Pular para o conteúdo principal

'Naquele Tempo' reúne artistas cearenses para a produção do primeiro EP

Um projeto musical solitário que surgiu despretensiosamente no meio da pandemia, mas que, com o tempo, acabou reunindo outros artistas e parceiros. Em comum, todos buscavam formas possíveis de criar uma experiência sonora catártica e envolvente, sem abrir mão do contexto social e político em que o País – e a nossa cidade – está passando neste momento. O resultado dessa junção de ideias pode ser conferido no primeiro EP do grupo, intitulado “Tudo já aconteceu”, lançado nas principais plataformas digitais. 

A produção do EP começou em 2020, durante lockdown, logo após Diego César voltar para o Brasil após uma temporada na Ilha de Santiago, em Cabo Verde. Durante os dias “isolado e afastado”, decidiu reunir vários fragmentos de ideias de músicas e arranjos que ele já havia feito anteriormente, além de explorar outras experiências e aprender coisas novas, como compor e fazer arranjos de baixo, por exemplo. 

- Fiquei completamente sozinho durante muitos meses, por isso costumo brincar que esse EP salvou a minha vida. Foi a primeira vez que eu produzi um disco inteiro e escrevi todos os arranjos, toquei praticamente todos os instrumentos, escrevi as letras e gravei as vozes”, explica Diego.   

O artista destaca que a gravação de “Tudo já aconteceu" foi feita com a colaboração de grandes amigos, como Diego Barros, na pré-produção e edição, Rami Freitas, que fez toda a captação, e o Zé George, que gravou todas as baterias em apenas um dia. O projeto contou ainda com a participação de Régis Damasceno, que topou fazer toda a mixagem do EP, e Letícia Cacau, que entrou na banda como vocalista e ainda colaborou com o poema de "Olho do Sol".

A inspiração para as canções de “Tudo já aconteceu" não poderia ser mais plural. O EP, assim, flerta com a MPB da primeira metade do século XX, como o samba, o choro e o baião, ao mesmo tempo em que explora o rock psicodélico dos anos de 1960 e o progressivo, da década de 1970. As referências, entre românticos e radicais, estão Noel Rosa, Nelson Gonçalves, Tom Zé, Cartola, Originais do Samba, Baden Powell, Beatles, Yngvie Malmsteen, Jimi Hendrix, King Crimson e Radiohead.

- Gostamos de chamar essa mistura de POST MPB, pois nos permite nos expor a cadências clássicas como pano de fundo para misturar o passado e o futuro e criar um samba para o nosso tempo, ou até mesmo um novo jeito de chorar de amor e rebolar os quadris sem ser careta”, destaca Diego César.

Manifesto - Paralelamente ao EP, a banda “Naquele Tempo” lançou ainda um manifesto (leia aqui na íntegra), voltado para os artistas independentes do mundo inteiro. A ideia é pensar e desenvolver iniciativas concretas de impacto social por meio da arte. Nesse sentido, todo o valor arrecadado pela reprodução das músicas de “Tudo já aconteceu" nos serviços de streaming será destinado para a “Casa Bate Palmas”, instituição que trabalha com ações inclusivas de arte e cultura para crianças, jovens, mulheres, LGBTQS e a população em geral do Conjunto Palmeiras, no Grande Jangurussu, área que possui um dos menores índices de IDH de Fortaleza.

- Na busca desse novo significado, nos deparamos com o cenário de fragilidade humana gerada pela desigualdade social e agravada seriamente pelo contexto pandêmico. Decidimos direcionar 100% do valor arrecadado pela execução das nossas músicas nos serviços de streaming para essa instituição como forma de proporcionar melhoria de vida às pessoas afetadas pela vulnerabilidade social em nossa cidade. E faço um convite para que outros artistas também pensem em alternativas semelhantes”, pontua Diego César.

