Pular para o conteúdo principal

Futricas Cearenses


Os vencedores do Prêmio Tribunal de Justiça do Ceará-TJCE de Jornalismo 2022 foram anunciados, nesta quinta-feira (19/1), em evento com a presença da presidente do TJCE, desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira, na Escola Superior da Magistratura do Ceará (Esmec). Ao todo, 35 produções concorreram, de 26 jornalistas, da Capital e do Interior, sendo 12 na categoria Mídia Radiofônica, 10 em Reportagem Escrita, sete em Mídia Social e seis de Mídia Televisiva.

-O Prêmio TJCE de Jornalismo é o reconhecimento que o Poder Judiciário do Ceará faz ao valioso e imprescindível trabalho realizado pela imprensa cearense. Trabalho que é fundamental para a promoção dos ideais democráticos da liberdade de expressão e de opinião, e, em especial, para a melhor compreensão da sociedade sobre a atuação da Justiça. É também uma oportunidade de aproximar ainda mais a Justiça das pessoas, afinal, através dos meios de comunicação, podemos prestar contas ao público e dar maior visibilidade a temas, campanhas, ações e projetos de interesse público, como o combate à violência doméstica e à exploração infantil”, ressaltou a presidente, responsável pela entrega dos prêmios e certificados aos ganhadores.

O vencedor de cada categoria recebeu a premiação no valor de R$ 7 mil. Participaram materiais veiculados de 1º de janeiro a 1º de dezembro do ano passado, com temáticas sobre a difusão do papel da Justiça estadual; iniciativas de promoção e defesa da cidadania; pacificação social e humanização ou projetos de inovação, incluindo os avanços tecnológicos.

A iniciativa tem a finalidade de reconhecer e valorizar os profissionais que atuam na comunicação do Estado. O prêmio também está alinhado ao objetivo do Plano Estratégico 2030 do Judiciário estadual, que visa intensificar a comunicação ativa e engajada do TJCE com a sociedade, além de fazer parte do Programa Avançar, pacote de projetos, lançados na atual gestão, voltados à humanização, infraestrutura e investimentos em tecnologia na Justiça cearense.

- Pela qualidade dos trabalhos apresentados, mesmo não sendo algo previsto no edital, resolvemos certificar os 2º e 3º lugares de cada categoria. No próximo Prêmio, nosso objetivo é incluir mais uma categoria e ampliar a premiação. Para a Justiça Cearense, é um orgulho poder valorizar a imprensa local e as boas iniciativas contadas pelas matérias vencedoras”, explicou o chefe da Assessoria de Comunicação do Judiciário, Ilo Santiago Júnior.

Também participaram da entrega dos prêmios e certificados, além de terem participado das Comissões Julgadoras, os juízes auxiliares da Presidência do Tribunal, Ricardo Alexandre Costa, Flávia Setúbal e Emílio de Medeiros Viana.

Antes da premiação, a magistrada Maria Nailde Pinheiro Nogueira também realizou coletiva de imprensa com representantes da mídia local fazendo um balanço da Gestão 2021-2023.

CONTADORES DE HISTÓRIAS-O trabalho vencedor na Categoria Mídia Social, intitulado “Contando a Justiça: crianças em situação de vulnerabilidade acolhidas pela voz do Judiciário”, do Jornal Jangadeiro, abordou o trabalho realizado pela juíza Larissa Affonso Mayer, na Comarca de São Benedito, com o projeto “Contando a Justiça”. A magistrada transforma temas jurídicos em histórias e poesias ao alcance da compreensão de crianças e adolescentes. A autora do trabalho vencedor, Roberta Coelho Tavares Montenegro, disse que “vencer o prêmio é ter o reconhecimento não só do nosso trabalho, como da história de dedicação à profissão e ao próximo da juíza Larissa Mayer. Ela é uma grande bandeira da importância da humanização do Judiciário na sociedade”.

