Pular para o conteúdo principal

Aparelho para anestesia sem dor é patenteado por professores da UFC

O medo de ir ao dentista é algo sempre presente não só no universo das crianças mas também no de muitos adultos.

Pensar na dor da agulha penetrando a gengiva já é o suficiente para que muitas pessoas desistam de seu tratamento dentário. Mas e se a anestesia aplicada nos procedimentos odontológicos não causasse dor?

Uma nova invenção, que acaba de se tornar a primeira carta patente de titularidade exclusiva da Universidade Federal do Ceará (UFC), pode trazer muita gente de volta à cadeira do dentista.

No vídeo os professores Jeová Siebra e Juliana Gondim explicam como funciona o equipamento:

O Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) concedeu a carta patente que outorga à UFC a propriedade, em todo o território nacional, da invenção de um novo equipamento robótico de aplicação de anestesia bucal. A patente, que tem validade de 10 anos, é a terceira alcançada pela Universidade e a primeira que traz a Instituição como única titular.

O invento é de autoria do professor do Curso de Odontologia José Jeová Siebra Moreira Neto, em parceria com a também professora do curso Juliana Oliveira Gondim e com os pesquisadores Augusto Darwin Moreira de Araújo Lima e Alexssandra Camarço Prado Lima, que, na época do depósito do pedido da patente, cursavam, respectivamente, doutorado e mestrado no Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UFC.

O equipamento surge com a proposta de substituir as temidas seringas nos procedimentos odontológicos, trazendo uma aparência bem mais amigável, uma vez que o paciente nem sequer visualiza a agulha, que fica embutida no aparelho. “Existem equipamentos similares, mas o nosso deu alguns passos à frente. É uma anestesia que realmente não causa dor. Os outros só contemplam a velocidade do fluxo de injeção do anestésico. O nosso, além disso, controla, através do computador, a velocidade de penetração da agulha e cria uma vibração que faz com que o paciente não sinta dor”, explica o professor Jeová Siebra.
PARCERIAS PARA O INVENTO O pedido da patente foi feito ainda em 2013, mas o início das pesquisas se deu em 2010, quando a equipe de pesquisadores ganhou edital de subvenção da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap). Após este, vieram outros dois editais, todos os três propostos pela Clínica Odontológica Moreira e Araújo, de propriedade do dentista Augusto Darwin, que é irmão do professor Jeová Siebra.

“Ele [Augusto Darwin] teve a ideia dos equipamentos e, na UFC, foram feitos os testes clínicos. Em 2013, ele era aluno de doutorado da UFC, e a esposa dele, Alexssandra, de mestrado. Minha esposa, Juliana, também é professora da UFC. Então, decidimos depositar o pedido de patente com a UFC como titular”, explica o professor.

“Sem essa integração, com o Governo do Estado fazendo a subvenção, a empresa apresentando o projeto e a Universidade validando-o, dificilmente teríamos um produto como o que desenvolvemos”, destaca Jeová Siebra. “Temos que valorizar cada vez mais a importância de ter essa tríade. A iniciativa privada para buscar a resposta para o mercado; a universidade com seu know-how; e o governo com o suporte de risco tecnológico alto, porque, quando falamos em inovação, não temos certeza de que o invento vai dar certo”, reforça.

POTENCIAL DE MERCADO - O professor afirma acreditar no potencial mercadológico do produto, para o qual vê possibilidades de penetração não só no mercado local como no nacional e internacional. “Existe um caminho grande entre desenvolver algo inovador e colocar no mercado. Normalmente, no Brasil, a gente fica muito a reboque dos produtos que vêm do exterior; não temos uma cultura inovadora estabelecida. Em relação a esse equipamento, portanto, estamos agora na fase de buscar parcerias para levá-lo para o mercado”.

Jeová vê, com a concessão da patente, um ciclo se fechar, que partiu da demanda, que são os pacientes com dor, e seguiu com a montagem de um “quebra-cabeças de soluções tecnológicas”, como afirma, até que fosse concedida a patenteabilidade da invenção. Todo o processo despertou nele um desejo de continuar inovando, tanto que agora já participa de um grupo de trabalho para uma nova invenção. “O novo projeto é criar um mecanismo que evite a contaminação de dentistas com o Novo Coronavírus ou outros vírus na hora de fazer os procedimentos. Já estamos avançados nos protótipos”, empolga-se.
INOVAÇÃO NA UFC - A patente é um dos tipos existentes de propriedade intelectual, a qual inclui também registros de software e desenho industrial. A UFC possui hoje 266 ativos vigentes, registrados no INPI, dos quais 249 são patentes tendo a Universidade como titular. Mas, entre depositar o pedido de patente e, de fato, tê-la concedida, há um largo processo.

