Pular para o conteúdo principal

Futricas Cearenses

 Eis o 25 de março na História do Ceará, segundo o Arquivo Nirez:

1824 - Promulgada a primeira Constituição Política do Brasil.

1867 - A Biblioteca Provincial (Biblioteca Pública) e o Arquivo Público se instalaram, no governo João de Sousa Melo de Oliveira, em prédio na Praça Marquês de Herval (hoje Praça José de Alencar), esquina da Rua General Sampaio com Rua Liberato Barroso, passando depois por várias sedes, sendo separado o arquivo da biblioteca. Nesse dia inaugurou-se também o prédio, que abrigaria depois o Batalhão de Segurança, e a Escola Aprendizes Artífices. Na ocasião da inauguração era dirigida pelo bibliotecário José Barcelos. 

1873 - Morre, no Rio de Janeiro, aos 70 anos de idade, o brigadeiro Francisco Xavier Torres (Brigadeiro Torres), natural de Fortaleza onde nascera em 1803. Existe em Fortaleza, no Pici, uma rua com seu nome.

1884 - O presidente da Província, Manuel Sátiro de Oliveira Dias (Sátiro Dias), decreta a Abolição dos escravos, em todo o território do Ceará em sessão realizada em pavilhão armado na Praça Castro Carreira. Em Fortaleza foram quatro dias de festas, mas em alguns lugares houve resistência e demorou ainda a libertação geral.

1886 - Inaugura-se a Igreja do Sagrado Coração de Jesus, sendo sagrado seu altar, pelo Bispo Dom Joaquim José Vieira. Sua pedra fundamental tinha sido assentada em 25 de setembro de 1878, logo após o término da seca de 1877, uma das razões da construção do templo: para aproveitar a mão de obra do flagelado. A iniciativa da construção foi do casal José Francisco da Silva Albano (Barão de Aratanha) e Liberalina Angélica da Silva Albano (Baronesa de Aratanha), secundado pelo concurso de Dom Luís Antônio dos Santos. Ficou conhecida como Igreja dos Albanos. As obras se iniciaram em 25 de setembro de 1878. O templo era singelo, em linhas neoclássicas e neogóticas. A grande seca de 1875-1877 deixou um grande número de flagelados em Fortaleza, e para dar trabalho a essa gente é que foi construída a igreja em frente à Lagoa do Garrote (Parque da Liberdade, Parque da Independência, Cidade da Criança), no "Morro do Pecado", onde existia uma capela dedicada a Nossa Senhora das Dores, em 1848, cuidada pelo padre Alencarino. A igreja teve como primeiro administrador o padre Antônio Xisto Albano, filho do Barão de Aratanha, que ali ficou até 1901, quando foi transferido para o Maranhão, ocasião em que o bispo Joaquim José Vieira resolveu entregar a administração à Ordem Seráfica dos Capuchinhos da Missão do Maranhão, o que foi feito em primeiro de junho de 1901, mas a transferência só se deu no dia três. No início da década de 1950, a torre, que era de zinco sobre armação de madeira, foi retirada, e em seu lugar foi levantado, sobre a velha alvenaria de tijolo da Tabatinga (branco), um bloco de concreto com um relógio de quatro faces e sobre ela a imagem de Jesus Cristo, que antes se achava no frontal do templo, causando o esmagamento das velhas paredes, que ruíram às 13h20 do dia 15 de março de 1957. Ao invés de reconstruírem a igreja, pois apenas ruíra a torre, os capuchinhos acharam por bem derrubar toda a igreja, para construírem uma maior, que é a que atualmente lá está, mas a arquitetura usada é mista, feia, cheia de "combogós", e tem na sua fachada uma parede reta como se fora um oitão, além de rampas para subida de carros, uma torre vazada e uma grande cúpula sobre a nave principal. A pedra fundamental da nova igreja foi lançada em 1958 e sua inauguração se deu em 1961.

1886 - A praça onde ficava a Igreja do Coração de Jesus recebe o nome de Praça Coração de Jesus.

1890 - Assume, o comando da Escola de Aprendizes Marinheiros do Ceará, o capitão-tenente Leôncio Rosa, em substituição ao capitão-tenente Manuel Pereira Pinto Bravo.

1892 - Morre, no Rio de Janeiro, o médico e ex-deputado geral Paulino Franklin do Amaral (Barão de Canindé), cearense de Fortaleza nascido a 24 de dezembro de 1870 e hoje é nome rua em Montese e Parangaba.

1906 - Inaugurada, às 9 horas, com missa oficiada pelo bispo diocesano Dom Joaquim José Vieira, a Igreja de Nossa Senhora do Carmo na então Praça do Livramento, depois Praça Gonçalves Ledo e hoje Praça do Carmo. Seu primeiro capelão foi o monsenhor José Gurgel do Amaral Barbosa, que faleceu no mesmo ano, a dois de junho, sendo substituído pelo padre Luís Bezerra da Rocha, que foi sucedido pelo padre José J. da Rocha. O templo teve planta de autoria do arquiteto Adolfo Herbster. O primeiro sino do templo foi doado por Geminiano Maia (Barão de Camocim) e foi inaugurado em 24/03/1906.