'Naquele Tempo é':

  • Diego César - Guitarra / Voz
  • Leticia Cacau - Voz
  • Diego Barros - Guitarra
  • Jones Xavier - Baixo
  • Zé George - Bateria 
  • Rami Freitas - Técnico de áudio / Captação

"Tudo já aconteceu":

  • Diego César: Produção musical, Arranjos, Guitarras, Baixos e Vozes
  • Leticia Cacau: Vozes
  • Zé George: Bateria
  • Rami Freitas: Captação
  • Diego Barros: Edição
  • Régis Damasceno: Mixagem e Masterização
  • Produção executiva e produção fonográfica: Ana Carol Azeredo
  • Distribuição: Tratore
  • Gravado entre agosto e novembro de 2020, na sede do Grupo Formosura de Teatro, Darkside Studio e no Radical Studio, localizado na praia na Caponga, litoral do Ceará.

SERVIÇO

  • EP “Tudo já aconteceu” – Naquele Tempo
  • Onde ouvir: https://tratore.ffm.to/tudojaaconteceu
  • Saiba mais: Instagram @naqueletemp0



Comentários

Entre em contato conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Notícias mais acessadas do mês

Morre radialista Will Nogueira

Morreu vítima de covid-19, na manhã desta segunda-feira (5), o radialista cearense Will Nogueira ( Francisco de Assis Nogueira Bastos), aos 60 anos . Will Nogueira estava internado, no Hospital São Carlos-Fortaleza, intubado há dez dias e nesta segunda-feira não resistiu as complicações da covid-19. O velório e sepultamento são restritos a familiares, na tarde desta segunda-feira no Cemitério Jardim Metropolitano (4º Anel Viário no Coaçu-Eusébio) Formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Ceará (UFC), Will Nogueira (foto) iniciou no Rádio na década de 1980 pela Rádio Iracema AM 1.300, no Programação Geração 80.  Trabalhou durante 36 anos no Sistema Verdes Mares SVM), dirigindo a Rádio FM 93. Também fez carreira na TV, atuando como apresentador dos programas Terral, na TV Ceará (ex-TV Educativa), e Sábado Alegre, na TV Diário.  Ultimamente depois da aposentadoria da FM 93, em 2015, era consultor em programação de Rádio e TV.   Por muitas vezes troquei ideias sobre Rádio

Ednardo está internado com uma infecção bacteriana

Soube, na manhã desta segunda-feira (31), que o cantor Ednardo (foto) está internado, numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional da Unimed Fortaleza. Ednardo tenta se curar de uma infecção bacteriana. O cantor de 75 anos está internado há uma semana. Filha de Ednardo, atriz e cantora J úlia Limaverde - " Nosso amado pai e querido artista Ednardo está agora no hospital se recuperando de complicações com uma infecção. Ele não está com Covid nem corre risco de vida. De todas as formas agradecemos de coração o envio de todas as energias positivas para sua pronta recuperação". Deputado estadual Renato Roseno (Psol) - " Recebemos a informação pelas redes sociais de que o poeta Ednardo está internado na UTI de um hospital em Fortaleza. Estamos na torcida por sua pronta recuperação. Ednardo é um Patrimônio Vivo da nossa Música". Vereador Evaldo Lima (PCdoB) - " Ednardo resiste como as suas mais lindas canções sobre as coisas do Ceará.

Familiares de Iraguassu Teixeira pedem doação para instituições de caridade no lugar de coroas de flores

Morreu no início da noite desta segunda-feira (22) aos 80 anos, o ex-vereador José Iraguassu Teixeira. Este estava internado há 15 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional Unimed Fortaleza com complicações da Covid-19. A família do Doutor Iraguassu informa que o velório acontece no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino) com missa de corpo presente às dez da manhã e cremação às 11 da manhã desta terça-feira (23). O velório, missa e cremação são restritos aos familiares. A família solicita que ao invés de enviar coroas de flores façam um doação do valor a uma instituição de caridade de Fortaleza. Iraguassu Teixeira Filho - Hoje encerra-se a jornada do meu pai na terra. Façam uma oração por ele. Com profundo pesar informamos a partida do médico e ex-vereador de Fortaleza Doutor Iraguassú Teixeira, aos 80 anos, na noite desta segunda-feira (22), vítima de complicações causadas pela Covid-19. Iraguassu Teixeira estava internado na UTI do Hospital Regional