Em geral, explica a diretora da Divisão de Suporte à Propriedade Intelectual da UFC Inova, Lívia Maria Queiroz Lima, o INPI demora de nove, dez anos para conceder uma patente, que só é expedida caso o pedido atenda a todos os requisitos que a legislação exige. No caso da nova invenção da UFC, foram sete anos.

A concessão da patente do aplicador de anestésico odontológico é, considera, de grande importância para a Universidade. “Ela, além de comprovar que temos inovações na UFC, permite-nos afirmar que temos condições de escrever boas patentes”, salienta. “Ela também traz segurança jurídica para quem quiser explorar comercialmente. É uma garantia de que a produção e a comercialização só poderão ser feitas com a autorização da UFC”, acrescenta.

A primeira carta patente da UFC foi concedida pelo INPI no ano passado e consiste em um sistema inovador de armazenamento e transporte de gás natural na forma adsorvida. A patente tem sua titularidade dividida com a Petrobras.

Já a segunda carta patente veio neste ano e trata-se de uma possibilidade mais efetiva na prevenção e combate à tuberculose, feita com titularidade compartilhada com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).
TRAJETÓRIA DE EXCELÊNCIA - O pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, professor Jorge Lira, considera que a inovação na UFC resulta de uma trajetória de excelência em pesquisa que vem se consolidando na Instituição desde os anos 1990, quando começaram a funcionar os primeiros cursos de doutorado. Outro destaque, segundo ele, é que a Universidade tem uma comunidade científica com forte potencial de internacionalização e de impacto social.

“Foi esse lastro todo que permitiu a inovação. Essa patente é o coroamento e o fruto de um longo esforço, que está sendo coordenado brilhantemente pela Coordenadoria de Inovação Tecnológica, cuja atuação tem, inclusive, norteado a formulação de diretrizes de instituições parceiras”, salienta Lira.


Fonte: Professor José Jeová Siebra Moreira Neto, do Curso de Odontologia da UFC – e-mail: jeova@ufc.br.

Comentários

Entre em contato conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Notícias mais acessadas do mês

Morre músico Erickson Mendes

O vereador por Fortaleza, Professor Evaldo Lima (PCdoB) comunica a morte do músico cearense, Erickson Mendes, aos 51 anos, nesta quarta-feira (29). Erickson Mendes teve um ataque infarto fulminante em casa e não resistiu:

- Lamento profundamente o falecimento de Erickson Mendes, nome fundamental da Música Cearense. Erickson era a expressão do talento, simpatia, alegria. Espalhava amigos e canções no Cenário Cultural de Fortaleza. Belchior, Evaldo Gouveia e Erickson Mendes tocarão lindas canções no Céu!


Erickson Mendes destaca seu 'Cantinho Preferido', que era a Praia de Iracema:

Chistiane Luci Alves lembra, que nesta quarta-feira (29), às seis da noite, Erickson Mendes faria uma live em homenagem ao Belchior:
-  Hoje (29) ele estaria aí, cantando nosso Belchior. Mas partiu subitamente. Que triste, Erick Mendes. Siga na luz!", escreveu Chistiane Luci Alves.

Erickson Mendes nasceu em Quixadá, em 1969. Começou cantando em eventos religiosos e em 2012 iniciou sua carreira de músic…

Morre professor Luís Campos

"Acabo de receber a triste notícia que o doutor Luís Campos faleceu. Um grande alvinegro que nunca será esquecido, um guerreiro. Força aos familiares e amigos. As pessoas nunca partem de verdade, continuam vivas e felizes em nossas melhores memórias. Em vida doutor Luís Campos foi homenageado, nosso Centro de Treinamento em Itaitinga leva seu nome".




A informação é de gerente de Tecnologia e Inovação do Ceará, Marcos Medina. Luís Queiroz de Campos, morreu neste domingo (dois), aos 95 anos.
Luís Queiroz Campos foi meu professor no Curso de Comunicação Social-Jornalismo na década de 1980 na Universidade Federal do Ceará (UFC). Para nossa turma deu aulas de Deontologia da Comunicação. Era um professor 'Caxias', mas muito querido pela turma.
Deixa saudades não só da época de professor de Jornalismo da UFC, mas principalmente como homem público do Estado do Ceará e da Cidade de Fortaleza. Chegou a ser prefeito de Fortaleza (1962-1965). Foi diretor do Banco Nacional de Habitaç…

Morre jornalista Carlos Augusto Rocha Cruz

A jornalista Marlyana Lima informa a morte do jornalista Carlos Augusto Rocha Cruz (Carlão). Ele morreu no final da noite de domingo (12). Carlão estava internado há um mês com problemas renais.