1910 - Publicado o primeiro número do jornal O Bandeirante, literário, moral e noticioso dirigido por José de Mendonça Nogueira. Sua redação ficava na Rua Barão do Rio Branco, 88 (antigo).

1924 - Inaugurado, em sessão solene no Theatro José de Alencar, dirigida pelo presidente Ildefonso Albano, o Instituto Politécnico, havendo eleição e posse da primeira diretoria.

1924 - Inaugura-se, às 16 horas, na estrada Fortaleza-Messejana, a Ponte Francisco Sá, sobre o Rio Cocó.

1928 - Inaugura-se a Avenida Demóstenes Rockert, ocasião em que discursa o acadêmico Moésia Rolim. Hoje é a Avenida Francisco Sá.

1930 - Inauguração das grandes reformas ocorridas no Colégio da Imaculada Conceição.

1938 - Fundada a Associação das Filhas de Maria Imaculada, na Igreja de São Gerardo, pelo padre Expedito Eduardo de Oliveira (Expedito de Oliveira). 

1939 - Com a presença do Interventor Federal no Ceará, Francisco de Menezes Pimentel, o vespertino O Nordeste, órgão da Arquidiocese de Fortaleza, inaugura seu novo edifício na esquina da Rua General Bezerril com Rua Pedro Pereira, próximo à Praça dos Voluntários, em frente ao Parque da Independência, hoje Parque da Liberdade. A bênção do edifício e das oficinas coube ao arcebispo de Fortaleza, dom Manuel da Silva Gomes. Usaram da palavra Manuel Antônio de Andrade Furtado, redator-chefe, e o jornalista Hugo Vitor Guimarães, que falou em nome da Associação Cearense de Imprensa. O prédio ainda existe, mas ocupado por uma loja. O Nordeste volta a circular neste dia, pela primeira vez, depois de 22 de dezembro de 1938.

1939 - Morre, em Lavras da Mangabeira, o magistrado Antônio Galeno da Costa e Silva, nascido em Fortaleza no dia 22 de maio de 1882. 

1941 - Lançada a pedra fundamental do Hospital Carlos Carneiro de Mendonça, no Porangabuçu, falando na ocasião o Interventor Menezes Pimentel e o diretor do Departamento de Saúde Pública, Joaquim Eduardo de Alencar.

1942 - Para a entrada do Brasil na 2ª Guerra Mundial, contra as forças do Eixo, o Ceará abre o voluntariado. O 29º Batalhão de Caçadores ocupa o quartel da Polícia Militar, que se muda para Antônio Bezerra no dia 29 de julho de 1942 e ali fica até oito de agosto de 1946, quando a Polícia volta a seu quartel.

1945 - Inaugurada a Escola de Enfermagem São Vicente de Paulo, na Avenida do Imperador, 1367, esquina com Rua Domingos Olímpio, com discursos proferidos pelo padre André Camurça e o médico Jurandir Marães Picanço (Jurandir Picanço).

1950 - Criada em Fortaleza a Escola de Serviço Social, depois incorporada à Universidade Federal do Ceará-UFC.

1955 - Tomam posse o governador Paulo Sarasate Ferreira Lopes, que recebe o governo das mãos de Francisco Ponte, o vice Flávio Portela Marcílio (Flávio Marcílio) e o prefeito Acrísio Moreira da Rocha, eleitos no ano anterior. Paulo Sarasate substitui Stênio Gomes enquanto que Acrísio substitui Paulo Cabral de Araújo. Paulo Sarasate toma posse na Assembleia Legislativa, atual Palácio Senador Alencar, hoje ocupado pelo Museu do Ceará; Paulo Cabral de Araújo assume na Câmara Municipal de Fortaleza.

1955 - Instala-se a Câmara Municipal de Fortaleza, composta dos vereadores Antônio Ademar Arruda (PTB), Agamenon Frota Leitão (PSP), Antônio Fernando Bezerra (PRP), Bezaliel Teixeira de Castro (PR), Carlos Mauro Cabral Benevides (Mauro Benevides) (PSD), Djalma Eufrásio (PSD),  Dorian Sampaio Xavier (PSD),  José Martins Timbó (UDN), José Barros de Alencar (UDN), José Batista de Oliveira (UDN), José Ribamar de Vasconcelos (PTB), João Cavalcante (PSD), Manuel Lourenço dos Santos (PSP), Pedro Paulo M. de Oliveira (Pedro Paulo de Oliveira), Roberto de Carvalho Rocha, Raimundo Gomes Tavares (PSP), Raimundo Ximenes (PR), Raimundo Oséias A. Aragão (Oséias Aragão), René Paiva Dreyfuss (PR), Valdemar Pedro dos Santos (PR) e Walter Cavalcante de Sá..

