Pular para o conteúdo principal

Futricas Cearenses


Recebemos do Ceo do Jornalistas & Cia, Eduardo Ribeiro (foto); e agradecemos:

Car@s Admilson, Aldo, Anna, Armando, Assis, Baron, Chris, Cristina, Daniel, Dedé, Fernando, Fernanda, Kátia, Lauriberto, Luciana, Maurício, Plínio, Santana, Silvio, Victor e Vinícius,

Chego a cada um de vocês dos times do J&Cia, Portal e MediaTalks - e também aos parceiros do Instituto Corda e do I'Max - para agradecer a parceria, a amizade e a dedicação ao longo de todo esse ano desafiador, que estamos fechando (imagino eu) com um saldo credor e um salto de qualidade muito grandes. 

Fizemos um especial lindo, com o Plínio, sobre os jornalistas com desafios e necessidades especiais, em abril. Outro lindo em junho sobre o centenário de morte de João do Rio, com Assis, que teve outros dois grandes trabalhos divulgados, O inacreditável Encontro de Deus com Marx e o Especial em homenagem aos +Admirados (vai poder pedir música no Fantástico).

Tivemos um avanço incrível de audiência e de furos no MediaTalks, fechando o ano com o Especial COP26, que tem sido unanimidade em reconhecimento da qualidade e do conteúdo divulgado, num trabalho incansável da Luciana e do Aldo, desde Londres, com o apoio da Inês, da Anna e de outros colegas que estiveram ou ainda estão atuando no projeto. Temos emplacados home do UOL, onde o Portal está alojado, com frequência, e também vamos repercutino em outras esferas digitais, muitas vezes puxando a audiência a patamares inicialmente impensáveis. E o mais interessante é a qualificação da audiência, tendo em vista que os conteúdos são constantemente acompanhados por um grande número de editores, diretores, chefes de redação e por aí vai. Sempre com o apoio das mais importantes instituições de jornalismo do País (ABI, Abraji, Aner, ANJ e Projor), e alguns apoios internacionais. O projeto conta ainda com a imperdível coluna semanal da Luciana no J&Cia e repercussão das principais notícias também no Portal. 

Entramos num dos maiores desafios de nossa história que foi realizar com o Instituto Corda e o I'Max o estudo sobre o Perfil Racial da Imprensa Brasileira, com uma relevante repercussão e que continua sua saga na coluna semanal que inauguramos no J&Cia, logo após a divulgação do estudo, sob a coordenação do Maurício. Detalhe, sempre trazendo o depoimento de um ou uma jornalista negr@, comentando o tema divulgado na edição.

Os prêmios +Admirados foram realizados em cinco segmentos, um recorde, ampliando nossa presença nas redações e mesmo na comunicação corporativa, segmento estratégico de apoio às votações, tudo sob o olhar vigilante e as ações do Vinícius e do Fernando. Assim, tivemos +Admirados em Imprensa Automotiva, Agronegócio, Esportes, Saúde e Bem Estar e Economia, Negócios e Finanças.

O Portal a cada dia aumenta sua presença no mercado, dando vazão aos conteúdos do J&Cia e, sobretudo, entrando com seus conteúdos próprios, furando sempre que possível o próprio J&Cia. Trabalho que tem tido também uma boa repercussão nas redes e que tem o Fernando, o Victor, que foi profissionalizado na equipe como repórter, e a Anna, nossa atual estagiária, que se divide entre o Portal e o MediaTalks, a postos, buscando sempre estar com conteúdos de qualidade para atrair a audiência. Incrível que um dos pontos altos de audiência são os perfis dos jornalistas, que ainda precisamos aprimorar. Mas está no radar.

Nossas editoras Cris, no Rio (quase fundadora do J&Cia, quando ainda era FaxMOAGEM) e Kátia, em Brasília, e os correspondentes Admilson, em Minas, Lauriberto, no Ceará, Dedé, no Pará, e Chris, no Amazonas, não falham nunca e conseguem trazer todas as semanas um bom apanhado das coisas do jornalismo e da comunicação nas respectivas regiões. Um charme que dá ao conteúdo geral, o tempero regional que faz uma baita diferença.

