Pular para o conteúdo principal

Grandes Debates de junho serão sobre Direitos do Movimento LGBTQI+

28 de junho é o Dia Internacional do Orgulho LGBT. 

Importante movimento social presente em todo o mundo, o Movimento LGBT ainda encontra muitos obstáculos frente aos governos e à sociedade civil para conseguir garantir os direitos mais básicos para as Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgêneros.

O assunto será abordado na próxima edição do “Grandes Debates – Parlamento Protagonista” deste mês, na terça-feira (29 de junho), com a participação das advogadas Luanna Marley e Ananda Puchta, especialistas no tema, do deputado estadual Renato Roseno (PSOL), e da jornalista Mara Beatriz, representante do Movimento Mães pela Diversidade. 

O debate é uma realização da Assembleia Legislativa do Ceará (ALCE), por meio do Conselho de Altos Estudos, e será exibido às 21 horas, pela TV Assembleia, Rádio Assembleia FM e redes sociais da ALCE.

A sociedade ainda lida com questões como o preconceito contra a orientação sexual das pessoas. A mais séria delas é a violência que faz vítimas com frequência, inclusive fatais. Nesse sentido, o Movimento LGBT luta por pautas importantes para a sociedade, no enfrentamento ao preconceito e na busca da igualdade social, seja por meio da conscientização das pessoas contra bifobia, homofobia, lesbofobia e transfobia, diante do crescimento da representatividade das pessoas LGBT nos mais diversos setores da sociedade civil.

O debate deste mês traz especialistas para falar sobre os avanços e desafios no enfrentamento das dificuldades das pessoas que se identificam como Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgêneros, seus direitos sociais e como ter acesso a estes. 

As principais pautas podem diferir, por contextos sociais e políticos de cada país, mas alguns objetivos são comuns: 
  • O repúdio à criminalização da LGBTfobia.
  • Reconhecimento social da identidade de gênero.
  • Fim do tratamento das identidades trans como patologias.
  • Fim dos tratamentos de “cura gay”.
  • Casamento civil igualitário.
  • Permissão para casais homoafetivos adotarem crianças.
  • Respeito à laicidade do Estado e fim da influência religiosa nos processos políticos.
  • Políticas Públicas pelo fim da discriminação.
  • Fim dos estereótipos LGBT na mídia e representatividade da comunidade nos meios de comunicação.
Conheça os debatedores:

  • Luanna Marley é advogada e pesquisadora; mestre em Direitos Humanos e Cidadania na Universidade de Brasília (UnB); pesquisadora do Núcleo de Estudos da Diversidade Sexual e de Gênero (NEDIG) - CEAM/UnB; integrante do Observatório de Políticas Públicas LGBTI da Universidade Federal do Ceará; integrante da Rede Nacional de Advogadas e Advogados Populares (RENAP/CE). É membro fundadora do Instituto de Pesquisa, Direitos e Movimentos Sociais (IPDMS). Coordenou a Política de Defesa em Direitos Humanos da Secretaria de Direitos Humanos de Fortaleza. Tem experiência na área do Direito e das Políticas Públicas, com ênfase em Direitos Humanos, justiça criminal, segurança pública, direitos LGBT, direitos das mulheres, direitos da população negra, feminismo e gênero.
  • Ananda Puchta é advogada, ativista interseccional, feminista, antirracista e apaixonada pela quebra de paradigmas! Foi finalista do 24º Prêmio Claudia na categoria políticas públicas, Fellow da Out & Equal Workplace Advocates, defendeu a criminalização da LGBTIfobia no Supremo Tribunal Federal representando o Grupo Dignidade e a Aliança Nacional LGBTI, entidades nas quais foi voluntária. É cofundadora do Coletivo Cássia, membra da Rede Brasileira de Mulheres LBTQs, conselheira do Aliades e diretora para o Brasil na Ella Global Community.
  • Renato Roseno é advogado, graduado pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e deputado estadual no estado do Ceará pelo Partido Socialismo e Liberdade-PSOL (2015-2019 e 2019-2023). É presidente da Comissão de Direitos Humanos e Cidadania (2017-2019) e do Comitê Cearense pela Prevenção dos Homicídios na Adolescência, membro titular do Comitê Estadual de Prevenção e Combate à Tortura e do Conselho Estadual de Direitos Humanos. Coordenou pesquisas e projetos relacionados à infância, como a Pesquisa de Tráfico sobre Crianças, Adolescentes e Mulheres para fins de Exploração Sexual (PESTRAF/CECRIA) e o projeto da ANCED para fortalecimento das ações de proteção jurídico-social desenvolvidas pelos CEDECAs. Faz Mestrado em Avaliação de Políticas Públicas.
  • Mara Beatriz é jornalista, professora e ativista dos Direitos Humanos, em especial da comunidade LGBTQIA+. É mãe de uma adolescente trans e integra a associação “Mães pela Diversidade” desde seu surgimento no Ceará, tendo sido sua coordenadora estadual. Descobriu que sua filha era trans quando ela tinha 12 anos. Juntas, passaram por todo o processo de transição social e por vários episódios transfóbicos, dentre os quais a expulsão da escola onde a filha estudava. Tornou-se uma das vozes do movimento, falando sobre a relevância do acolhimento familiar à pessoa trans e palestrando em escolas e outras instituições sobre a importância do respeito à Diversidade. No momento, está com processo aberto na Defensoria Pública do Estado para retificação na Justiça do nome e gênero da sua filha Lara.