1956 - Inaugura-se o aparelho de Cinemascope no Cine Samburá, na Rua Major Facundo, 802, da Empresa Cinemar, de Amadeu Barros Leal, com a apresentação, em avant-premiére, do filme “Cavaleiros da Távola Redonda”.

1956 - Após reforma, reinaugura-se o Theatro José de Alencar, sob direção de Francisco Paurilo Barroso, sendo restaurador das pinturas de Antônio Rodrigues, José de Paula Barros e Ramos Cotoco, o artista plástico Raimundo Siqueira Campos.

1956 - Lançado o primeiro número do jornal Tribuna de Fortaleza, semanário publicado aos domingos, pertencente a “Jornais Reunidos do Brasil Ltda. - Jorra” e que tem como suplemento a revista ilustrada impressa no Rio Grande do Sul, Singra. A redação fica na Praça Floriano, 19, 5º andar, no Rio de Janeiro, com direção de Reis Vidal

1957 - Morre em Manaus, Amazonas, aos 74 anos de idade, o poeta e jornalista Luís de Castro, cearense de Fortaleza nascido em 11 de fevereiro de 1883.


1958 - A Rádio Dragão do Mar, que já estava no ar desde o dia 16 de janeiro em caráter experimental, é inaugurada pelo seu presidente, Moisés Santiago Pimentel.

1959 - Sob a responsabilidade e direção de Esmerino Oliveira Arruda Coelho (Esmerino Arruda), surge em Fortaleza o primeiro número do jornal Flagelo, quinzenário que tem como superintendente Vicente Arruda Filho, gerente, Raimundo Arruda e redator-secretário Antônio Valente. A Redação fica na Rua Barão do Rio Branco, 765.

1959 - Toma posse, no Governo do Estado, o professor José Parsifal Barroso, tendo como vice Wilson Gonçalves, com a presença do vice presidente João Belchior Marques Goulart (João Goulart), e no cargo de prefeito de Fortaleza, toma posse o general Manuel Cordeiro Neto e o vice-prefeito Aécio de Borba Vasconcelos. Parsifal Barroso substitui Paulo Sarasate Ferreira Lopes que estava afastado, recebendo o cargo das mãos do vice-governador em exercício Flávio Portela Marcílio (Flávio Marcílio), enquanto que Cordeiro Neto substitui Acrísio Moreira da Rocha.

1959 Instala-se a Câmara Municipal de Fortaleza, com os vereadores Antônio Ademar Arruda (PTB), Antônio Costa Filho (Antony Costa) (), Agamenon Frota Leitão (PSP), Carlos Cavalcante (Caio Cid) (PSP), Djalma Eufrásio Rodrigues (PL), Dorian Sampaio Xavier (PSD), Hermenegildo Barros de Melo (PTB), José Aluísio de Castro Correia (Aluísio Correia). (PL), José Barros de Alencar (UDN), José Araújo de Pontes (PTB), José Batista Barroso (PRT), José Batista de Oliveira (UDN), José Edward M. Barros de Oliveira (PL), José Fiuza Gomes (), José Martins Timbó (UDN), José Maria Marques (PR), José Ribamar de Vasconcelos (PRT), Mozart Gomes de Lima, Maria Mirtes Lopes Campos (Mirtes Campos) (PSD), Pedro Pierre de Lima (PSD), Raimundo Ximenes Neto (PR), Raimundo Nonato de Moraes (PRT), Francisco Rodrigues Pinto, Walter Cavalcante de Sá (PSD), ficando na suplência Paulo de Tarso M. Mamede, Antônio José Azin, Mário Sales Nunes (Mário Nunes) (PTB), Luiz Aragão de Carvalho, Aluisio M. Fontenele, Ernesto M. Gurgel do Amaral, Antônio Fernando Bezerra (PRP), Walter de Sá Cabral (PSP), Pedro Paulo Moreira de Oliveira (PR), René Paiva Dreyfuss (UDN), Francisco Pierre Messias, Haroldo Jorge B. Vieira, Joaquim Aparecido Aragão, José Herotildes S. do Amarante, Valdemar Rodrigues de Figueiredo, Guttenberg Braun (), Raimundo Gomes Tavares (PSP), Valdemar Cabral Caracas (Valdemar Caracas), Raimundo Augusto e Silva, José Cícero de Andrade, Abel Alves Pinto, Benjamin Estêvão dos Santos, Francisco de Paulo Holanda, Onofre Vieira Silva (PST), Jeremias Liberalino Lobo Menezes (UDN), Carlos da Costa Jatahy, Manoel Viana Barbosa, Francisco Sampaio de Oliveira e Valdemar Batista de Carvalho).

1960 - Inaugura-se o Supermercado Aldeota, o primeiro de Fortaleza, na esquina da Rua Pinto Madeira, 1340, com Rua Ildefonso Albano, constituindo-se uma novidade, pois até então o fortalezense estava acostumado a ser atendido por um funcionário e ali ele se auto atendia.