Nosso Comercial, tendo o Silvio na linha de frente, e o Vinícius, na retaguarda, têm feito um trabalho incansável e estratégico para nossa sobrevivência. E felizmente vamos fechar 2021 com nossas contas em dia e com um pequeno fólego para abrir 2022, o que, nas circunstâncias atuais, não é pouco.

É também necessário registrar o esforço de planejamento que o Vinícius tem feito para dar ao nosso projeto uma feição mais empresarial, já que eu, pessoalmente, como administrador, sou apenas um razoável jornalista.

Na Administração, para ir atrás dos recursos gerados pelo comercial, o Armando vai garantindo que nossas contas no banco permaneçam no azul, longe dos cheques especiais e empréstimos, que pouco tempo atrás nos atormentaram imensamente, situação que felizmente superamos e que não esperamos voltar. 

Nossos colunistas de todas ou quase todas as semanas vão botando mais tempero nas edições semanais, caso do Twitão, que o Daniel e o Plínio assinam, alternadamente, acrescidos das boas histórias trazidas pelo Assis e seu precioso acervo de cultura popular. Nos sentimos engrandecidos com esses conteúdos e com esses colegas que são pontos fora da curva.

Até a coluna que tenho pilotado, sobre o vaivém na comunicação corporativa (que criei de certo modo para me curar da frustração de ver o vaivém pelas redações definhar), cresce a olhos vistos, graças a uma técnica tupiniquim que desenvolvi e que nem sei até quando vou dar conta, pelo tempo que toma e que, de certo modo, diminui o tempo de outras coisas importantes sobre as quais tenho responsabilidades. Mas confesso que tem sido um grande barato fazer a coluna. Para terem uma ideia, meus posts no linkedin, que são praticamente diários, tem uma média de 300 visualizações, dependendo do assunto. Mas quando ali coloco o vaivém, sobe para 3 mil. 

Nossa newsletter que um dia, quando foi lançada, tinha apenas uma página, hoje não tem sido fechada com menos de 25, 30. Penso que de fato somos hoje uma revista semanal de informações sobre o jornalismo e a comunicação, sem a desvantagem do elevado custo de uma publicação impressa. E uma coisa boa, que melhoramos, foi chegar às novas gerações das redações, graças ao convênio com o I'Max, construído com o apoio da Fernanda Lara, que redistribui nossas edições para um grande número de colegas nas redações de todo o País. 

Estamos fechando o ano com uma de nossas meninas dos olhos, o Ranking dos +Premiados da Imprensa, projeto que criamos em 2011, então com o apoio do Maurício, do Instituto Corda, e que hoje é uma referência para o jornalismo brasileiro. Estamos chegando aos 200 prêmios analisados e superando os 10 mil jornalistas que já ganharam algum prêmio em vida, desde 1941, data do primeiro prêmio identificado pelos nossos radares. Abrimos com os +Premiados Jornalistas do Ano e agora teremos os +Premiados Jornalistas da História e por aí vai com veículos e grupos de comunicação. Como curiosidade, minha inspiração, ao criar esse ranking, foi o ranking da Folha de S.Paulo sobre os clubes de futebol. Sempre achei a iniciativa virtuosa e excelente para quem gosta de futebol. E ficava pensando como seria se colocássemos todos os prêmios de jornalismo num liquidificador: o que sairia de lá, quem eram os mais premiados. 

E eu não poderia fechar esta mensagem sem um agradecimento mais do que especial ao Paulo Sant'Anna, primeiro parceiro do J&Cia, lá em agosto, setembro de 1995, e que me acompanha na chuva, no sol, nas trovoadas e intempéries, como aquele conjunto RC7 acompanha Roberto Carlos. San, que está passando por uma provação, com a doença da Lena, sua esposa, felizmente reagindo bem ao tratamento em curso, tem segurado a peteca, mesmo quando exageremos na dose, como neste final de ano, que fizemos edições alongadas como as do Perfil Racial e essa agora, última do ano, além das especiais de Deus e Marx e +Admirados. 