Comentários

Alguma sugestão ou comentário particular?

Nome

E-mail *

Mensagem *

Notícias mais acessadas do mês

Ednardo está internado com uma infecção bacteriana

Soube, na manhã desta segunda-feira (31), que o cantor Ednardo (foto) está internado, numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional da Unimed Fortaleza. Ednardo tenta se curar de uma infecção bacteriana. O cantor de 75 anos está internado há uma semana. Filha de Ednardo, atriz e cantora J úlia Limaverde - " Nosso amado pai e querido artista Ednardo está agora no hospital se recuperando de complicações com uma infecção. Ele não está com Covid nem corre risco de vida. De todas as formas agradecemos de coração o envio de todas as energias positivas para sua pronta recuperação". Deputado estadual Renato Roseno (Psol) - " Recebemos a informação pelas redes sociais de que o poeta Ednardo está internado na UTI de um hospital em Fortaleza. Estamos na torcida por sua pronta recuperação. Ednardo é um Patrimônio Vivo da nossa Música". Vereador Evaldo Lima (PCdoB) - " Ednardo resiste como as suas mais lindas canções sobre as coisas do Ceará.

Morre radialista Miguel Messias

Morreu, na noite deste domingo (27 de junho), o radialista Miguel Messias com passagens nas rádios Sociedade da Bahia, Clube de Pernambuco, Verdes Mares AM de Fortaleza, Iracema de Fortaleza, Pitaguary de Maracanaú, Metropolitana de Caucaia e Ceará Rádio Clube. Cobriu quatro copas do mundo. O sepultamento será às 13 horas, no Cemitério Bom Jardim, em Fortaleza. Tony Mazolly - Recebo a Triste Notícia, que acabou de falecer o companheiro radialista Miguel Messias". Alano Maia -  Caros amigos, infelizmente acabou de falecer o companheiro Miguel Messias...Sem palavras" Gualber Calado - Miguel  Messias - grande companheiro de muitas jornadas na Rádio Clube e nas Webrádios! Ivan Bezerra - Comecei com ele na Rádio Iracema. Jamais esquecerei o apoio que me deu no início da profissão, a mim e ao meu irmão, Ari Bezerra. Com certeza Deus já reservou um bom lugar para ele".