Trabalhei com Carlão na Rádio Universitária FM nos anos 1980-1990. Ele era muito metódico e chegou a assessorar o então senador José Pimentel (PT). Foi padrinho da minha primeira filha, Cecília Braga.

No Departamento de Radialismo Informativo da Universitária FM, Carlão fazia produção e muito boas entrevistas.

Em sua última postagem no Facebook em nove de junho passado escreveu:

- Estou com saudades das ruas, dos bares, dos amigos, dos adversários e até das visitas das Testemunhas de Jeová".


FORTALEZA ANTIGA - "É com pesar que comunicamos o falecimento na noite de domingo (12) do criador do grupo Fortaleza Antiga, Carlos Augusto Rocha Cruz. Nosso querido Carlão partiu mas nos deixou ensinamentos inestimáveis que levaremos adiante na administração desse grupo. Carlos Augusto era jornalista…

Camilo anuncia compra de equipamentos para Hospitais Polos e Central de Laudos à Distância

O Governo do Ceará está adquirindo equipamento para a realização de exames e prestação de socorro à população cearense em situações específicas. Os aparelhos serão instalados nos Hospitais Polos da Rede Estadual de Saúde, informou o governador Camilo Santana (PT), nesta quinta-feira (6), em suas redes sociais. Além disso, o Estado, por meio da Secretaria da Saúde (Sesa), criou processo licitatório para a instalação de uma Central de Laudos à Distância, que trará mais velocidade na análise de exames de imagem. 

Camilo Santana detalhou os aparelhos da compra. "Estamos adquirindo 12 novos tomógrafos para os hospitais polos do Ceará e uma máquina de ressonância para o Hospital Albert Sabin, onde estamos também ampliando os leitos de UTI", informou. Camilo disse que aparelhos importantes para salvar vidas em determinados casos chegarão a unidades que ainda não possuem. 
"Estamos adquirindo um aparelho de hemodinâmica para enfrentar situações de AVC e infarto para o Hospital do…

Morre teatrólogo Wellington Rodrigues

Morreu em Fortaleza, aos 45 anos, o teatrólogo Wellington Rodrigues. Ele foi vítima do Novo Coronavírus (Covid 19) e faleceu na noite desta segunda-feira (3). Wellington Rodrigues fundou a Companhia Teatral Moreira Campos e foi autor de peças premiadas.



O Blog do Lauriberto traz lamentos de amigos e uma nota de pesar do Theatro José de Alencar (TJA) da partida de Wellington Rodrigues:

Lana Soraya - "Nosso amigo querido, Wellington Rodrigues partiu...Foi brilhar em outros palcos...que Deus dê conforto aos familiares e amigo".

Menta Alves Marinho - "Estudamos teatro juntos no Curso de Arte Dramática na Universidade Federal do Ceará-UFC, trabalhamos juntos com o Espetáculo As Meninas Super Poderosas, ele era o Macaco Louco. Uma pessoa alegre, cheia de vida. Descanse em paz Wellington Rodrigues".

Varele Gama - "Meu amigo Wellington, você permanecerá sempre vivo entre nós, por meio de suas atitudes, trabalhos realizados, publicações, lugares, lembranças e sorrisos co…

Postagens mais visitadas deste blog

Morre músico Erickson Mendes

O vereador por Fortaleza, Professor Evaldo Lima (PCdoB) comunica a morte do músico cearense, Erickson Mendes, aos 51 anos, nesta quarta-feira (29). Erickson Mendes teve um ataque infarto fulminante em casa e não resistiu:

- Lamento profundamente o falecimento de Erickson Mendes, nome fundamental da Música Cearense. Erickson era a expressão do talento, simpatia, alegria. Espalhava amigos e canções no Cenário Cultural de Fortaleza. Belchior, Evaldo Gouveia e Erickson Mendes tocarão lindas canções no Céu!


Erickson Mendes destaca seu 'Cantinho Preferido', que era a Praia de Iracema:

Chistiane Luci Alves lembra, que nesta quarta-feira (29), às seis da noite, Erickson Mendes faria uma live em homenagem ao Belchior:
-  Hoje (29) ele estaria aí, cantando nosso Belchior. Mas partiu subitamente. Que triste, Erick Mendes. Siga na luz!", escreveu Chistiane Luci Alves.