1960 - Fundado o Colégio Arminda de Araújo, da CNEC, que foi desmembrado em 1966 resultando na fundação do Colégio Júlia Jorge.

1961 - Inaugura-se, na Rua Assunção, 1100, o Edifício Presidente José Linhares, sede do Departamento Autônomo de Estrada de Rodagem-DAER, hoje Departamento de Edificações, Rodovias e Transportes-DERT. A planta foi assinada pelo arquiteto José Armando Farias e o construtor foi o engenheiro José Lino da Silveira. Hoje o prédio é ocupado pela Procuradoria Geral da Justiça do Ministério Público do Ceará.

1962 - Inaugurada a Avenida Perimetral, que liga todos os bairros e subúrbios de Fortaleza, contornando a Cidade, pelo prefeito Manuel Cordeiro Neto.

1963 - Toma posse, no Governo do Estado, Virgílio de Moraes Fernandes Távora, (Virgílio Távora), tendo como vice Joaquim Figueiredo Correia; e na Prefeitura, o coronel Murilo Borges Moreira, com o vice Luís de Queirós Campos (Luís Campos). Virgílio Távora substitui José Parsifal Barroso e Murilo Borges substitui Manuel Cordeiro Neto.

1963 - Instala-se a Câmara Municipal de Fortaleza com os vereadores eleitos popularmente: Ademar Arruda (PTB), Arlindo Barros de Sá, Antônio Fernando Bezerra (PRP), Agostinho Moreira e Silva, Edward Arruda Filho, Evaldo Ferreira Ximenes, Ernesto Gurgel do Amaral, Adson Ximenes Bindá, Francisco Edward Pires (PTB), Guttenberg Braun, Haroldo Jorge Brawn Vieira, José Aluisio Correia, José Araújo de Pontes, José Barros de Alencar (UDN), José Batista Barbosa, José Batista de Oliveira (UDN), José de Carvalho Melo, José Edmard M. Barros de Oliveira, José Martins Timbó, José Maria Marques, José Ribamar de Vasconcelos, Lauro Antônio Rodrigues, Luciano Barreira, Manoel Aguiar de Arruda, Maria Mirtes Lopes Campos (Mirtes Campos), Mardônio Peixoto Botelho (Mardônio Botelho), Mário Sales Nunes (Mário Nunes) (PTB), Manoel Sandoval F. Bastos (Sandoval Bastos), Pedro Pierre Lima, Roberto de Carvalho Rocha, René Paiva Dreyfuss (UDN), ficando como suplentes: Djalma Eufrásio Rodrigues (PL), José Airton de Lima, Raimundo Nonato de Morais, Aluisio M. Fontenele, Francisco Bezerra de Oliveira, Antônio Bastos Sampaio, Raimundo Gomes Tavares (PSP), José Wilson Machado Borges (Wilson Machado), Abel Alves Pinto, Hermenegildo Barroso de Melo, Francisco Feitosa Vilar, José Herval Sampaio, Luiz Aragão Carvalho, Pedro Paulo Moreira de Oliveira (PR), Raimundo Augusto e Silva, José de Lima Castro, Raimundo Rodrigues Pinto, Joaquim Pinheiro de Almeida, José Eurico Matias, Jeremias Lobo de Menezes, Orlane Freire Araújo, José Frota Bezerra, Claudino Enéas de Alencar, Honório de Abreu Machado, Miguel Ivon Ribeiro, João Garcia, Onofre Vieira Silva, Enéas Bezerra de Menezes, J. Gamaliel Teixeira Noronha (Gamaliel Noronha),  Manoel Paulo de Lima, Holmes Cordeiro, Ricardo Xavier de Lima, Noelzinda Sátiro Santiago, Raimundo Pereira de França, Francisco de Assis de Sousa, Francisco Tarcísio Leite, J. Raimundo Linhares, Raimundo Brandão e João Guariguazy.

1965 - Nasce a Construtora Estrela Ltda., fundada por José Leuton Carvalho Monteiro e Francisco Almir Carneiro Frota, em prédio na Avenida 13 de Maio, 337. Em 31 de outubro de 1969, ingressam como sócios Crisanto Ferreira de Almeida e João Fujita. Depois a Construtora Estrela S. A. funcionou muitos anos em prédio na Rua Lourenço Feitosa, 90, na Praça 1º de Maio, em frente à Avenida Aguanambi, local depois ocupado pela Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e da Cidadania-AMC. 

1967 - Toma posse no cargo de prefeito nomeado de Fortaleza, José Walter Barbosa Cavalcante (José Walter Cavalcante). Seria a administração autoritária que acabaria com os ônibus elétricos, destruiria as praças do Ferreira e da Bandeira (Clóvis Bevilaqua). Talvez por ser prefeito nomeado, nunca atendeu reclamos da imprensa nem nunca consultou a população para nada. Substituía ao coronel Murilo Borges Moreira.