Claro, ficam aqui minhas desculpas por algum imperdoável esquecimento. Caso, por exemplo, de minha irmã, Cecília, que não está copiada porque não tem e-mail, mas que tem garantido meus almoços no escritório quase que diariamente, já que sou o único frequentador habitual da casa na Rua Diana, 914 (o Vinícius passa por lá alguns dias do mês). Mas quem sabe agora em 2022 a gente possa voltar a dar vida novamente à nossa querida redação, nem que seja em formato híbrido.

Caríssim@s, obrigado pelo apoio, parceria, dedicação e pela oportunidade de contar com o talento de cada um de vocês, o que tem feito de nós um time imbatível, de craques. Desejo a todos, de coração, um Feliz Natal e um Ano Novo de redescobertas, ousadias, alegrias e, sobretudo, muita saúde. E que possamos continuar juntos ajudando a contar e a fazer a História no Jornalismo brasileiro.

EduRibeiro

- Tenho muito orgulho de fazer parte do Jornalistas & Cia, como correspondente do Ceará há mais de dez anos (Lauriberto Carneiro Braga).


Comentários


Comentários

Para comentários públicos, favor utilizar campo ao final da notícia, logo acima da publicidade.

Notícias mais acessadas do mês

SVM demite 23 em uma semana

Atualizada às 13h30 desta terça-feira (18 de janeiro de 2022). O Sistema Verdes Mares (SVM) demitiu, nesta segunda-feira (17 de janeiro de 2022), 22 profissionais: Ricardo Mota (foto). Márcio Dorneles. Paulo Sadat. Wânnyfer Monteiro.  Gleudson Rosa. Tereza Tavares. Marcos Lima. Melquíades Júnior. Vanessa Pinheiro. André Alencar. Paulo Ernesto. Fabiano Rodrigues. Dellano Rios. Nove do Setor de Engenharia da TV Verdes Mares Cariri.

Fortaleza contrata Wagner Leonardo e Fernando Miguel

Fernando Miguel - O goleiro, que mais passou jogos sem sofrer gols no Brasileirão 2021, Fernando Miguel, é a quarta nova contratação do Fortaleza Esporte Clube para a próxima temporada. O Leão do Pici acertou em definitivo com o ex-atleta do Atlético Goianiense até o final de 2022. Na atual temporada, o goleiro conquistou bons números pela equipe goianiense. Passou 16 partidas seguidas sem levar gol no Brasileiro 2021, tornando-se o goleiro menos vazado no quesito. Além de ser o sexto melhor do ranking em ter feito mais defesas, somando 118. E no de defesas difíceis, foi o quarto colocado com 29. Com a camisa do Dragão, o arqueiro de 1m91cm de altura fez 54 partidas, todas como titular. Disputou Copa Sulamericana, Brasileirão, Copa do Brasil e Campeonato Goiano. O goleiro experiente, de 36 anos, é marcado pelas três temporadas no Vasco da Gama-RJ, além de ter vestido a camisa do Vitória-BA, clube em que mais atuou na carreira. No time baiano, conquistou o bicampeonato estadual (2016 e

Futricas Cearenses

  O Futricas Cearenses confirma a informação que o repórter Almir Gadelha deixa o Sistema Verdes Mares (SVM), onde se destacou, no quadro Vida Real apresentado na TV Verdes Mares (TVVM). Almir Gadelha, que teve passagem antes pela TV União, vai se dedicar as palestras,  coach, hipnoterapeuta, trabalho com desenvolvimento humano e emocional. "Gravo vídeos que geram despertar nas pessoas!", informa buscando novos projetos em outros canais de Televisão. - Quando você agradece a graça desce sobre sua vida. Essa é a versão mais bonita que eu conheço sobre a palavra agradecer. Agradeça pelas simples coisas da vida! - Reclamar é pedir para que aquilo se repita ou ainda clamar com muita força que aquilo aconteça novamente. Além disso, o ato de reclamar é uma falta de consciência daquilo que você já tem na vida. Agradeça por tudo, por tudo", postou Almir em suas Redes Sociais. Almir Gadelha é: Palestrante. Jornalista. Escritor. Músico. Terapeuta Reiki. Hipnótico.