Erickson Mendes nasceu em Quixadá, em 1969. Começou cantando em eventos religiosos e em 2012 iniciou sua carreira de músic…

Morre professor Luís Campos

"Acabo de receber a triste notícia que o doutor Luís Campos faleceu. Um grande alvinegro que nunca será esquecido, um guerreiro. Força aos familiares e amigos. As pessoas nunca partem de verdade, continuam vivas e felizes em nossas melhores memórias. Em vida doutor Luís Campos foi homenageado, nosso Centro de Treinamento em Itaitinga leva seu nome".




A informação é de gerente de Tecnologia e Inovação do Ceará, Marcos Medina. Luís Queiroz de Campos, morreu neste domingo (dois), aos 95 anos.
Luís Queiroz Campos foi meu professor no Curso de Comunicação Social-Jornalismo na década de 1980 na Universidade Federal do Ceará (UFC). Para nossa turma deu aulas de Deontologia da Comunicação. Era um professor 'Caxias', mas muito querido pela turma.
Deixa saudades não só da época de professor de Jornalismo da UFC, mas principalmente como homem público do Estado do Ceará e da Cidade de Fortaleza. Chegou a ser prefeito de Fortaleza (1962-1965). Foi diretor do Banco Nacional de Habitaç…

Morre jornalista Carlos Augusto Rocha Cruz

A jornalista Marlyana Lima informa a morte do jornalista Carlos Augusto Rocha Cruz (Carlão). Ele morreu no final da noite de domingo (12). Carlão estava internado há um mês com problemas renais.



Trabalhei com Carlão na Rádio Universitária FM nos anos 1980-1990. Ele era muito metódico e chegou a assessorar o então senador José Pimentel (PT). Foi padrinho da minha primeira filha, Cecília Braga.

No Departamento de Radialismo Informativo da Universitária FM, Carlão fazia produção e muito boas entrevistas.

Em sua última postagem no Facebook em nove de junho passado escreveu:

- Estou com saudades das ruas, dos bares, dos amigos, dos adversários e até das visitas das Testemunhas de Jeová".


FORTALEZA ANTIGA - "É com pesar que comunicamos o falecimento na noite de domingo (12) do criador do grupo Fortaleza Antiga, Carlos Augusto Rocha Cruz. Nosso querido Carlão partiu mas nos deixou ensinamentos inestimáveis que levaremos adiante na administração desse grupo. Carlos Augusto era jornalista…

Camilo anuncia compra de equipamentos para Hospitais Polos e Central de Laudos à Distância

O Governo do Ceará está adquirindo equipamento para a realização de exames e prestação de socorro à população cearense em situações específicas. Os aparelhos serão instalados nos Hospitais Polos da Rede Estadual de Saúde, informou o governador Camilo Santana (PT), nesta quinta-feira (6), em suas redes sociais. Além disso, o Estado, por meio da Secretaria da Saúde (Sesa), criou processo licitatório para a instalação de uma Central de Laudos à Distância, que trará mais velocidade na análise de exames de imagem. 

Camilo Santana detalhou os aparelhos da compra. "Estamos adquirindo 12 novos tomógrafos para os hospitais polos do Ceará e uma máquina de ressonância para o Hospital Albert Sabin, onde estamos também ampliando os leitos de UTI", informou. Camilo disse que aparelhos importantes para salvar vidas em determinados casos chegarão a unidades que ainda não possuem. 
"Estamos adquirindo um aparelho de hemodinâmica para enfrentar situações de AVC e infarto para o Hospital do…

Morre teatrólogo Wellington Rodrigues

Morreu em Fortaleza, aos 45 anos, o teatrólogo Wellington Rodrigues. Ele foi vítima do Novo Coronavírus (Covid 19) e faleceu na noite desta segunda-feira (3). Wellington Rodrigues fundou a Companhia Teatral Moreira Campos e foi autor de peças premiadas.



O Blog do Lauriberto traz lamentos de amigos e uma nota de pesar do Theatro José de Alencar (TJA) da partida de Wellington Rodrigues:

Lana Soraya - "Nosso amigo querido, Wellington Rodrigues partiu...Foi brilhar em outros palcos...que Deus dê conforto aos familiares e amigo".

Menta Alves Marinho - "Estudamos teatro juntos no Curso de Arte Dramática na Universidade Federal do Ceará-UFC, trabalhamos juntos com o Espetáculo As Meninas Super Poderosas, ele era o Macaco Louco. Uma pessoa alegre, cheia de vida. Descanse em paz Wellington Rodrigues".

Varele Gama - "Meu amigo Wellington, você permanecerá sempre vivo entre nós, por meio de suas atitudes, trabalhos realizados, publicações, lugares, lembranças e sorrisos co…