Pular para o conteúdo principal

Dia do Índio 2021

Nesta segunda-feira (19 de abri de 2021) é Dia do Índio. O Blog do Lauriberto traz as lembranças sobre o Dia do Índio 2021:

Senador Cid Gomes (PDT-CE) - Neste Dia do Índio, impõe denunciar o descaso e as ameaças contra os indígenas pelo atual Governo. Ocupação irregular de terras sem fiscalização, redução dos recursos para a saúde, truculência, violência e fome. Essa é a cruel realidade imposta por Bolsonaro aos índios".

Presidente da Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor), vereador Antônio Henrique (PDT) -  A História do Brasil só existe se falarmos dos povos indígenas. O “Dia do Índio” foi criado em 1940, quando foi realizado o primeiro Congresso Indigenista Interamericano. Hoje é um dia, sobretudo, de reflexão sobre a importância da preservação dos povos indígenas, da manutenção de suas terras e do respeito às manifestações culturais. Um forte abraço a toda a população indígena. Feliz Dia do Índio.

Presidenciável Ciro Gomes (PDT-CE) Os povos indígenas resistem por direitos, proteção da natureza, invasão de suas terras e agora lutam para sobreviver em meio aos crimes do governo federal na pandemia. Todo apoio e respeito aos nossos irmãos! Lembrança com os Xavantes, no Mato Grosso. #DiaDaResistênciaIndígena


Tribunal Superior Eleitoral (TSE) - Ao escolher as palavras, escolha antes o respeito! Neste #DiaDoÍndio, dedicado aos povos indígenas, aproveitamos para repassar dicas recomendadas pela @funaioficial sobre expressões e termos + adequados para se referir a essas pessoas de cultura e valores milenares. Confira:


Funai - Ao homenagear os mais de 300 povos indígenas brasileiros neste Dia 19 de Abril, a Fundação Nacional do Índio (Funai) reafirma o seu compromisso com a proteção e promoção dos direitos das populações indígenas e com a autonomia das diferentes comunidades, sempre respeitando os usos, costumes e tradições de cada etnia. Nos últimos dois anos, a Funai já investiu cerca de R$ 30 milhões em projetos de etnodesenvolvimento voltados à geração de renda e ao fortalecimento cultural nas aldeias.

- A atual gestão da Funai entende que, por meio da geração de renda e do etnodesenvolvimento nas Terras Indígenas, é possível levar dignidade a comunidades de Norte a Sul do País, e nós temos muitos bons exemplos sendo desenvolvidos. É fundamental ouvir o indígena, deixá-lo caminhar como ele deseja, lembrando que as atividades devem ser submetidas a padrões ambientais e dependem da autonomia da vontade de cada comunidade”, destaca o presidente da Funai, Marcelo Xavier

Diversas iniciativas que contam com o apoio da Funai têm apresentado resultados expressivos na transformação da realidade das comunidades indígenas, como a produção de grãos do Povo Paresi no Mato Grosso, a colheita de castanha dos Cinta Larga em Rondônia, a produção de camarão do Povo Potiguara na Paraíba e a produção artesanal dos indígenas Guarani no Sul do País.

- O nosso apoio às atividades produtivas sustentáveis em Terras Indígenas busca incentivar não só o desenvolvimento autônomo de cada comunidade, mas também promover a segurança alimentar e o isolamento social nas aldeias durante a pandemia, fornecendo condições, ainda, para que essas comunidades possam continuar a se desenvolver no período pós-pandemia. Não há dúvidas de que a produção nesses territórios tem sido nossa grande aliada no enfrentamento à covid-19”, salienta o presidente da Funai.

Somente em ações de etnodesenvolvimento, a Funai já investiu cerca de R$ 18 milhões nas aldeias de todo país desde o início da pandemia do novo coronavírus. Os recursos foram destinados a atividades de piscicultura, roças de subsistência, colheita de lavouras, casas de farinha, extrativismo sustentável, produção agrícola, confecção de máscaras de tecido, artesanato, entre outras.

- Creio que, dando continuidade às ações implementadas até o presente momento, caminharemos para uma nova realidade, na qual os indígenas sejam, de fato, protagonistas da própria história”, ressalta Xavier.

Incentivo - Recentemente a Funai iniciou a aquisição de 40 grades aradoras, 40 carretas para trator e 45 plantadeiras. Os equipamentos vão permitir às comunidades indígenas manter e ampliar a produção agrícola mesmo após a pandemia de covid-19. 

