Pular para o conteúdo principal

Futricas Cearenses

  • Eis o Arquivo Nirez para sete de fevereiro na História do Ceará
  • 1890 - Toma posse na direção da Estrada de Ferro de Baturité - EFB, interinamente, o engenheiro João Câncio Teixeira da Silva. 
  • 1924 - Apresenta-se em concerto o flautista alemão Walter Schulz, no Theatro José de Alencar, com início às 20h30.
  • 1928 - Surge a Loja Maçônica Fortaleza 3, em sessão realizada na Faculdade de Farmácia e Odontologia do Ceará, na Rua Barão do Rio Branco, 309 (atual  1321), tendo como venerável Teodoro Cabral. Depois ela passou a funcionar na Avenida do Imperador, 125.
  • 1933 - O Partido Republicano Conservador e a Aliança Liberal fundem-se no Partido Republicano Nacionalista. Eram seus dirigentes: Carvalho Lima, Vicente Alves Linhares, João Marinho de Albuquerque Andrade (João Marinho de Andrade), José Pompeu Pinto Acioli (José Acioli), Manuel Sátiro, Olavo Oliveira e Stênio Gomes da Silva.
  • 1938 - Fundado por Antônio Filgueiras Lima e Paulo Sarasate Ferreira Lopes, o Instituto Lourenço Filho (depois Colégio Lourenço Filho), funcionando em prédio na Rua Floriano Peixoto, 963, entre a Rua Pedro Pereira e Rua Pedro I. Hoje é Faculdade e fica na Rua Barão do Rio Branco esquina com Avenida Domingos Olímpio.
  • 1943 - Morre, aos 40 anos incompletos, o guarda-livros e comerciante Jorge Vieira, cearense de Maranguape nascido a primeiro de março de 1903.
  • 1947 - A Escola Normal Justiniano de Serpa passa a chamar-se Instituto de Educação do Ceará, pelo Decreto-Lei 2.007.
  • 1957 - Assume a direção da Faculdade de Medicina do Ceará, o professor José Waldemar Alcântara e Silva, primeiro diretor nomeado pelo presidente da República.
  • 1969 - Assume o novo Capitão dos Portos do Ceará. Em substituição ao capitão de fragata Luís Carlos de Faria Vecchio, entra o também capitão de fragata, Luís Carlos Veiga do Amaral.
  • 1970 - Inaugura-se oficialmente a Cervejaria Astra, com fábrica no Papicu, do Grupo J. Macedo. A fábrica foi demolida em 2010, quando completou 40 anos. Hoje funciona o RioMar Fortaleza.
  • 1973 - O farmacêutico cearense Eudson Veras Vieira falece, em São Paulo, onde se encontrava fazendo um curso de pós-graduação.
  • 1974 - Fechado o Centro de Abastecimento Duque de Caxias, por completa falta de higiene, como se não fosse possível a higienização. Ficou abandonado, transformando-se numa favela. Acontece sempre em Fortaleza: abandona-se o equipamento e depois de degenerado ao invés de sanear, destrói-se. Os equipamentos tanto federais, estaduais como municipais são descartáveis. E a população que sofra.
  • 1975 - Inaugurado o Instituto de Oncologia do Ceará, na Rua Major Facundo, 1344, dirigido pelos médicos cancerologistas Paulo Ernesto Montenegro Cavalcante, Cândido Pinheiro de Lima, Francisco Álvaro de Andrade Neto, Manuel Albano Amora Filho e Francisco de Paula Fortaleza.
  • 1977 - Na presença do governador José Adauto Bezerra de Menezes é assinado o contrato entre a Companhia de Água e Esgoto do Ceará-Cagece e o Consórcio Pecal-Engenharia, Indústria e Comércio, de Fortaleza e Itapema Construção e Saneamento, do Rio de Janeiro, para construção do Interceptor Oceânico Leste.
  • 1984 - Anúncio de boas chuvas em todo o território cearense. Em Fortaleza, precipitação que mede 127 milímetros.
  • 1992 - Morre, em Fortaleza, o empresário Antônio Teixeira Leite, sócio da Livraria e Papelaria Educativa.
  • 1998 - Inaugurado oficialmente o novo Aeroporto Pinto Martins, isto é, a nova gare, no local da antiga estação, no Cocorote, obra executada pela Construtora Queirós Galvão S. A., tendo sido construída, para o acesso, uma Nova Avenida, ligando o bairro do Montese à BR-116, a Avenida Senador Carlos Jereissati, em cujo número 2000 fica o aeroporto. O novo terminal tem uma área construída de 36 mil metros quadrados, com quatro pavimentos, e possibilidade de atender 1.660 passageiros/hora, pátio que comporta 19 aeronaves, sendo sete conectadas diretamente às pontes de embarque (sanfonas) e estacionamento para mil veículos. A pista do aeroporto é a mesma. 
  • 2004 - Eleitos o Rei Momo e a Rainha do Carnaval para 2004. Renato Fagundes Diógens Viana, 120 quilos, 1m80cm de altura., 24 anos de idade e Amanda Lopes Veloso, universitária do curso de Educação Física da Unifor, 18 anos de idade, 1m58cm de altura e 58 quilos foram eleitos em festa realizada no Oásis, promovida pela Associação dos Cronistas Carnavalescos do Ceará e a Funcet, com apoio da Federação das Agremiações Carnavalescas do Ceará. A corte momina também é composta pelo rei e rainha infantis Ranier Oliveira e Caroline Albuquerque, escolhidos no Teatro São José. Os reis do Carnaval 2004 serão coroados no dia 14, durante o Baile da Saudade, no Náutico Atlético Cearense e farão a abertura oficial do carnaval de rua da Avenida Domingos Olímpio. Os reis infantis recebem a coroa e a faixa no baile infantil de carnaval do BNB Clube no mesmo dia.