Na Categoria Mídia Radiofônica, a reportagem especial vencedora foi o “Tempo de Justiça: O Estado do Ceará na luta contra a impunidade”, da Rádio FM Assembleia 96,7, que detalha como funciona o projeto de monitoramento de processos de crimes dolosos contra a vida. O Projeto “Tempo de Justiça” é uma iniciativa do TJCE, que colabora para garantir maior celeridade ao julgamento de processos. Autor do trabalho, o jornalista Rafael Veras Castelo Branco, ressaltou a importância da iniciativa do Prêmio para valorizar a classe.

“Não há retorno melhor ao nosso trabalho do que o reconhecimento. E eu acredito que é esse o propósito do Prêmio de Jornalismo do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará: reconhecer o esforço de todos nós jornalistas para levar, diariamente, informação de qualidade e a verdade dos fatos para a população. Sendo assim, sinto-me muito honrado em representar meus companheiros de luta, minha categoria, com essa vitória”.

Vencedor na Categoria Mídia Televisiva, a reportagem “Projeto Paz no Lar: vítimas de violência doméstica recebem acompanhamento da justiça em Maracanaú”, da TV Verdes Mares, fala sobre a iniciativa que vem transformando a vida de milhares de mulheres que sofreram violência e, graças ao programa, conseguiram recomeçar suas vidas na cidade da Região Metropolitana de Fortaleza. O projeto é acompanhado pelo juiz César Morel Alcântara, titular da 3ª Vara Criminal de Maracanaú.

- A gente tratou a questão da violência doméstica, que é um tema que precisa ser discutido. Essa temática estar na televisão é algo muito importante, pois a informação é fundamental para que a gente consiga conscientizar as famílias. A gente ainda vive dentro de uma cultura muito misógina. Esse trabalho que o Judiciário faz de sair do conforto dos Fóruns e ir até a casa das mulheres é algo extremamente rico”, ressaltou a jornalista Eulália Camurça, uma das produtoras da reportagem vencedora.

Já na Categoria Reportagem Escrita, o texto vencedor, intitulado “Eu, presente: minha cidadania em papel”, do portal GC Mais – Grupo Cidade de Comunicação, abordou o Projeto “Caminho da Visibilidade”. Idealizado pela juíza Sônia Abreu, titular da 1ª Vara de Registros Públicos de Fortaleza, a iniciativa realiza emissão da 1ª ou 2ª via da certidão de nascimento para pessoas em situação de rua e/ou em vulnerabilidade social.

O autor, Antonio Glauber Elias de Sousa, celebrou a oportunidade de escrever sobre o assunto. 

- Para mim foi muito importante destacar o trabalho desenvolvido pelo TJCE nas questões sociais. Por conta da correria do dia a dia, a gente não consegue aprofundar tanto em temas como esses. Ver que a temática central do Prêmio era social me agradou e me gerou a expectativa de ter o trabalho reconhecido”, disse.

VENCEDORES


Mídia Social
1º Lugar-Trabalho: Contando a Justiça: crianças em situação de vulnerabilidade acolhidas pela voz do Judiciário-Autora Roberta Coelho Tavares Montenegro-Jornal Jangadeiro.
2º lugar-Trabalho: Justiça: verdade e ação-Autora Alethéa Morel-TV Ceará
3º lugar-Trabalho: Conheça o projeto “Caminhos da Visibilidade”, do Tribunal de Justiça-Autor Antonio Glauber Elias de Sousa-GC Mais.

Mídia Radiofônica

1º lugar-Trabalho: Tempo de Justiça: O Estado do Ceará na luta contra a impunidade
Autor Rafael Veras Castelo Branco-Rádio FM Assembleia 96,7.
2º lugar-Trabalho: Do Código Civil de Clóvis Beviláqua à digitalização de processos: como a Justiça do Ceará está cada dia mais ágil e perto do cidadão
Autora Carla Soraya da Silva Florêncio-Rádio Jovem Pan News Fortaleza.
3º lugar-Trabalho: Melhorar, agilizar e beneficiar: resultados da modernização do Poder Judiciário Cearense-Autor Kayo Passos de Lima-Jangadeiro Band News FM.