- Estamos investindo para que os indígenas fortaleçam sua produção sustentável e adquiriram independência financeira, fazendo com que alcancem sua dignidade. Ao investir em etnodesenvolvimento, a etnia fortalece sua cultura, pois a autonomia econômica é uma das bases para preservar suas tradições”, pontua Marcelo Xavier.

Mesmo que o cultivo de alimentos seja uma das principais atividades nas Terras Indígenas, grande parte das aldeias não pôde comercializar seus produtos nas cidades. Em razão do isolamento social, houve a necessidade de suplementar a alimentação dessas comunidades por meio de cestas básicas. 

- Para realizar a distribuição de cerca de 600 mil cestas a comunidades indígenas de todo o país, o que representa aproximadamente 13 mil toneladas de alimentos entregues, a Funai mobilizou servidores de suas 39 Coordenações Regionais, 240 Coordenações Técnicas Locais e 11 Frentes de Proteção Etnoambiental. Este trabalho continua”, afirma Xavier.

Principais ações da Funai no combate ao coronavírus:

  • R$ 46 milhões investidos em ações preventivas.
  • Cerca de 600 mil cestas básicas entregues a indígenas (recursos próprios, doações e itens adquiridos com recursos do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos e Ministério da Cidadania).
  • 170 mil kits de higiene e limpeza distribuídos a indígenas de todo o País.
  • R$ 18 milhões investidos em etnodesenvolvimento.
  • Criação da Central de Atendimento da Funai à Covid-19.
  • Suspensão das autorizações para ingresso em Terras Indígenas.
  • R$ 12 milhões destinados a ações de proteção territorial.
  • Suporte a 300 barreiras sanitárias.
  • 306 ações de fiscalização em 221 Terras Indígenas.
  • 200 mil itens de EPIs enviados às unidades descentralizadas.

Com informações e foto da Assessoria de Comunicação da Funai.


Comentários

Entre em contato conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Notícias mais acessadas do mês

Morre radialista Will Nogueira

Morreu vítima de covid-19, na manhã desta segunda-feira (5), o radialista cearense Will Nogueira ( Francisco de Assis Nogueira Bastos), aos 60 anos . Will Nogueira estava internado, no Hospital São Carlos-Fortaleza, intubado há dez dias e nesta segunda-feira não resistiu as complicações da covid-19. O velório e sepultamento são restritos a familiares, na tarde desta segunda-feira no Cemitério Jardim Metropolitano (4º Anel Viário no Coaçu-Eusébio) Formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Ceará (UFC), Will Nogueira (foto) iniciou no Rádio na década de 1980 pela Rádio Iracema AM 1.300, no Programação Geração 80.  Trabalhou durante 36 anos no Sistema Verdes Mares SVM), dirigindo a Rádio FM 93. Também fez carreira na TV, atuando como apresentador dos programas Terral, na TV Ceará (ex-TV Educativa), e Sábado Alegre, na TV Diário.  Ultimamente depois da aposentadoria da FM 93, em 2015, era consultor em programação de Rádio e TV.   Por muitas vezes troquei ideias sobre Rádio

Ednardo está internado com uma infecção bacteriana

Soube, na manhã desta segunda-feira (31), que o cantor Ednardo (foto) está internado, numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional da Unimed Fortaleza. Ednardo tenta se curar de uma infecção bacteriana. O cantor de 75 anos está internado há uma semana. Filha de Ednardo, atriz e cantora J úlia Limaverde - " Nosso amado pai e querido artista Ednardo está agora no hospital se recuperando de complicações com uma infecção. Ele não está com Covid nem corre risco de vida. De todas as formas agradecemos de coração o envio de todas as energias positivas para sua pronta recuperação". Deputado estadual Renato Roseno (Psol) - " Recebemos a informação pelas redes sociais de que o poeta Ednardo está internado na UTI de um hospital em Fortaleza. Estamos na torcida por sua pronta recuperação. Ednardo é um Patrimônio Vivo da nossa Música". Vereador Evaldo Lima (PCdoB) - " Ednardo resiste como as suas mais lindas canções sobre as coisas do Ceará.