1967 - Assume a superintendência da Fundação do Serviço Social de Fortaleza, em substituição a Roberto Jorge Braun Vieira, Aldaci Nogueira Barbosa Mota (Aldaci Barbosa). 

1969 - Inaugura-se, na administração José Walter Barbosa Cavalcante, a placa na Praça Afonso Pena, dando-lhe o nome de Praça Paula Ney, por solicitação da Agremiação Defensora do Bairro Henrique Jorge, localizando-se entre a Avenida Fernandes Távora, Rua Professor Miramar da Ponte e Rua Coronel Matos Dourado. 

1970 - Inaugura-se o Grupo Municipal Desembargador Faustino de Albuquerque (hoje Escola de 1º Grau Desembargador Faustino de Albuquerque) na Rua A. Cavalcante, 285 no Monte Castelo.

1970 - Inaugura-se o Grupo Municipal Desembargador Gabriel Cavalcante (hoje Escola de 1º Grau Desembargador Gabriel Cavalcante), no Conjunto Castelo Branco, Quadra Central s/nº no Presidente Kenedy.

1970 - Inaugura-se o Grupo Municipal Diogo Vital de Siqueira (Hoje Escola de 1º Grau Diogo Vital de Siqueira) na Avenida L, s/nº, no Conjunto José Walter.

1970 - Inaugurada em Fortaleza uma agência do Banco Auxiliar de São Paulo. 

1972 - A TV Ceará Canal 2 realiza a primeira transmissão a cores, apresentando um show musical da Eurovisão.

1973 - A Casa de Cultura Raimundo Cela inaugura, com uma exposição coletiva de pintura, sua nova sede na Avenida Santos Dumont, 2789, comemorando seu 6º aniversário. 

1976 - O prefeito de Fortaleza, Evandro Ayres de Moura, inaugura, na Parquelândia, a Praça Deputado Manoel Rodrigues. O homenageado era cearense, eleito deputado federal pela Arena e falecera em novembro de 1975 em Brasília, aos 50 anos de idade. A praça tinha o nome de Praça dos Tamborins.

1980 - Desaba, às 11h45, o teto do Ginásio Coberto Paulo Sarasate, que havia se inaugurado em 24 de setembro de 1971. 

1981 - Decretada a prisão preventiva do agente de polícia Wagner Jorge Cavalcante Vieira, acusado de sequestrar, torturar e assassinar à bala os menores Francisco Lima da Silva, de 16 anos e Francisco Reginaldo Sales da Silva, de 17 anos, no último dia 11 de fevereiro. Outro implicado, Joaquim Mota, continua foragido.

1982 - Inaugura-se a Rádio Jornal O Povo - AM, da Empresa Jornalística O Povo S/A, iniciativa de Demócrito Dummar, funcionando em ala anexa ao jornal O Povo, onde já funcionava a Rádio Jornal O Povo FM.

1982 - Morre em Fortaleza o poeta e jornalista de esquerda Walse Pereira Barbosa (Walse Barbosa), aos 53 anos de idade. Nascera em Fortaleza em 30 de agosto de 1929.

1983 - Chegam a Fortaleza e são sepultados no Cemitério de São João Batista os restos mortais do Frei Tito de Alencar Lima, cearense de Fortaleza que foi expulso do País em 1971 e só voltou morto.

1990 - O Museu Histórico e Antropológico é inaugurado em nova sede, ocupando o Palacete Senador Alencar, na Rua São Paulo, 51, antiga Assembleia Legislativa. Estivera em prédio da Avenida Barão de Studart, 410, onde hoje se instala o Museu da Imagem e do Som - MIS. Hoje chama-se Museu do Ceará.

1993 - Morre em Fortaleza, às 15 horas, o engenheiro agrônomo e biólogo Osmar Fontenele, sendo seu corpo velado na Funerária Ternura, na Rua Padre Valdivino, 2255, esquina com a Rua Tibúrcio Cavalcante.

1993 - Instala-se em Fortaleza uma Agência Consular do Governo dos Estados Unidos da América do Norte, pelo embaixador Richard Melton, nas dependências do Instituto Brasil-Estados Unidos-IBEU. 

2002 - Após reforma geral no prédio, na instalação elétrica, hidráulica, colocação de ar condicionado, mudança do mobiliário, intensificação do trabalho de microfilmagem, integração ao Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, etc., é reinaugurada a Biblioteca Pública Menezes Pimentel, na Avenida Presidente Castelo Branco (Leste-Oeste), 255.

2003 - Assumem, às 19h30, a Cadeira 7 da Academia Fortalezense de Letras-AFL, cujo patrono é Clóvis Beviláqua, o professor Ednilo Gomes de Porto Soárez (Ednilo Soárez) e a Cadeira 14, do patrono Fran Martins, Roberto Gaspar, sendo recebidos pelo acadêmico José Luís Lira. As posses ocorrem na sede da Academia Cearense de Letras - ACL, no Palácio da Luz, na Rua do Rosário, 1, no Centro.