Xand Avião demite DJ Ivis

 O cantor Xand Avião se posiciona e informa que DJ Ivis (Iverson de Souza Araújo) está fora da sua empresa (produtora Vybbe) e está dando apoio a Pamella Holanda e a filha de seis meses do casal. DJ Ivis bateu seguidas vezes na ex-mulher a arquiteta Pamella Holanda, de 27 anos. Vídeos que circularam na Internet mostram a violência, que foi denunciada na Delegacia de Eusébio neste domingo (11).  O DJ se defende, afirmando, que apenas revidou  ' as agressões de Pamella'. Prefeito de Fortaleza, José Sarto (PDT) - A violência contra a mulher é inadmissível e se torna ainda mais cruel e repugnante na presença de filhos. Minha solidariedade à Pamella Holanda e a todas as mulheres que lamentavelmente sofrem com a violência doméstica. A Prefeitura de Fortaleza atua para garantir o apoio necessário às vítimas em casos assim. O Centro de Referência e Atendimento à Mulher em Situação de Violência Francisca Clotilde oferece acolhimento, acompanha e encaminha para serviços da Rede de Atend

Morre Carlinhos Perdigão

Morreu nesta sexta-feira (2 de julho), aos 52 anos, depois de longa luta contra a covid-19 o músico e  professor Carlos Perdigão (fotos). Jornalista Alberto Perdigão -  Triste demais com a morte do primo e amigo @carlinhosperdigao. Professor, músico, poeta, ela era amado por todos. Sorriso sempre. Gentileza sempre. Mais um que não teve vacina a tempo... meus Deus. @danyandd quem ele tanto amava receba meu abraço solidário na dor. Tio Carlos, Lúcia, Haroldo, Jarbas... que perda precoce meus queridos". Jornalista Marina Valente - A gente não aguenta mais dar adeus. Estamos querendo o abraço do retorno dos que sobreviveram. Para chorar junto. Para se consolar junto. Para lembrar de quem perdemos e lutarmos contra quem os tirou de nós. Mais um amigo partiu. Um cara da música, da alegria, da comunicação e da fé no que há de bom nesse mundo. Estamos perdendo quem faz a diferença enquanto não fazemos perder os que estão nos matando. Que Deus te receba com música e muito carinho Calinhos

Juiza nega pedidos de DJ Ivis

O DJ Ivis através de nota de sua assessoria jurídica informa que 'aguarda o curso da investigação e cumpre a decisão de medida protetiva, além de permanecer à disposição da Justiça'. DJ Ivis é acusado de bater na ex-esposa a arquiteta Pamella Holanda. Nesta segunda-feira (12 de julho) a juiz Maria José Sousa Rosado de Alencar negou pedido de Ivis para que fosse removido da Internet o vídeo onde aparece ele batendo em Pamella. A juiz negou também a solicitação para que Pamella fosse proibida de comentar a agressão na imprensa, 'principalmente onde cite a filha menor'. - Ela (Pamella) comunicou a imprensa fatos mentirosos relativos à violência doméstica veiculada em sites de Internet prejudicial a minha reputação", alegava DJ Ivis. - Não verifico no conteúdo divulgado qualquer conduta que ultrapasse o direito de expressão. Em isso, ocorrendo, torna-se impossível analisar o pedido, além de quer a concessão de tal pretensão, nos moldes formulados representaria ao direi

Postagens mais visitadas deste blog

Ednardo está internado com uma infecção bacteriana

Soube, na manhã desta segunda-feira (31), que o cantor Ednardo (foto) está internado, numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional da Unimed Fortaleza. Ednardo tenta se curar de uma infecção bacteriana. O cantor de 75 anos está internado há uma semana. Filha de Ednardo, atriz e cantora J úlia Limaverde - " Nosso amado pai e querido artista Ednardo está agora no hospital se recuperando de complicações com uma infecção. Ele não está com Covid nem corre risco de vida. De todas as formas agradecemos de coração o envio de todas as energias positivas para sua pronta recuperação". Deputado estadual Renato Roseno (Psol) - " Recebemos a informação pelas redes sociais de que o poeta Ednardo está internado na UTI de um hospital em Fortaleza. Estamos na torcida por sua pronta recuperação. Ednardo é um Patrimônio Vivo da nossa Música". Vereador Evaldo Lima (PCdoB) - " Ednardo resiste como as suas mais lindas canções sobre as coisas do Ceará.