Comentários


Comentários

Para comentários públicos, favor utilizar campo ao final da notícia, logo acima da publicidade.

Notícias mais acessadas do mês

Juiza nega pedidos de DJ Ivis

O DJ Ivis através de nota de sua assessoria jurídica informa que 'aguarda o curso da investigação e cumpre a decisão de medida protetiva, além de permanecer à disposição da Justiça'. DJ Ivis é acusado de bater na ex-esposa a arquiteta Pamella Holanda. Nesta segunda-feira (12 de julho) a juiz Maria José Sousa Rosado de Alencar negou pedido de Ivis para que fosse removido da Internet o vídeo onde aparece ele batendo em Pamella. A juiz negou também a solicitação para que Pamella fosse proibida de comentar a agressão na imprensa, 'principalmente onde cite a filha menor'. - Ela (Pamella) comunicou a imprensa fatos mentirosos relativos à violência doméstica veiculada em sites de Internet prejudicial a minha reputação", alegava DJ Ivis. - Não verifico no conteúdo divulgado qualquer conduta que ultrapasse o direito de expressão. Em isso, ocorrendo, torna-se impossível analisar o pedido, além de quer a concessão de tal pretensão, nos moldes formulados representaria ao direi

Polícia Federal prende suspeitos de golpes via Aplicativos de Mensagens

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (17/7), a Operação Swindle (Fraude, em inglês), com objetivo de desarticular grupo que realizava clonagens de números telefônicos para aplicar golpes via Aplicativo de Trocas de Mensagens. Policiais Federais cumprem cinco Mandados de Busca e Apreensão e dois Mandados de Prisão Preventiva no Maranhão e Mato Grosso do Sul expedidos pela Justiça Federal, em Brasília. O grupo abria contas bancárias falsas e utilizava contas "emprestadas” por partícipes para receber valores provenientes das fraudes aplicadas em razão do desvio dos terminais telefônicos, em que os agentes criminosos se “apossavam” das contas de WhatsApp de autoridades públicas e, fazendo-se passar por estas, solicitavam transferências bancárias das pessoas constantes de suas listas de contato. Os investigados responderão, na medida de suas participações, pelos crimes de de invasão de dispositivo informático, estelionato e associação criminosa, previstos nos artigos 154-A, parágrafo