2003 - O humorista cearense Antônio Renato Aragão, o Didi Mocó Sonrisal Colesterol Novalgina Mufumbo que também atua como embaixador do Fundo das Nações Unidas para a Infância-Unicef no Brasil. recebe, no Salão Nobre do Palácio da Abolição, a Medalha da Abolição, a maior comenda do Ceará, das mãos do governador do Estado, Lúcio Gonçalo de Alcântara (Lúcio Alcântara). A Medalha da Abolição é entregue a personalidades por suas contribuições à sociedade e marca a comemoração do 25 de março, data da abolição dos escravos no Ceará.

2004 - Assume cadeira na Academia Cearense de Letras-ACL, no Palácio da Luz, na Rua do Rosário, 1, às 19 horas, o escritor e desembargador Napoleão Nunes Maia Filho, na Cadeira 32, vaga com o falecimento da escritora Rachel de Queiroz. O novo acadêmico é saudado Pedro Henrique Saraiva Leão.

2004 - Recebe a mais alta comenda do Estado, a Medalha da Abolição, o escritor Manuel Eduardo Pinheiro Campos (Eduardo Campos), às 19h no salão nobre do Palácio da Abolição, na Avenida Barão de Studart nº 505, na Aldeota. A Medalha da Abolição é entregue a personalidades por suas contribuições à sociedade e marca a comemoração do 25 de março, data da abolição dos escravos no Ceará.

2006 - A representante do município de Juazeiro do Norte, Carla Rocha, é eleita, no Ideal Clube, a Miss Ceará e vai concorrer ao concurso nacional Miss Brasil, no próximo dia oito de abril. O concurso, que contou com a participação de 21 candidatas de municípios do Ceará, classifica em segundo lugar a representante de Fortaleza, Luíza Freire e, em terceiro, a de Mombaça, Rafaela Benevides, que é eleita também a Miss Turismo do Ceará, pelo critério de beleza e participação do município no concurso. Um dos destaques do evento foi a participação da modelo cearense de Juazeiro do Norte, Suyanne Moreira, que hoje tem uma carreira internacional, na apresentação do traje típico que a Miss Ceará vai usar no concurso Miss Brasil, intitulado Iracema Artesanal.

2006 - O jornal Correio do Ceará, fechado hája 23 anos e dois meses volta a circular sob nova direção e mensal. O novo diretor-presidente é José Ribamar Aguiar Júnior e o editor é o jornalista Rogério Moraes. Tem sua sede na Rua Oswaldo Cruz, 1, sala 403, no Edifício Beira Mar Trade Center, no Meireles.

2007 - Falece, às 13h30, o advogado, jornalista e escritor José Blanchard Girão Ribeiro, aos 77 anos de idade. Seu corpo é velado na Funerária Ternura, na Rua Padre Valdivino, 2255, na esquina com a Rua Tiburcio Cavalcante e o enterro realiza-se às 12h, no Cemitério Parque da Paz. Blanchard passava o fim de semana em seu sítio, em Aquiraz, quando sofreu um infarto. Jornalista desde os 14 anos, Blanchard começou na revisão da extinta Gazeta de Notícias e percorreu as principais redações de jornais cearenses, onde ocupou as mais diversas funções: revisor, repórter, redator, passando pelo Unitário, Correio do Ceará, O Povo e Jornal do Dorian. Foi editor-chefe do jornal O Povo e, por último, articulista. Dirigiu a Rádio Dragão do Mar, a partir da sua fundação, em 1958, até eleger-se deputado estadual, em 1962. Menos de dois anos depois, os militares cassaram seus direitos políticos e prenderam-no. Devido às circunstâncias políticas, Blanchard, formado em Direito, passou a exercer a advocacia e continuou contribuindo para o jornalismo, escrevendo no anonimato. Formado também em Letras, exerceu, por curto período, o magistério, ensinando no Colégio Farias Brito. Escreveu mais de dez livros e, na vida pública, além de deputado estadual pelo PSD, foi diretor-superintendente da Televisão Educativa-TVE e subsecretário de Cultura e Desporto. Nascera em Acaraú, em 22 de outubro de 1929.

2013 - O Governo do Estado concede a “Medalha da Abolição” a maior do Estado, aos empresários Yolanda Vidal Queiroz  (Yolanda Queiroz), Francisco Ivens de Sá Dias Branco (Ivens Dias Branco), a jornalista Maria Adísia Barros de Sá (Adísia Sá) e o artista Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho (Chico Anysio) - in memoriam. A entrega é feita pelo governador Cid Ferreira Gomes (Cid Gomes) no Palácio da Abolição.

2019 - Morre, em Fortaleza, aos 75 anos de idade, vítima de ataque cardíaco fulminante, o professor aposentado da Universidade Estadual do Ceará-Uece, Francisco Adegildo Férrer, também conhecido por dom Francisco Férrer por ser Bispo da Igreja Católica Ortodoxa em Fortaleza. Era natural de Cariús, nascido em 14 de março de 1944.