Morre radialista Miguel Messias

Morreu, na noite deste domingo (27 de junho), o radialista Miguel Messias com passagens nas rádios Sociedade da Bahia, Clube de Pernambuco, Verdes Mares AM de Fortaleza, Iracema de Fortaleza, Pitaguary de Maracanaú, Metropolitana de Caucaia e Ceará Rádio Clube. Cobriu quatro copas do mundo. O sepultamento será às 13 horas, no Cemitério Bom Jardim, em Fortaleza. Tony Mazolly - Recebo a Triste Notícia, que acabou de falecer o companheiro radialista Miguel Messias". Alano Maia -  Caros amigos, infelizmente acabou de falecer o companheiro Miguel Messias...Sem palavras" Gualber Calado - Miguel  Messias - grande companheiro de muitas jornadas na Rádio Clube e nas Webrádios! Ivan Bezerra - Comecei com ele na Rádio Iracema. Jamais esquecerei o apoio que me deu no início da profissão, a mim e ao meu irmão, Ari Bezerra. Com certeza Deus já reservou um bom lugar para ele".

Xand Avião demite DJ Ivis

 O cantor Xand Avião se posiciona e informa que DJ Ivis (Iverson de Souza Araújo) está fora da sua empresa (produtora Vybbe) e está dando apoio a Pamella Holanda e a filha de seis meses do casal. DJ Ivis bateu seguidas vezes na ex-mulher a arquiteta Pamella Holanda, de 27 anos. Vídeos que circularam na Internet mostram a violência, que foi denunciada na Delegacia de Eusébio neste domingo (11).  O DJ se defende, afirmando, que apenas revidou  ' as agressões de Pamella'. Prefeito de Fortaleza, José Sarto (PDT) - A violência contra a mulher é inadmissível e se torna ainda mais cruel e repugnante na presença de filhos. Minha solidariedade à Pamella Holanda e a todas as mulheres que lamentavelmente sofrem com a violência doméstica. A Prefeitura de Fortaleza atua para garantir o apoio necessário às vítimas em casos assim. O Centro de Referência e Atendimento à Mulher em Situação de Violência Francisca Clotilde oferece acolhimento, acompanha e encaminha para serviços da Rede de Atend

Morre Carlinhos Perdigão

Morreu nesta sexta-feira (2 de julho), aos 52 anos, depois de longa luta contra a covid-19 o músico e  professor Carlos Perdigão (fotos). Jornalista Alberto Perdigão -  Triste demais com a morte do primo e amigo @carlinhosperdigao. Professor, músico, poeta, ela era amado por todos. Sorriso sempre. Gentileza sempre. Mais um que não teve vacina a tempo... meus Deus. @danyandd quem ele tanto amava receba meu abraço solidário na dor. Tio Carlos, Lúcia, Haroldo, Jarbas... que perda precoce meus queridos". Jornalista Marina Valente - A gente não aguenta mais dar adeus. Estamos querendo o abraço do retorno dos que sobreviveram. Para chorar junto. Para se consolar junto. Para lembrar de quem perdemos e lutarmos contra quem os tirou de nós. Mais um amigo partiu. Um cara da música, da alegria, da comunicação e da fé no que há de bom nesse mundo. Estamos perdendo quem faz a diferença enquanto não fazemos perder os que estão nos matando. Que Deus te receba com música e muito carinho Calinhos

Juiza nega pedidos de DJ Ivis

O DJ Ivis através de nota de sua assessoria jurídica informa que 'aguarda o curso da investigação e cumpre a decisão de medida protetiva, além de permanecer à disposição da Justiça'. DJ Ivis é acusado de bater na ex-esposa a arquiteta Pamella Holanda. Nesta segunda-feira (12 de julho) a juiz Maria José Sousa Rosado de Alencar negou pedido de Ivis para que fosse removido da Internet o vídeo onde aparece ele batendo em Pamella. A juiz negou também a solicitação para que Pamella fosse proibida de comentar a agressão na imprensa, 'principalmente onde cite a filha menor'. - Ela (Pamella) comunicou a imprensa fatos mentirosos relativos à violência doméstica veiculada em sites de Internet prejudicial a minha reputação", alegava DJ Ivis. - Não verifico no conteúdo divulgado qualquer conduta que ultrapasse o direito de expressão. Em isso, ocorrendo, torna-se impossível analisar o pedido, além de quer a concessão de tal pretensão, nos moldes formulados representaria ao direi