Morre forrozeiro Dedim Gouveia

Informa site Curuzinho de Mel: - O forrozeiro Dedim Gouveia (foto), de 61 anos, morreu por complicações da covid-19, nesta segunda-feira (19). Ele estava internado no Hospital de Messejana, em Fortaleza há oito dias.  - Última atualização da equipe do cantor Dedim Gouveia, na sexta-feira (16), apontou chances de recuperação. Ele chegou a utilizar oxigênio no tratamento e também a ser transferido para um leito semi-intensivo. - Amigos forrozeiros do artista, como Taty Girl e Nonato Lima comentaram a morte e prestaram homenagem nas Redes Sociais". José da Silva (Dedim Gouveia) nasceu, em Serra da Faísca, em Redenção, no Ceará, em primeiro de março de 1960. Era conhecido como Rei do Xote. Em mais de 40 anos de carreira gravou três LPs, 13 CDs e cinco DVs. Deixa órfãos quatro filhos. Sepultamento - Informa Amon Marques sobre o sepultamento do corpo de Dedim Gouveia: -  Hoje, por volta da meia noite, recebi uma ligação do secretário de Cultura de Fortaleza, Elpídio Nogueira, atendendo

Verdinha vai para 92.5 FM a partir de 5ª feira

A migração da Verdinha AM 810 para Verdinha FM 92.5 será a partir desta quinta-feira (seis de maio). Quem estreia a nova programação voltada mais para o Radiojornalismo é Paulo Oliveira (foto) antes das cinco da manhã. Os ancoras são ainda João Inácio Júnior, Tom Barros, Gleudson Rosa, Silvino Neves, Antero Neto, Daniela de Lavor, Elon Nepomuceno e Rita Damasceno. A Verdinha foi fundada em 16 de julho de 1956 por Assis Chateaubriand. Em 1962 foi comprada por Edson Queiroz, ainda na frequência AM 1.410. Depois mudou para 810 onde permanece até quarta-feira (cinco de maio). Portanto perto de completar 65 anos no ar, a Verdinha migra do AM 810 e para o FM 92.5. Dial - Confira como ficará o dial das 49 FMs da Grande Fortaleza com a migração das AMs, conforme levantamento do site Mídia Cearense: 88.1  (classe C) - Rádio Aratanha de Pacatuba. 88.3  (classe C) - reservado para migrante AM do Eusébio. 88.9  - Jangadeiro FM. 89.3  (classe A4) - Rádio Iracema. 89.9  - 89 FM. 90.3  (classe A2) -

Postagens mais visitadas deste blog

Morre radialista Will Nogueira

Morreu vítima de covid-19, na manhã desta segunda-feira (5), o radialista cearense Will Nogueira ( Francisco de Assis Nogueira Bastos), aos 60 anos . Will Nogueira estava internado, no Hospital São Carlos-Fortaleza, intubado há dez dias e nesta segunda-feira não resistiu as complicações da covid-19. O velório e sepultamento são restritos a familiares, na tarde desta segunda-feira no Cemitério Jardim Metropolitano (4º Anel Viário no Coaçu-Eusébio) Formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Ceará (UFC), Will Nogueira (foto) iniciou no Rádio na década de 1980 pela Rádio Iracema AM 1.300, no Programação Geração 80.  Trabalhou durante 36 anos no Sistema Verdes Mares SVM), dirigindo a Rádio FM 93. Também fez carreira na TV, atuando como apresentador dos programas Terral, na TV Ceará (ex-TV Educativa), e Sábado Alegre, na TV Diário.  Ultimamente depois da aposentadoria da FM 93, em 2015, era consultor em programação de Rádio e TV.   Por muitas vezes troquei ideias sobre Rádio

Ednardo está internado com uma infecção bacteriana

Soube, na manhã desta segunda-feira (31), que o cantor Ednardo (foto) está internado, numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional da Unimed Fortaleza. Ednardo tenta se curar de uma infecção bacteriana. O cantor de 75 anos está internado há uma semana. Filha de Ednardo, atriz e cantora J úlia Limaverde - " Nosso amado pai e querido artista Ednardo está agora no hospital se recuperando de complicações com uma infecção. Ele não está com Covid nem corre risco de vida. De todas as formas agradecemos de coração o envio de todas as energias positivas para sua pronta recuperação". Deputado estadual Renato Roseno (Psol) - " Recebemos a informação pelas redes sociais de que o poeta Ednardo está internado na UTI de um hospital em Fortaleza. Estamos na torcida por sua pronta recuperação. Ednardo é um Patrimônio Vivo da nossa Música". Vereador Evaldo Lima (PCdoB) - " Ednardo resiste como as suas mais lindas canções sobre as coisas do Ceará.

