádio e TV.   Por muitas vezes troquei ideias sobre Rádio

Ednardo está internado com uma infecção bacteriana

Soube, na manhã desta segunda-feira (31), que o cantor Ednardo (foto) está internado, numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional da Unimed Fortaleza. Ednardo tenta se curar de uma infecção bacteriana. O cantor de 75 anos está internado há uma semana. Filha de Ednardo, atriz e cantora J úlia Limaverde - " Nosso amado pai e querido artista Ednardo está agora no hospital se recuperando de complicações com uma infecção. Ele não está com Covid nem corre risco de vida. De todas as formas agradecemos de coração o envio de todas as energias positivas para sua pronta recuperação". Deputado estadual Renato Roseno (Psol) - " Recebemos a informação pelas redes sociais de que o poeta Ednardo está internado na UTI de um hospital em Fortaleza. Estamos na torcida por sua pronta recuperação. Ednardo é um Patrimônio Vivo da nossa Música". Vereador Evaldo Lima (PCdoB) - " Ednardo resiste como as suas mais lindas canções sobre as coisas do Ceará.

Familiares de Iraguassu Teixeira pedem doação para instituições de caridade no lugar de coroas de flores

Morreu no início da noite desta segunda-feira (22) aos 80 anos, o ex-vereador José Iraguassu Teixeira. Este estava internado há 15 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional Unimed Fortaleza com complicações da Covid-19. A família do Doutor Iraguassu informa que o velório acontece no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino) com missa de corpo presente às dez da manhã e cremação às 11 da manhã desta terça-feira (23). O velório, missa e cremação são restritos aos familiares. A família solicita que ao invés de enviar coroas de flores façam um doação do valor a uma instituição de caridade de Fortaleza. Iraguassu Teixeira Filho - Hoje encerra-se a jornada do meu pai na terra. Façam uma oração por ele. Com profundo pesar informamos a partida do médico e ex-vereador de Fortaleza Doutor Iraguassú Teixeira, aos 80 anos, na noite desta segunda-feira (22), vítima de complicações causadas pela Covid-19. Iraguassu Teixeira estava internado na UTI do Hospital Regional

Morre forrozeiro Dedim Gouveia

Informa site Curuzinho de Mel: - O forrozeiro Dedim Gouveia (foto), de 61 anos, morreu por complicações da covid-19, nesta segunda-feira (19). Ele estava internado no Hospital de Messejana, em Fortaleza há oito dias.  - Última atualização da equipe do cantor Dedim Gouveia, na sexta-feira (16), apontou chances de recuperação. Ele chegou a utilizar oxigênio no tratamento e também a ser transferido para um leito semi-intensivo. - Amigos forrozeiros do artista, como Taty Girl e Nonato Lima comentaram a morte e prestaram homenagem nas Redes Sociais". José da Silva (Dedim Gouveia) nasceu, em Serra da Faísca, em Redenção, no Ceará, em primeiro de março de 1960. Era conhecido como Rei do Xote. Em mais de 40 anos de carreira gravou três LPs, 13 CDs e cinco DVs. Deixa órfãos quatro filhos. Sepultamento - Informa Amon Marques sobre o sepultamento do corpo de Dedim Gouveia: -  Hoje, por volta da meia noite, recebi uma ligação do secretário de Cultura de Fortaleza, Elpídio Nogueira, atendendo

Verdinha vai para 92.5 FM a partir de 5ª feira

A migração da Verdinha AM 810 para Verdinha FM 92.5 será a partir desta quinta-feira (seis de maio). Quem estreia a nova programação voltada mais para o Radiojornalismo é Paulo Oliveira (foto) antes das cinco da manhã. Os ancoras são ainda João Inácio Júnior, Tom Barros, Gleudson Rosa, Silvino Neves, Antero Neto, Daniela de Lavor, Elon Nepomuceno e Rita Damasceno. A Verdinha foi fundada em 16 de julho de 1956 por Assis Chateaubriand. Em 1962 foi comprada por Edson Queiroz, ainda na frequência AM 1.410. Depois mudou para 810 onde permanece até quarta-feira (cinco de maio). Portanto perto de completar 65 anos no ar, a Verdinha migra do AM 810 e para o FM 92.5. Dial - Confira como ficará o dial das 49 FMs da Grande Fortaleza com a migração das AMs, conforme levantamento do site Mídia Cearense: 88.1  (classe C) - Rádio Aratanha de Pacatuba. 88.3  (classe C) - reservado para migrante AM do Eusébio. 88.9  - Jangadeiro FM. 89.3  (classe A4) - Rádio Iracema. 89.9  - 89 FM. 90.3  (classe A2) -