Morre jornalista JL Rosa

Morreu, aos 35 anos, nesta segunda-feira (8/7/2024), em Fortaleza, o jornalista João Lucas Arruda Rosa. O Velório do corpo de JL Rosa será a partir das 13 horas desta terça-feira (9/7), na Funerária Paz Eterna (Avenida Barão de Studart, 2780-Dionísio Torres-Fortaleza-Ceará). O Sepultamento será às 16h30 desta terça-feira (9), no Cemitério São João Batista (Rua Padre Mororó-Centro-Fortaleza-Ceará). JL Rosa nasceu em 28 de dezembro de 1988. Deixa órfã a filha Amanda, de 10 anos. Com 18 anos de Fotojornalismo, JL Rosa participou de projetos em veículos de Comunicação e venceu dois prêmios nacionais da área. No período de 2019 a 2021, JL Rosa integrou a equipe de Fotografia do Grupo O Povo de Comunicação, no cargo de editor-adjunto.  Dentre os registros favoritos de JL Rosa estavam os de Esportes, como Futebol e Kitesurf.  JL Rosa colecionava imagens de atividades ao ar livre e paisagens de Fortaleza.  JL Rosa trabalhou nos jornais O Povo, Diário do Nordeste e na Câmara Municipal de Fortal

Atlântico e Naturágua arrecadam 25 mil litros de água para vítimas das enchentes no RS

Em uma demonstração de solidariedade e compromisso social, o Instituto Atlântico, em parceria com a Naturágua, enviou doações para auxiliar as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul.  A indústria de água mineral cearense doou 1.250 garrafões de 20 litros de água, o que totaliza 25 mil litros, para levar água potável às pessoas que estão passando por esse momento de vulnerabilidade. O Atlântico custeou o transporte das doações. Uma carreta da RMTLog Transporte e Logística partiu em 5 de junho e chegou à capital gaúcha na última quinta-feira (13). O material foi entregue na Paróquia Santa Catarina, em Porto Alegre, que atua como ponto de coleta e distribuição de doações, além de servir como abrigo para pessoas necessitadas. O Instituto Atlântico também mobilizou sua sede, localizada no Shopping Salinas, em Fortaleza, como ponto de coleta, para que colaboradores e membros da comunidade contribuíssem com doações. Durante a campanha, foram arrecadados itens como roupas, calçados, água,

Acidente fatal

"Um acidente envolvendo quatro veículos, entre eles um ônibus que fazia o trajeto São Paulo/Ceará, deixou cinco pessoas mortas na BR-135, em Montes Claros, no norte de Minas Gerais, na noite de ontem. De acordo com agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no município, o ônibus teria perdido o freio na descida e atingido um caminhão bitrem, uma carreta e uma moto, em um trevo da rodovia. Entre as vítimas fatais estão um bebê de nove meses, um passageiro e o motorista reserva, que estavam no ônibus, e o condutor da carreta. Uma pessoa chegou a ser socorrida, mas morreu na Santa Casa de Misericórdia de Montes Claros. A mãe do bebê está entre as vítimas feridas. No ônibus haviam 50 passageiros, e os feridos foram atendidos em hospitais da região. Segundo a PRF, o ônibus tinha autorização de viagem e lista de passageiros. ( Redação O POVO Online com informações do G1).

Postagens mais visitadas deste blog

Juiza nega pedidos de DJ Ivis

O DJ Ivis através de nota de sua assessoria jurídica informa que 'aguarda o curso da investigação e cumpre a decisão de medida protetiva, além de permanecer à disposição da Justiça'. DJ Ivis é acusado de bater na ex-esposa a arquiteta Pamella Holanda. Nesta segunda-feira (12 de julho) a juiz Maria José Sousa Rosado de Alencar negou pedido de Ivis para que fosse removido da Internet o vídeo onde aparece ele batendo em Pamella. A juiz negou também a solicitação para que Pamella fosse proibida de comentar a agressão na imprensa, 'principalmente onde cite a filha menor'. - Ela (Pamella) comunicou a imprensa fatos mentirosos relativos à violência doméstica veiculada em sites de Internet prejudicial a minha reputação", alegava DJ Ivis. - Não verifico no conteúdo divulgado qualquer conduta que ultrapasse o direito de expressão. Em isso, ocorrendo, torna-se impossível analisar o pedido, além de quer a concessão de tal pretensão, nos moldes formulados representaria ao direi