Mídia Televisiva
1º lugar-Trabalho: Projeto Paz no Lar: vítimas de violência doméstica recebem acompanhamento da Justiça em Maracanaú- Autor Alessandro Manso Torres-TV Verdes Mares.
2º lugar-Trabalho: Caminho da Visibilidade: judiciário vai às ruas dar registro de nascimento para quem precisa-Autoras Eulália Emília Pinho Camurça e Aline Oliveira-TV Verdes Mares.
3º lugar-Trabalho: Justiça para Todos-Autor Fábio Barretto-TV Jangadeiro.

Reportagem Escrita
1º lugar-Trabalho: Eu, presente: minha cidadania em papel. Autor Antonio Glauber Elias de Sousa-GC Mais.
2º lugar-Trabalho: Justiça para elas-Autora Emanoela Campelo de Melo-Diário do Nordeste.
3º lugar-Trabalho: Série de reportagem ‘Vidas violadas’-Autor Ideídes Guedes-Diário do Nordeste.

Comentários


Comentários

Para comentários públicos, favor utilizar campo ao final da notícia, logo acima da publicidade.

Notícias mais acessadas do mês

Polícia Federal prende suspeitos de golpes via aplicativos de mensagens

A Polícia Federal deflagrou hoje, 17/07, a Operação Swindle (fraude, em inglês), com objetivo de desarticular grupo que realizava clonagens de números telefônicos para aplicar golpes via aplicativo de trocas de mensagens. Policiais Federais cumprem 5 mandados de busca e apreensão e 2 mandados de prisão preventiva nos Estados do Maranhão e Mato Grosso do Sul expedidos pela Justiça Federal em Brasília. O grupo abria contas bancárias falsas e utilizava contas "emprestadas” por partícipes para receber valores provenientes das fraudes aplicadas em razão do desvio dos terminais telefônicos, em que os agentes criminosos se “apossavam” das contas de WhatsApp de autoridades públicas e, fazendo-se passar por estas, solicitavam transferências bancárias das pessoas constantes de suas listas de contato. Os investigados responderão, na medida de suas participações, pelos crimes de de invasão de dispositivo informático, estelionato e associação criminosa, previstos nos arts. 154-A, §3º e §5º, e

Começa Samba Brasil 2022

Começa o XV Samba Brasil- Maior Festival de Samba e Pagode do País. O Samba Brasil é um dos eventos mais aguardados do ano por fortalezenses e turistas. O Festival, que nasceu em Fortaleza e já faz parte do Calendário Anual de Eventos do Ceará, acontece neste sábado (13) e domingo (14 de agosto de 2022) e promete atrair milhares de apaixonados pelo gênero musical, vindos dos quatro cantos do País. Passam pelo palco do evento, montado no Marina Park Hotel: Grupo Menos é Mais. Thiaguinho. Sorriso Maroto. Pixote. Ferrugem. Belo. Escandurras. Banda São 2. Projeto Movimento do Samba, que abriu o Festival com apresentação de bandas locais. No domingo (14), o público vai curtir duas horas de Cerveja liberadas no Sunset Samba Brasil ao som das bandas: Atitude 67. Molejo. São 2, a partir das 15 horas, no Marina Park Hotel. SOBRE O SAMBA BRASIL - Foi por amor a este estilo genuinamente brasileiro que quatro empresários cearenses idealizaram um projeto ousado: levar um grande festival de samba e

Acidente fatal

"Um acidente envolvendo quatro veículos, entre eles um ônibus que fazia o trajeto São Paulo/Ceará, deixou cinco pessoas mortas na BR-135, em Montes Claros, no norte de Minas Gerais, na noite de ontem. De acordo com agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no município, o ônibus teria perdido o freio na descida e atingido um caminhão bitrem, uma carreta e uma moto, em um trevo da rodovia. Entre as vítimas fatais estão um bebê de nove meses, um passageiro e o motorista reserva, que estavam no ônibus, e o condutor da carreta. Uma pessoa chegou a ser socorrida, mas morreu na Santa Casa de Misericórdia de Montes Claros. A mãe do bebê está entre as vítimas feridas. No ônibus haviam 50 passageiros, e os feridos foram atendidos em hospitais da região. Segundo a PRF, o ônibus tinha autorização de viagem e lista de passageiros. ( Redação O POVO Online com informações do G1).