Comentários

Entre em contato conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Notícias mais acessadas do mês

Morre radialista Will Nogueira

Morreu vítima de covid-19, na manhã desta segunda-feira (5), o radialista cearense Will Nogueira ( Francisco de Assis Nogueira Bastos), aos 60 anos . Will Nogueira estava internado, no Hospital São Carlos-Fortaleza, intubado há dez dias e nesta segunda-feira não resistiu as complicações da covid-19. O velório e sepultamento são restritos a familiares, na tarde desta segunda-feira no Cemitério Jardim Metropolitano (4º Anel Viário no Coaçu-Eusébio) Formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Ceará (UFC), Will Nogueira (foto) iniciou no Rádio na década de 1980 pela Rádio Iracema AM 1.300, no Programação Geração 80.  Trabalhou durante 36 anos no Sistema Verdes Mares SVM), dirigindo a Rádio FM 93. Também fez carreira na TV, atuando como apresentador dos programas Terral, na TV Ceará (ex-TV Educativa), e Sábado Alegre, na TV Diário.  Ultimamente depois da aposentadoria da FM 93, em 2015, era consultor em programação de Rádio e TV.   Por muitas vezes troquei ideias sobre Rádio

Familiares de Iraguassu Teixeira pedem doação para instituições de caridade no lugar de coroas de flores

Morreu no início da noite desta segunda-feira (22) aos 80 anos, o ex-vereador José Iraguassu Teixeira. Este estava internado há 15 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional Unimed Fortaleza com complicações da Covid-19. A família do Doutor Iraguassu informa que o velório acontece no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino) com missa de corpo presente às dez da manhã e cremação às 11 da manhã desta terça-feira (23). O velório, missa e cremação são restritos aos familiares. A família solicita que ao invés de enviar coroas de flores façam um doação do valor a uma instituição de caridade de Fortaleza. Iraguassu Teixeira Filho - Hoje encerra-se a jornada do meu pai na terra. Façam uma oração por ele. Com profundo pesar informamos a partida do médico e ex-vereador de Fortaleza Doutor Iraguassú Teixeira, aos 80 anos, na noite desta segunda-feira (22), vítima de complicações causadas pela Covid-19. Iraguassu Teixeira estava internado na UTI do Hospital Regional

RioMar participa da Hora do Planeta 2021 neste sábado

Os Shoppings RioMar Fortaleza e Kennedy participam da Hora do Planeta neste sábado (26), às oito e meia da noite:

Morre jornalista e radialista Fernando Ribeiro

Morreu neste sábado (10 de abril), aos 56 anos de idade, vítima de complicações da covid-19, o jornalista e radialista Fernando Ribeiro. Fernando Ribeiro lutava contra a covid há 40 dias num leito do Hospital São José (HSJ), em Fortaleza. Fernando Ribeiro foi meu colega de turma no Curso de Comunicação Social-Jornalismo da Universidade Federal do Ceará (UFC). Entramos juntos em 1983.1 e saímos juntos em 1988.2. Tenho boas lembranças dele desde os bancos da faculdade. Ele começou no O Povo como estagiário da Editoria de Polícia e por onde permeou toda a carreira depois no Diário do Nordeste, TV Verdes Mares e no último no Blog FR (Fernando Ribeiro), Rádio Plus e no CN7. Fernando Ribeiro foi para o Povo a convite do veterano repórter policial Pena Branca que estava montando nova equipe policial em O Povo. No O Povo e no Diário do Nordeste chegou a editor de Polícia. Fez dupla com Landry Pedrosa (já falecido) em O Povo. Fernando Ribeiro nasceu em primeiro de maio de 1964 e nos deixou nest

Orquestra São Gonçalo do Amarante apresenta Live com Waldonys e Bruna Ene

Nesta terça-feira (30), às 19 horas, através do Instagram ( @orquestramunicipalsga ), a Orquestra Municipal de São Gonçalo do Amarante (OMSGA) realiza a Live Bate-Papo com os artistas Waldonys e Bruna Ene, que falarão sobre carreira e sucesso para os alunos da Orquestra e também público em geral. A OMSGA é a primeira Orquestra da Região e, desde seu lançamento em 2015, tem despertado um novo olhar para o Cenário Cultural de São Gonçalo do Amarante, bem como a inclusão social através da Arte e da Cultura. E, durante a Pandemia do Novo Coronavírus-Covid-19, como Medida Preventiva e Protetiva, o Projeto adotou as Medidas Sanitárias necessárias de Distanciamento Social, adotando as aulas remotas e recursos online para que os estudantes pudessem acompanhar o ano letivo sem prejuízos de aprendizagem. De acordo com o idealizador do Projeto, o gestor e produtor cultural William Mendonça, essa programação de Lives surge de uma necessidade de reinvenção criativa.  - Nesse momento tão difícil de