Familiares de Iraguassu Teixeira pedem doação para instituições de caridade no lugar de coroas de flores

Morreu no início da noite desta segunda-feira (22) aos 80 anos, o ex-vereador José Iraguassu Teixeira. Este estava internado há 15 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional Unimed Fortaleza com complicações da Covid-19. A família do Doutor Iraguassu informa que o velório acontece no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino) com missa de corpo presente às dez da manhã e cremação às 11 da manhã desta terça-feira (23). O velório, missa e cremação são restritos aos familiares. A família solicita que ao invés de enviar coroas de flores façam um doação do valor a uma instituição de caridade de Fortaleza. Iraguassu Teixeira Filho - Hoje encerra-se a jornada do meu pai na terra. Façam uma oração por ele. Com profundo pesar informamos a partida do médico e ex-vereador de Fortaleza Doutor Iraguassú Teixeira, aos 80 anos, na noite desta segunda-feira (22), vítima de complicações causadas pela Covid-19. Iraguassu Teixeira estava internado na UTI do Hospital Regional

Morre forrozeiro Dedim Gouveia

Informa site Curuzinho de Mel: - O forrozeiro Dedim Gouveia (foto), de 61 anos, morreu por complicações da covid-19, nesta segunda-feira (19). Ele estava internado no Hospital de Messejana, em Fortaleza há oito dias.  - Última atualização da equipe do cantor Dedim Gouveia, na sexta-feira (16), apontou chances de recuperação. Ele chegou a utilizar oxigênio no tratamento e também a ser transferido para um leito semi-intensivo. - Amigos forrozeiros do artista, como Taty Girl e Nonato Lima comentaram a morte e prestaram homenagem nas Redes Sociais". José da Silva (Dedim Gouveia) nasceu, em Serra da Faísca, em Redenção, no Ceará, em primeiro de março de 1960. Era conhecido como Rei do Xote. Em mais de 40 anos de carreira gravou três LPs, 13 CDs e cinco DVs. Deixa órfãos quatro filhos. Sepultamento - Informa Amon Marques sobre o sepultamento do corpo de Dedim Gouveia: -  Hoje, por volta da meia noite, recebi uma ligação do secretário de Cultura de Fortaleza, Elpídio Nogueira, atendendo

Morre jornalista e radialista Fernando Ribeiro

Morreu neste sábado (10 de abril), aos 56 anos de idade, vítima de complicações da covid-19, o jornalista e radialista Fernando Ribeiro. Fernando Ribeiro lutava contra a covid há 40 dias num leito do Hospital São José (HSJ), em Fortaleza. Fernando Ribeiro foi meu colega de turma no Curso de Comunicação Social-Jornalismo da Universidade Federal do Ceará (UFC). Entramos juntos em 1983.1 e saímos juntos em 1988.2. Tenho boas lembranças dele desde os bancos da faculdade. Ele começou no O Povo como estagiário da Editoria de Polícia e por onde permeou toda a carreira depois no Diário do Nordeste, TV Verdes Mares e no último no Blog FR (Fernando Ribeiro), Rádio Plus e no CN7. Fernando Ribeiro foi para o Povo a convite do veterano repórter policial Pena Branca que estava montando nova equipe policial em O Povo. No O Povo e no Diário do Nordeste chegou a editor de Polícia. Fez dupla com Landry Pedrosa (já falecido) em O Povo. Fernando Ribeiro nasceu em primeiro de maio de 1964 e nos deixou nest

Postagens mais visitadas deste blog

Morre radialista Will Nogueira

Morreu vítima de covid-19, na manhã desta segunda-feira (5), o radialista cearense Will Nogueira ( Francisco de Assis Nogueira Bastos), aos 60 anos . Will Nogueira estava internado, no Hospital São Carlos-Fortaleza, intubado há dez dias e nesta segunda-feira não resistiu as complicações da covid-19. O velório e sepultamento são restritos a familiares, na tarde desta segunda-feira no Cemitério Jardim Metropolitano (4º Anel Viário no Coaçu-Eusébio) Formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Ceará (UFC), Will Nogueira (foto) iniciou no Rádio na década de 1980 pela Rádio Iracema AM 1.300, no Programação Geração 80.  Trabalhou durante 36 anos no Sistema Verdes Mares SVM), dirigindo a Rádio FM 93. Também fez carreira na TV, atuando como apresentador dos programas Terral, na TV Ceará (ex-TV Educativa), e Sábado Alegre, na TV Diário.  Ultimamente depois da aposentadoria da FM 93, em 2015, era consultor em programação de Rádio e TV.   Por muitas vezes troquei ideias sobre Rádio