Ator José Dumont é preso

Informa o jornalista Cláudio Teran : POLÍCIA PRENDE ATOR JOSÉ DUMONT -Cadeia aos 72 anos. Preso em flagrante, nesta quinta-feira (15), ele é acusado de estupro de vulnerável e do grave crime de Pedofilia. Segundo informações da TV UOL, o artista é investigado por manter um relacionamento com um fã de 12 anos. 12 anos de idade! E de guardar vídeos pornôs com crianças em seu celular, fato que a polícia constatou. O FIM DE UMA CARREIRA - Paraibano de Bananeiras, Zé Dumont ganhou fama pelo talento para fazer tipos populares. Atuou em novelas importantes da Televisão, como, "Nos Tempos do Imperador". E foi do elenco da primeira versão de "Pantanal". No filme, "O Homem que Virou Suco", vive um nordestino cuja vida pobre e anônima na construção civil do Sul o torna alguém invisível, como se nem sequer existisse. GLOBO DEMITIU NA HORA -Tão logo o fato veio à público a TV Globo demitiu José Dumont do elenco da novela Todas as Flores, que passa na Globo Play. O FIM

Após 13 anos, polícia prende envolvido em assalto ao BC de Fortaleza

A Polícia Militar do Distrito Federal prendeu hoje (14) Adelilno Angelim de Sousa Neto, de 36 anos, que participou de um dos maiores assaltos do Brasil: o furto ao Banco Central em Fortaleza, em 2005. Na ocasião, a quadrilha levou aproximadamente R$ 164 milhões do caixa-forte – o equivalente a três toneladas e meia de notas de dinheiro. Após 13 anos, o homem que fugiu do Ceará foi preso a 17 quilômetros do Plano Piloto – área central de Brasília. Adelino foi preso em casa, no Paranoá, bairro a 17 quilômetros do centro de Brasília, onde vivia há 5 anos. O homem, que vinha sendo monitorado pela Secretaria de Segurança Pública do DF, foi levado para o Complexo Penitenciário da Papuda e aguardará audiência de custódia. Não é a primeira vez que o suspeito é preso. Ele chegou a ser detido em Fortaleza, foi solto e depois houve um novo pedido de prisão. O furto ao Banco Central de Fortaleza, ficou conhecido no país como um crime cinematográfico. Segundo as investigações, 11 pessoas p

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia Federal prende suspeitos de golpes via aplicativos de mensagens

A Polícia Federal deflagrou hoje, 17/07, a Operação Swindle (fraude, em inglês), com objetivo de desarticular grupo que realizava clonagens de números telefônicos para aplicar golpes via aplicativo de trocas de mensagens. Policiais Federais cumprem 5 mandados de busca e apreensão e 2 mandados de prisão preventiva nos Estados do Maranhão e Mato Grosso do Sul expedidos pela Justiça Federal em Brasília. O grupo abria contas bancárias falsas e utilizava contas "emprestadas” por partícipes para receber valores provenientes das fraudes aplicadas em razão do desvio dos terminais telefônicos, em que os agentes criminosos se “apossavam” das contas de WhatsApp de autoridades públicas e, fazendo-se passar por estas, solicitavam transferências bancárias das pessoas constantes de suas listas de contato. Os investigados responderão, na medida de suas participações, pelos crimes de de invasão de dispositivo informático, estelionato e associação criminosa, previstos nos arts. 154-A, §3º e §5º, e