Postagens mais visitadas deste blog

Morre radialista Will Nogueira

Morreu vítima de covid-19, na manhã desta segunda-feira (5), o radialista cearense Will Nogueira ( Francisco de Assis Nogueira Bastos), aos 60 anos . Will Nogueira estava internado, no Hospital São Carlos-Fortaleza, intubado há dez dias e nesta segunda-feira não resistiu as complicações da covid-19. O velório e sepultamento são restritos a familiares, na tarde desta segunda-feira no Cemitério Jardim Metropolitano (4º Anel Viário no Coaçu-Eusébio) Formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Ceará (UFC), Will Nogueira (foto) iniciou no Rádio na década de 1980 pela Rádio Iracema AM 1.300, no Programação Geração 80.  Trabalhou durante 36 anos no Sistema Verdes Mares SVM), dirigindo a Rádio FM 93. Também fez carreira na TV, atuando como apresentador dos programas Terral, na TV Ceará (ex-TV Educativa), e Sábado Alegre, na TV Diário.  Ultimamente depois da aposentadoria da FM 93, em 2015, era consultor em programação de Rádio e TV.   Por muitas vezes troquei ideias sobre Rádio

Familiares de Iraguassu Teixeira pedem doação para instituições de caridade no lugar de coroas de flores

Morreu no início da noite desta segunda-feira (22) aos 80 anos, o ex-vereador José Iraguassu Teixeira. Este estava internado há 15 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional Unimed Fortaleza com complicações da Covid-19. A família do Doutor Iraguassu informa que o velório acontece no Complexo Funerário Ethernus (Rua Padre Valdevino) com missa de corpo presente às dez da manhã e cremação às 11 da manhã desta terça-feira (23). O velório, missa e cremação são restritos aos familiares. A família solicita que ao invés de enviar coroas de flores façam um doação do valor a uma instituição de caridade de Fortaleza. Iraguassu Teixeira Filho - Hoje encerra-se a jornada do meu pai na terra. Façam uma oração por ele. Com profundo pesar informamos a partida do médico e ex-vereador de Fortaleza Doutor Iraguassú Teixeira, aos 80 anos, na noite desta segunda-feira (22), vítima de complicações causadas pela Covid-19. Iraguassu Teixeira estava internado na UTI do Hospital Regional

RioMar participa da Hora do Planeta 2021 neste sábado

Os Shoppings RioMar Fortaleza e Kennedy participam da Hora do Planeta neste sábado (26), às oito e meia da noite:

Morre jornalista e radialista Fernando Ribeiro

Morreu neste sábado (10 de abril), aos 56 anos de idade, vítima de complicações da covid-19, o jornalista e radialista Fernando Ribeiro. Fernando Ribeiro lutava contra a covid há 40 dias num leito do Hospital São José (HSJ), em Fortaleza. Fernando Ribeiro foi meu colega de turma no Curso de Comunicação Social-Jornalismo da Universidade Federal do Ceará (UFC). Entramos juntos em 1983.1 e saímos juntos em 1988.2. Tenho boas lembranças dele desde os bancos da faculdade. Ele começou no O Povo como estagiário da Editoria de Polícia e por onde permeou toda a carreira depois no Diário do Nordeste, TV Verdes Mares e no último no Blog FR (Fernando Ribeiro), Rádio Plus e no CN7. Fernando Ribeiro foi para o Povo a convite do veterano repórter policial Pena Branca que estava montando nova equipe policial em O Povo. No O Povo e no Diário do Nordeste chegou a editor de Polícia. Fez dupla com Landry Pedrosa (já falecido) em O Povo. Fernando Ribeiro nasceu em primeiro de maio de 1964 e nos deixou nest

Orquestra São Gonçalo do Amarante apresenta Live com Waldonys e Bruna Ene

Nesta terça-feira (30), às 19 horas, através do Instagram ( @orquestramunicipalsga ), a Orquestra Municipal de São Gonçalo do Amarante (OMSGA) realiza a Live Bate-Papo com os artistas Waldonys e Bruna Ene, que falarão sobre carreira e sucesso para os alunos da Orquestra e também público em geral. A OMSGA é a primeira Orquestra da Região e, desde seu lançamento em 2015, tem despertado um novo olhar para o Cenário Cultural de São Gonçalo do Amarante, bem como a inclusão social através da Arte e da Cultura. E, durante a Pandemia do Novo Coronavírus-Covid-19, como Medida Preventiva e Protetiva, o Projeto adotou as Medidas Sanitárias necessárias de Distanciamento Social, adotando as aulas remotas e recursos online para que os estudantes pudessem acompanhar o ano letivo sem prejuízos de aprendizagem. De acordo com o idealizador do Projeto, o gestor e produtor cultural William Mendonça, essa programação de Lives surge de uma necessidade de reinvenção criativa.  - Nesse momento tão difícil de