Ednardo está internado com uma infecção bacteriana

Soube, na manhã desta segunda-feira (31), que o cantor Ednardo (foto) está internado, numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional da Unimed Fortaleza. Ednardo tenta se curar de uma infecção bacteriana. O cantor de 75 anos está internado há uma semana. Filha de Ednardo, atriz e cantora J úlia Limaverde - " Nosso amado pai e querido artista Ednardo está agora no hospital se recuperando de complicações com uma infecção. Ele não está com Covid nem corre risco de vida. De todas as formas agradecemos de coração o envio de todas as energias positivas para sua pronta recuperação". Deputado estadual Renato Roseno (Psol) - " Recebemos a informação pelas redes sociais de que o poeta Ednardo está internado na UTI de um hospital em Fortaleza. Estamos na torcida por sua pronta recuperação. Ednardo é um Patrimônio Vivo da nossa Música". Vereador Evaldo Lima (PCdoB) - " Ednardo resiste como as suas mais lindas canções sobre as coisas do Ceará.

Familiares de Iraguassu Teixeira pedem doação para instituições de caridade no lugar de coroas de flores

Morreu no início da noite desta segunda-feira (22) aos 80 anos, o ex-vereador José Iraguassu Teixeira. Este estava internado há 15 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional Unimed Fortaleza com complicações da Covid-19. A família do Doutor Iraguassu informa que o velório acontece no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino) com missa de corpo presente às dez da manhã e cremação às 11 da manhã desta terça-feira (23). O velório, missa e cremação são restritos aos familiares. A família solicita que ao invés de enviar coroas de flores façam um doação do valor a uma instituição de caridade de Fortaleza. Iraguassu Teixeira Filho - Hoje encerra-se a jornada do meu pai na terra. Façam uma oração por ele. Com profundo pesar informamos a partida do médico e ex-vereador de Fortaleza Doutor Iraguassú Teixeira, aos 80 anos, na noite desta segunda-feira (22), vítima de complicações causadas pela Covid-19. Iraguassu Teixeira estava internado na UTI do Hospital Regional

Morre forrozeiro Dedim Gouveia

Informa site Curuzinho de Mel: - O forrozeiro Dedim Gouveia (foto), de 61 anos, morreu por complicações da covid-19, nesta segunda-feira (19). Ele estava internado no Hospital de Messejana, em Fortaleza há oito dias.  - Última atualização da equipe do cantor Dedim Gouveia, na sexta-feira (16), apontou chances de recuperação. Ele chegou a utilizar oxigênio no tratamento e também a ser transferido para um leito semi-intensivo. - Amigos forrozeiros do artista, como Taty Girl e Nonato Lima comentaram a morte e prestaram homenagem nas Redes Sociais". José da Silva (Dedim Gouveia) nasceu, em Serra da Faísca, em Redenção, no Ceará, em primeiro de março de 1960. Era conhecido como Rei do Xote. Em mais de 40 anos de carreira gravou três LPs, 13 CDs e cinco DVs. Deixa órfãos quatro filhos. Sepultamento - Informa Amon Marques sobre o sepultamento do corpo de Dedim Gouveia: -  Hoje, por volta da meia noite, recebi uma ligação do secretário de Cultura de Fortaleza, Elpídio Nogueira, atendendo

Morre jornalista e radialista Fernando Ribeiro

Morreu neste sábado (10 de abril), aos 56 anos de idade, vítima de complicações da covid-19, o jornalista e radialista Fernando Ribeiro. Fernando Ribeiro lutava contra a covid há 40 dias num leito do Hospital São José (HSJ), em Fortaleza. Fernando Ribeiro foi meu colega de turma no Curso de Comunicação Social-Jornalismo da Universidade Federal do Ceará (UFC). Entramos juntos em 1983.1 e saímos juntos em 1988.2. Tenho boas lembranças dele desde os bancos da faculdade. Ele começou no O Povo como estagiário da Editoria de Polícia e por onde permeou toda a carreira depois no Diário do Nordeste, TV Verdes Mares e no último no Blog FR (Fernando Ribeiro), Rádio Plus e no CN7. Fernando Ribeiro foi para o Povo a convite do veterano repórter policial Pena Branca que estava montando nova equipe policial em O Povo. No O Povo e no Diário do Nordeste chegou a editor de Polícia. Fez dupla com Landry Pedrosa (já falecido) em O Povo. Fernando Ribeiro nasceu em primeiro de maio de 1964 e nos deixou nest