Morre professor Gustavo Venturi

 Informa o professor Antônio Carlos de Freitas, ex-deputado estadual e ex-secretário de Cultura do Ceará: - Soube há pouco do falecimento do camarada Gustavo Venturi professor da Universidade de São Paulo (USP), sociólogo, militante por uma nova sociedade. Gustavo era um gentleman, finesse a toda prova, sem ser arrogante, soberbo. Um ser humano fantástico, competente e camarada. Lutava contra um câncer, agora virou estrela. - Na verdade um companheiro extremamente competente e camarada. Essa é a lembrança do Gustavo que me chega a mente agora. Muitas reuniões, e lições inesquecíveis que levarei para o resto da vida. Suas pesquisas e análises precisas foram marcantes para o PT, para Fundação Perseu Abramo, para todas e todos que lutam. - Até o próximo encontro companheiro, que seja mais demorado, apreciando aquele bom vinho e degustando aquele papo maravilhoso que nos propiciou nessa sua bela passagem por aqui. Gustavo Venturi! Presente!

Morre atriz Françoise Forton

A atriz Françoise Forton (foto João Cotta-TV Globo) morreu na tarde deste domingo (16 de janeiro de 2022), aos 64 anos, no Rio de Janeiro. Ela estava internada há quatro meses na Clínica São Vicente, na Zona Sul carioca, onde lutava contra um Câncer.  Filha de pai francês e mãe brasileira, artista carioca estreou ainda adolescente na TV e, em mais de cinquenta anos de carreira, fez mais de 40 novelas.  Françoise Forton nasceu no Rio de Janeiro, em 8 de julho de 1957. Sua estreia foi ainda adolescente, em 1969, na novela "A Última Valsa", da Globo.  Um dos papéis mais marcantes foi a personagem Tetê, de "Estúpido Cupido", que retratava a sociedade brasileira da época. Fez outras novelas de sucesso como: "Bebê a Bordo" (1988). "Tieta" (1989). "Meu Bem, Meu Mal (1990). "Perigosas Peruas" (1992). "Explode Coração" (1995). "O Clone" (2001). "I Love Paraisópolis" (2015). Sua carreira no Cinema também teve ma

Postagens mais visitadas deste blog

SVM demite 23 em uma semana

Atualizada às 13h30 desta terça-feira (18 de janeiro de 2022). O Sistema Verdes Mares (SVM) demitiu, nesta segunda-feira (17 de janeiro de 2022), 22 profissionais: Ricardo Mota (foto). Márcio Dorneles. Paulo Sadat. Wânnyfer Monteiro.  Gleudson Rosa. Tereza Tavares. Marcos Lima. Melquíades Júnior. Vanessa Pinheiro. André Alencar. Paulo Ernesto. Fabiano Rodrigues. Dellano Rios. Nove do Setor de Engenharia da TV Verdes Mares Cariri.