Postagens mais visitadas deste blog

Morre radialista Will Nogueira

Morreu vítima de covid-19, na manhã desta segunda-feira (5), o radialista cearense Will Nogueira ( Francisco de Assis Nogueira Bastos), aos 60 anos . Will Nogueira estava internado, no Hospital São Carlos-Fortaleza, intubado há dez dias e nesta segunda-feira não resistiu as complicações da covid-19. O velório e sepultamento são restritos a familiares, na tarde desta segunda-feira no Cemitério Jardim Metropolitano (4º Anel Viário no Coaçu-Eusébio) Formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Ceará (UFC), Will Nogueira (foto) iniciou no Rádio na década de 1980 pela Rádio Iracema AM 1.300, no Programação Geração 80.  Trabalhou durante 36 anos no Sistema Verdes Mares SVM), dirigindo a Rádio FM 93. Também fez carreira na TV, atuando como apresentador dos programas Terral, na TV Ceará (ex-TV Educativa), e Sábado Alegre, na TV Diário.  Ultimamente depois da aposentadoria da FM 93, em 2015, era consultor em programação de Rádio e TV.   Por muitas vezes troquei ideias sobre Rádio

Ednardo está internado com uma infecção bacteriana

Soube, na manhã desta segunda-feira (31), que o cantor Ednardo (foto) está internado, numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional da Unimed Fortaleza. Ednardo tenta se curar de uma infecção bacteriana. O cantor de 75 anos está internado há uma semana. Filha de Ednardo, atriz e cantora J úlia Limaverde - " Nosso amado pai e querido artista Ednardo está agora no hospital se recuperando de complicações com uma infecção. Ele não está com Covid nem corre risco de vida. De todas as formas agradecemos de coração o envio de todas as energias positivas para sua pronta recuperação". Deputado estadual Renato Roseno (Psol) - " Recebemos a informação pelas redes sociais de que o poeta Ednardo está internado na UTI de um hospital em Fortaleza. Estamos na torcida por sua pronta recuperação. Ednardo é um Patrimônio Vivo da nossa Música". Vereador Evaldo Lima (PCdoB) - " Ednardo resiste como as suas mais lindas canções sobre as coisas do Ceará.

Familiares de Iraguassu Teixeira pedem doação para instituições de caridade no lugar de coroas de flores

Morreu no início da noite desta segunda-feira (22) aos 80 anos, o ex-vereador José Iraguassu Teixeira. Este estava internado há 15 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional Unimed Fortaleza com complicações da Covid-19. A família do Doutor Iraguassu informa que o velório acontece no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino) com missa de corpo presente às dez da manhã e cremação às 11 da manhã desta terça-feira (23). O velório, missa e cremação são restritos aos familiares. A família solicita que ao invés de enviar coroas de flores façam um doação do valor a uma instituição de caridade de Fortaleza. Iraguassu Teixeira Filho - Hoje encerra-se a jornada do meu pai na terra. Façam uma oração por ele. Com profundo pesar informamos a partida do médico e ex-vereador de Fortaleza Doutor Iraguassú Teixeira, aos 80 anos, na noite desta segunda-feira (22), vítima de complicações causadas pela Covid-19. Iraguassu Teixeira estava internado na UTI do Hospital Regional

Morre forrozeiro Dedim Gouveia

Informa site Curuzinho de Mel: - O forrozeiro Dedim Gouveia (foto), de 61 anos, morreu por complicações da covid-19, nesta segunda-feira (19). Ele estava internado no Hospital de Messejana, em Fortaleza há oito dias.  - Última atualização da equipe do cantor Dedim Gouveia, na sexta-feira (16), apontou chances de recuperação. Ele chegou a utilizar oxigênio no tratamento e também a ser transferido para um leito semi-intensivo. - Amigos forrozeiros do artista, como Taty Girl e Nonato Lima comentaram a morte e prestaram homenagem nas Redes Sociais". José da Silva (Dedim Gouveia) nasceu, em Serra da Faísca, em Redenção, no Ceará, em primeiro de março de 1960. Era conhecido como Rei do Xote. Em mais de 40 anos de carreira gravou três LPs, 13 CDs e cinco DVs. Deixa órfãos quatro filhos. Sepultamento - Informa Amon Marques sobre o sepultamento do corpo de Dedim Gouveia: -  Hoje, por volta da meia noite, recebi uma ligação do secretário de Cultura de Fortaleza, Elpídio Nogueira, atendendo

Verdinha vai para 92.5 FM a partir de 5ª feira

A migração da Verdinha AM 810 para Verdinha FM 92.5 será a partir desta quinta-feira (seis de maio). Quem estreia a nova programação voltada mais para o Radiojornalismo é Paulo Oliveira (foto) antes das cinco da manhã. Os ancoras são ainda João Inácio Júnior, Tom Barros, Gleudson Rosa, Silvino Neves, Antero Neto, Daniela de Lavor, Elon Nepomuceno e Rita Damasceno. A Verdinha foi fundada em 16 de julho de 1956 por Assis Chateaubriand. Em 1962 foi comprada por Edson Queiroz, ainda na frequência AM 1.410. Depois mudou para 810 onde permanece até quarta-feira (cinco de maio). Portanto perto de completar 65 anos no ar, a Verdinha migra do AM 810 e para o FM 92.5. Dial - Confira como ficará o dial das 49 FMs da Grande Fortaleza com a migração das AMs, conforme levantamento do site Mídia Cearense: 88.1  (classe C) - Rádio Aratanha de Pacatuba. 88.3  (classe C) - reservado para migrante AM do Eusébio. 88.9  - Jangadeiro FM. 89.3  (classe A4) - Rádio Iracema. 89.9  - 89 FM. 90.3  (classe A2) -