Começa Samba Brasil 2022

Começa o XV Samba Brasil- Maior Festival de Samba e Pagode do País. O Samba Brasil é um dos eventos mais aguardados do ano por fortalezenses e turistas. O Festival, que nasceu em Fortaleza e já faz parte do Calendário Anual de Eventos do Ceará, acontece neste sábado (13) e domingo (14 de agosto de 2022) e promete atrair milhares de apaixonados pelo gênero musical, vindos dos quatro cantos do País. Passam pelo palco do evento, montado no Marina Park Hotel: Grupo Menos é Mais. Thiaguinho. Sorriso Maroto. Pixote. Ferrugem. Belo. Escandurras. Banda São 2. Projeto Movimento do Samba, que abriu o Festival com apresentação de bandas locais. No domingo (14), o público vai curtir duas horas de Cerveja liberadas no Sunset Samba Brasil ao som das bandas: Atitude 67. Molejo. São 2, a partir das 15 horas, no Marina Park Hotel. SOBRE O SAMBA BRASIL - Foi por amor a este estilo genuinamente brasileiro que quatro empresários cearenses idealizaram um projeto ousado: levar um grande festival de samba e

Acidente fatal

"Um acidente envolvendo quatro veículos, entre eles um ônibus que fazia o trajeto São Paulo/Ceará, deixou cinco pessoas mortas na BR-135, em Montes Claros, no norte de Minas Gerais, na noite de ontem. De acordo com agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no município, o ônibus teria perdido o freio na descida e atingido um caminhão bitrem, uma carreta e uma moto, em um trevo da rodovia. Entre as vítimas fatais estão um bebê de nove meses, um passageiro e o motorista reserva, que estavam no ônibus, e o condutor da carreta. Uma pessoa chegou a ser socorrida, mas morreu na Santa Casa de Misericórdia de Montes Claros. A mãe do bebê está entre as vítimas feridas. No ônibus haviam 50 passageiros, e os feridos foram atendidos em hospitais da região. Segundo a PRF, o ônibus tinha autorização de viagem e lista de passageiros. ( Redação O POVO Online com informações do G1).

Ator José Dumont é preso

Informa o jornalista Cláudio Teran : POLÍCIA PRENDE ATOR JOSÉ DUMONT -Cadeia aos 72 anos. Preso em flagrante, nesta quinta-feira (15), ele é acusado de estupro de vulnerável e do grave crime de Pedofilia. Segundo informações da TV UOL, o artista é investigado por manter um relacionamento com um fã de 12 anos. 12 anos de idade! E de guardar vídeos pornôs com crianças em seu celular, fato que a polícia constatou. O FIM DE UMA CARREIRA - Paraibano de Bananeiras, Zé Dumont ganhou fama pelo talento para fazer tipos populares. Atuou em novelas importantes da Televisão, como, "Nos Tempos do Imperador". E foi do elenco da primeira versão de "Pantanal". No filme, "O Homem que Virou Suco", vive um nordestino cuja vida pobre e anônima na construção civil do Sul o torna alguém invisível, como se nem sequer existisse. GLOBO DEMITIU NA HORA -Tão logo o fato veio à público a TV Globo demitiu José Dumont do elenco da novela Todas as Flores, que passa na Globo Play. O FIM

Após 13 anos, polícia prende envolvido em assalto ao BC de Fortaleza

A Polícia Militar do Distrito Federal prendeu hoje (14) Adelilno Angelim de Sousa Neto, de 36 anos, que participou de um dos maiores assaltos do Brasil: o furto ao Banco Central em Fortaleza, em 2005. Na ocasião, a quadrilha levou aproximadamente R$ 164 milhões do caixa-forte – o equivalente a três toneladas e meia de notas de dinheiro. Após 13 anos, o homem que fugiu do Ceará foi preso a 17 quilômetros do Plano Piloto – área central de Brasília. Adelino foi preso em casa, no Paranoá, bairro a 17 quilômetros do centro de Brasília, onde vivia há 5 anos. O homem, que vinha sendo monitorado pela Secretaria de Segurança Pública do DF, foi levado para o Complexo Penitenciário da Papuda e aguardará audiência de custódia. Não é a primeira vez que o suspeito é preso. Ele chegou a ser detido em Fortaleza, foi solto e depois houve um novo pedido de prisão. O furto ao Banco Central de Fortaleza, ficou conhecido no país como um crime cinematográfico. Segundo as investigações, 11 pessoas p