Fortaleza contrata Wagner Leonardo e Fernando Miguel

Fernando Miguel - O goleiro, que mais passou jogos sem sofrer gols no Brasileirão 2021, Fernando Miguel, é a quarta nova contratação do Fortaleza Esporte Clube para a próxima temporada. O Leão do Pici acertou em definitivo com o ex-atleta do Atlético Goianiense até o final de 2022. Na atual temporada, o goleiro conquistou bons números pela equipe goianiense. Passou 16 partidas seguidas sem levar gol no Brasileiro 2021, tornando-se o goleiro menos vazado no quesito. Além de ser o sexto melhor do ranking em ter feito mais defesas, somando 118. E no de defesas difíceis, foi o quarto colocado com 29. Com a camisa do Dragão, o arqueiro de 1m91cm de altura fez 54 partidas, todas como titular. Disputou Copa Sulamericana, Brasileirão, Copa do Brasil e Campeonato Goiano. O goleiro experiente, de 36 anos, é marcado pelas três temporadas no Vasco da Gama-RJ, além de ter vestido a camisa do Vitória-BA, clube em que mais atuou na carreira. No time baiano, conquistou o bicampeonato estadual (2016 e

Futricas Cearenses

  O Futricas Cearenses confirma a informação que o repórter Almir Gadelha deixa o Sistema Verdes Mares (SVM), onde se destacou, no quadro Vida Real apresentado na TV Verdes Mares (TVVM). Almir Gadelha, que teve passagem antes pela TV União, vai se dedicar as palestras,  coach, hipnoterapeuta, trabalho com desenvolvimento humano e emocional. "Gravo vídeos que geram despertar nas pessoas!", informa buscando novos projetos em outros canais de Televisão. - Quando você agradece a graça desce sobre sua vida. Essa é a versão mais bonita que eu conheço sobre a palavra agradecer. Agradeça pelas simples coisas da vida! - Reclamar é pedir para que aquilo se repita ou ainda clamar com muita força que aquilo aconteça novamente. Além disso, o ato de reclamar é uma falta de consciência daquilo que você já tem na vida. Agradeça por tudo, por tudo", postou Almir em suas Redes Sociais. Almir Gadelha é: Palestrante. Jornalista. Escritor. Músico. Terapeuta Reiki. Hipnótico.

Morre professor Gustavo Venturi

 Informa o professor Antônio Carlos de Freitas, ex-deputado estadual e ex-secretário de Cultura do Ceará: - Soube há pouco do falecimento do camarada Gustavo Venturi professor da Universidade de São Paulo (USP), sociólogo, militante por uma nova sociedade. Gustavo era um gentleman, finesse a toda prova, sem ser arrogante, soberbo. Um ser humano fantástico, competente e camarada. Lutava contra um câncer, agora virou estrela. - Na verdade um companheiro extremamente competente e camarada. Essa é a lembrança do Gustavo que me chega a mente agora. Muitas reuniões, e lições inesquecíveis que levarei para o resto da vida. Suas pesquisas e análises precisas foram marcantes para o PT, para Fundação Perseu Abramo, para todas e todos que lutam. - Até o próximo encontro companheiro, que seja mais demorado, apreciando aquele bom vinho e degustando aquele papo maravilhoso que nos propiciou nessa sua bela passagem por aqui. Gustavo Venturi! Presente!

Morre atriz Françoise Forton

A atriz Françoise Forton (foto João Cotta-TV Globo) morreu na tarde deste domingo (16 de janeiro de 2022), aos 64 anos, no Rio de Janeiro. Ela estava internada há quatro meses na Clínica São Vicente, na Zona Sul carioca, onde lutava contra um Câncer.  Filha de pai francês e mãe brasileira, artista carioca estreou ainda adolescente na TV e, em mais de cinquenta anos de carreira, fez mais de 40 novelas.  Françoise Forton nasceu no Rio de Janeiro, em 8 de julho de 1957. Sua estreia foi ainda adolescente, em 1969, na novela "A Última Valsa", da Globo.  Um dos papéis mais marcantes foi a personagem Tetê, de "Estúpido Cupido", que retratava a sociedade brasileira da época. Fez outras novelas de sucesso como: "Bebê a Bordo" (1988). "Tieta" (1989). "Meu Bem, Meu Mal (1990). "Perigosas Peruas" (1992). "Explode Coração" (1995). "O Clone" (2001). "I Love Paraisópolis" (2015). Sua carreira no Cinema também teve ma