Polícia Federal prende suspeitos de golpes via Aplicativos de Mensagens

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (17/7), a Operação Swindle (Fraude, em inglês), com objetivo de desarticular grupo que realizava clonagens de números telefônicos para aplicar golpes via Aplicativo de Trocas de Mensagens. Policiais Federais cumprem cinco Mandados de Busca e Apreensão e dois Mandados de Prisão Preventiva no Maranhão e Mato Grosso do Sul expedidos pela Justiça Federal, em Brasília. O grupo abria contas bancárias falsas e utilizava contas "emprestadas” por partícipes para receber valores provenientes das fraudes aplicadas em razão do desvio dos terminais telefônicos, em que os agentes criminosos se “apossavam” das contas de WhatsApp de autoridades públicas e, fazendo-se passar por estas, solicitavam transferências bancárias das pessoas constantes de suas listas de contato. Os investigados responderão, na medida de suas participações, pelos crimes de de invasão de dispositivo informático, estelionato e associação criminosa, previstos nos artigos 154-A, parágrafo

Morre jornalista JL Rosa

Morreu, aos 35 anos, nesta segunda-feira (8/7/2024), em Fortaleza, o jornalista João Lucas Arruda Rosa. O Velório do corpo de JL Rosa será a partir das 13 horas desta terça-feira (9/7), na Funerária Paz Eterna (Avenida Barão de Studart, 2780-Dionísio Torres-Fortaleza-Ceará). O Sepultamento será às 16h30 desta terça-feira (9), no Cemitério São João Batista (Rua Padre Mororó-Centro-Fortaleza-Ceará). JL Rosa nasceu em 28 de dezembro de 1988. Deixa órfã a filha Amanda, de 10 anos. Com 18 anos de Fotojornalismo, JL Rosa participou de projetos em veículos de Comunicação e venceu dois prêmios nacionais da área. No período de 2019 a 2021, JL Rosa integrou a equipe de Fotografia do Grupo O Povo de Comunicação, no cargo de editor-adjunto.  Dentre os registros favoritos de JL Rosa estavam os de Esportes, como Futebol e Kitesurf.  JL Rosa colecionava imagens de atividades ao ar livre e paisagens de Fortaleza.  JL Rosa trabalhou nos jornais O Povo, Diário do Nordeste e na Câmara Municipal de Fortal

Atlântico e Naturágua arrecadam 25 mil litros de água para vítimas das enchentes no RS

Em uma demonstração de solidariedade e compromisso social, o Instituto Atlântico, em parceria com a Naturágua, enviou doações para auxiliar as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul.  A indústria de água mineral cearense doou 1.250 garrafões de 20 litros de água, o que totaliza 25 mil litros, para levar água potável às pessoas que estão passando por esse momento de vulnerabilidade. O Atlântico custeou o transporte das doações. Uma carreta da RMTLog Transporte e Logística partiu em 5 de junho e chegou à capital gaúcha na última quinta-feira (13). O material foi entregue na Paróquia Santa Catarina, em Porto Alegre, que atua como ponto de coleta e distribuição de doações, além de servir como abrigo para pessoas necessitadas. O Instituto Atlântico também mobilizou sua sede, localizada no Shopping Salinas, em Fortaleza, como ponto de coleta, para que colaboradores e membros da comunidade contribuíssem com doações. Durante a campanha, foram arrecadados itens como roupas, calçados, água,

Acidente fatal

"Um acidente envolvendo quatro veículos, entre eles um ônibus que fazia o trajeto São Paulo/Ceará, deixou cinco pessoas mortas na BR-135, em Montes Claros, no norte de Minas Gerais, na noite de ontem. De acordo com agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no município, o ônibus teria perdido o freio na descida e atingido um caminhão bitrem, uma carreta e uma moto, em um trevo da rodovia. Entre as vítimas fatais estão um bebê de nove meses, um passageiro e o motorista reserva, que estavam no ônibus, e o condutor da carreta. Uma pessoa chegou a ser socorrida, mas morreu na Santa Casa de Misericórdia de Montes Claros. A mãe do bebê está entre as vítimas feridas. No ônibus haviam 50 passageiros, e os feridos foram atendidos em hospitais da região. Segundo a PRF, o ônibus tinha autorização de viagem e lista de passageiros. ( Redação O POVO Online com informações do G1).