Familiares de Iraguassu Teixeira pedem doação para instituições de caridade no lugar de coroas de flores

Morreu no início da noite desta segunda-feira (22) aos 80 anos, o ex-vereador José Iraguassu Teixeira. Este estava internado há 15 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional Unimed Fortaleza com complicações da Covid-19. A família do Doutor Iraguassu informa que o velório acontece no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino) com missa de corpo presente às dez da manhã e cremação às 11 da manhã desta terça-feira (23). O velório, missa e cremação são restritos aos familiares. A família solicita que ao invés de enviar coroas de flores façam um doação do valor a uma instituição de caridade de Fortaleza. Iraguassu Teixeira Filho - Hoje encerra-se a jornada do meu pai na terra. Façam uma oração por ele. Com profundo pesar informamos a partida do médico e ex-vereador de Fortaleza Doutor Iraguassú Teixeira, aos 80 anos, na noite desta segunda-feira (22), vítima de complicações causadas pela Covid-19. Iraguassu Teixeira estava internado na UTI do Hospital Regional

Morre forrozeiro Dedim Gouveia

Informa site Curuzinho de Mel: - O forrozeiro Dedim Gouveia (foto), de 61 anos, morreu por complicações da covid-19, nesta segunda-feira (19). Ele estava internado no Hospital de Messejana, em Fortaleza há oito dias.  - Última atualização da equipe do cantor Dedim Gouveia, na sexta-feira (16), apontou chances de recuperação. Ele chegou a utilizar oxigênio no tratamento e também a ser transferido para um leito semi-intensivo. - Amigos forrozeiros do artista, como Taty Girl e Nonato Lima comentaram a morte e prestaram homenagem nas Redes Sociais". José da Silva (Dedim Gouveia) nasceu, em Serra da Faísca, em Redenção, no Ceará, em primeiro de março de 1960. Era conhecido como Rei do Xote. Em mais de 40 anos de carreira gravou três LPs, 13 CDs e cinco DVs. Deixa órfãos quatro filhos. Sepultamento - Informa Amon Marques sobre o sepultamento do corpo de Dedim Gouveia: -  Hoje, por volta da meia noite, recebi uma ligação do secretário de Cultura de Fortaleza, Elpídio Nogueira, atendendo

Verdinha vai para 92.5 FM a partir de 5ª feira

A migração da Verdinha AM 810 para Verdinha FM 92.5 será a partir desta quinta-feira (seis de maio). Quem estreia a nova programação voltada mais para o Radiojornalismo é Paulo Oliveira (foto) antes das cinco da manhã. Os ancoras são ainda João Inácio Júnior, Tom Barros, Gleudson Rosa, Silvino Neves, Antero Neto, Daniela de Lavor, Elon Nepomuceno e Rita Damasceno. A Verdinha foi fundada em 16 de julho de 1956 por Assis Chateaubriand. Em 1962 foi comprada por Edson Queiroz, ainda na frequência AM 1.410. Depois mudou para 810 onde permanece até quarta-feira (cinco de maio). Portanto perto de completar 65 anos no ar, a Verdinha migra do AM 810 e para o FM 92.5. Dial - Confira como ficará o dial das 49 FMs da Grande Fortaleza com a migração das AMs, conforme levantamento do site Mídia Cearense: 88.1  (classe C) - Rádio Aratanha de Pacatuba. 88.3  (classe C) - reservado para migrante AM do Eusébio. 88.9  - Jangadeiro FM. 89.3  (classe A4) - Rádio Iracema. 89.9  - 89 FM. 90.3  (classe A2) -